Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
Avatar do usuário
Por Jeniffeeee
#49260
A Revolução Industrial trouxe consigo diversos avanços tecnológicos, mas é notório que nem todas as pessoas participaram e continuam participando desse privilégio que é a tecnologia. Atualmente, pode-se perceber que grande parcela da população não tem conhecimentos básicos sobre a escrita, o que dificulta a sua inserção na era tecnológica e acaba favorecendo a exclusão digital.

Em primeiro lugar, convém ressaltar que a falta de acesso à educação afeta diretamente o analfabetismo digital, sendo este a consequência do primeiro. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 11 milhões de brasileiros não sabem ler nem escrever até os 15 anos, o que não deveria acontecer, já que a Constituição de 1988 garante ao cidadão o direito à educação. Conforme o dito, vê-se que uma pessoa sem conhecimentos básicos sobre a língua portuguesa jamais poderá se inserir no meio tecnológico, haja vista que ela não terá como explorar ou usufruir do que a tecnologia oferece. Logo, é notável que tal situação contribui para o problema e ainda traz um resultado, a exclusão digital.

Por conseguinte, é importante ressaltar que a exclusão digital deriva da escassez de conhecimentos tecnológicos, sendo que este acaba delimitando uma certa parcela de indivíduos que conseguem usar a internet de forma plena. De acordo com o site Forbes, 45% dos brasileiros sofrem exclusão digital, visto que eles não possuem entendimento necessário para o uso das redes. Análogo a isso, fica claro que esse grupo fica "de fora" de todas informações e utilidades que a internet oferece, sendo que isso acaba ocasionando uma frustação pessoal por não conseguir entender o que está acontecendo, gerando assim o sentimento de não pertencimento a uma nação. Desse modo, é necessário que medidas sejam tomadas.

Portanto, é urgente que essa adversidade seja solucionada. Assim, urge que o Ministério da Educação crie, por meio de verbas governamentais, palestras que ajudem os cidadãos a se incluirem nos meios digitais, a fim de que todos consigam usar essa ferramenta da melhor maneira possível. Essas palestras deverão ser realizadas nos espaços públicos, em que pessoas especializadas irão ensinar todos os mecanismos, para utilizar a internet, ao povo. Dessa maneira, a Revolução Industrial poderá ter o seu efeito em toda a sua totalidade.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 133

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 133

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 113

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora, de forma mediana, pouco consistente, proposta de intervenção relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto.

Avatar do usuário
Por Geralcinoj
#49336
CORREÇÃO (X)

A Revolução Industrial trouxe consigo diversos avanços tecnológicos, mas é notório que nem todas as pessoas participaram e continuam participando desse privilégio,(1) que é a tecnologia. Atualmente, pode-se perceber que grande parcela da população não tem os conhecimentos básicos sobre a escrita, o que dificulta a sua inserção na era tecnológica e acaba favorecendo a exclusão digital.

Em primeiro lugar, convém ressaltar que a falta de acesso à educação afeta diretamente o analfabetismo digital, sendo este a consequência do primeiro(2). (3) Segundo o IBGE(4) (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 11(5) milhões de brasileiros não sabem ler nem escrever até os 15(5) anos, o que não deveria acontecer, já que a Constituição de 1988 garante ao cidadão o direito à educação. Conforme o dito, vê-se que uma pessoa sem conhecimentos básicos sobre a língua portuguesa jamais poderá se inserir no meio tecnológico, haja vista que ela não terá como explorar ou usufruir do que a tecnologia oferece(6). Logo, é notável que tal situação contribui para o problema e ainda traz um resultado: a(7) exclusão digital.

Por conseguinte, é importante ressaltar que a exclusão digital deriva também(8) da escassez de conhecimentos tecnológicos, sendo que este acaba delimitando uma certa parcela de indivíduos que conseguem usar a internet de forma plena. De acordo com o site Forbes, 45% dos brasileiros sofrem exclusão digital, visto que eles não possuem entendimento necessário para o uso das redes. Análogo(9) a isso, fica claro que esse grupo fica "de fora"(10) de todas informações e utilidades que a internet oferece, sendo que isso acaba ocasionando uma frustação pessoal por não conseguir entender o que está acontecendo, gerando assim o sentimento de não pertencimento a uma nação. Desse modo, é necessário que medidas sejam tomadas.

Portanto, é urgente que essa adversidade seja solucionada. Assim, urge que o Ministério da Educação crie, por meio de verbas governamentais, palestras que ajudem os cidadãos a se incluírem nos meios digitais, a fim de que todos consigam usar essa ferramenta da melhor maneira possível. Essas palestras deverão ser realizadas nos espaços públicos, em que pessoas especializadas irão ensinar todos os mecanismos, para utilizar a internet,(12) ao povo. Dessa maneira, a Revolução Industrial poderá ter o seu efeito em toda a sua totalidade.(13)

Observações:
(1)-Oração subordinada explicativa é separada por vírgula.

(2)-Ficou confuso, pelo menos para mim. Se você quis interligar o tópico frasal com a primeira causa, dessa forma não funciona( não funciona com pronome, então deduzi que a maneira que você fez também não). Utilize algum sinônimo que ficaria bem melhor.

(3)-Nunca perca essas oportunidades de utilizar os termos coesivos. É importante para a avaliação positiva da competência 4.

(4)-Instituições bastantes conhecidas pode somente utilizar a sigla. Economizar linha é importante.

(5)-Os gramáticos recomendam que números com uma palavra, somente, precisa ser escrito por extenso. Melhor obedecer eles, né? :lol: (Do 21(três palavras) para cima que escreve o número)

(6)-Você escrever errado aqui. Você escreveu haja vista, que serve para apresentar o que causa (problema) dito anteriormente, mas você introduz outro problema.

(7)-Se colocar uma vírgula aqui, ocorre um truncamento de período (desvio). Substitua por dois pontos.

(8)-O também inseriria melhor o problema posterior.

(9)-Análogo é o mesmo que similarmente. Acho que não pegou bem em usá-lo aqui. Acho que ficaria melhor se fosse utilizado "Nessa perspectiva", "A partir disso", "Com base nisso" ou outro de sua preferência.

(10)-Colocar entre aspas não evita que não seja penalizado por marca de oralidade não, viu? :lol:

(11)-Eu estava ignorando os usos do gerúndio até agora, mas tem muitos. Gerúndio também é uma marca de oralidade. Utiliza outras classes gramaticais, como o infinitivo ou não flexione o verbo para o gerúndio (Ex.: ...acaba ocasionando... para ...ocasiona...)

(12)-Não entendi porque você isolou essa oração por vírgulas. Ela não está intercalada nem invertida.

(13)-Redundância. Figuras de linguagem não pode na redação, exceto elipse e zeugma.

Espero ter ajudado. Até mais.
Ps. Eu não analisei a sua argumentação muito, pois o tempo que tenho para corrigir já excedeu. Aguarde os outros membros para comentar sobre, se houver algum problema claro. Qualquer dúvida pode me marcar. Até. :D
Avatar do usuário
Por Jeniffeeee
#49348
@Geralcinoj, obrigadaaaa! Escrevi essa redação e senti que não estava muito boa, infelizmente eu não tinha muitos argumentos :?

Não sabia dessa questão dos números, irei usar desse modo agora. Sobre a observação 3, a palavra "segundo.." não serve como conectivo? Eu sempre usei achando que era a mesma coisa kkkkkk. O "haja vista" eu coloquei para tentar explicar algo, não me pareceu um novo problema.
Usei aspas na oralidade mas não valeu né :lol: não farei novamente. Na observação 12 eu pensei que ficaria estranho não colocar vírgula, mas na verdade poderia ter reformulado a oração. Obrigada pela correção! :D
Avatar do usuário
Por Geralcinoj
#49360
De nada! :D
Na observação (3), eu estou falando do conectivo que serve para ligar com o período anterior. Os conectivos que apresentei na observação (9) cairiam bem aqui também.

Olha, @Jeniffeeee . Destaco que posso estar errado, mas tentarei expor mais claramente a minha perspectiva dessa relação de palavras (Escrevi "você escrever errado..." na observação (6) :lol: Não vou editar porque achei muito engraçado)

CAUSA
EFEITO

Conforme o dito, vê-se que uma pessoa sem conhecimentos básicos sobre a língua portuguesa jamais poderá se inserir no meio tecnológico, haja vista que ela não terá como explorar ou usufruir do que a tecnologia oferece.

O principal problema que vejo é o problema da palavra "haja vista", que é o equivalente de "porque" e acho que ele foi utilizado de forma indevida.

Vou mostrar como acho que a frase estaria correta com o uso do conectivo de forma adequada.

(ADAPTADO)
Conforme o dito, vê-se que uma pessoa jamais poderá se inserir no meio tecnológico e não terá como explorar ou usufruir do que a tecnologia oferece, haja vista que ela não possui os conhecimentos básicos sobre a língua portuguesa.

É a mesma coisa que a frase: Eu não saio de casa sem álcool e máscara, haja vista que é preciso diminuir os casos de contaminação.

A sua frase está estruturalmente assim: É preciso diminuir os casos de contaminação com máscara, haja vista que o álcool também é importante. (ERRADO)

Consegue ver que o "haja vista" expõe a fonte do problema e não insere outro?
Avatar do usuário
Por Jeniffeeee
#49370
@Geralcinoj, oohhh, é verdade! Eu deveria ter colocado tudo invertido, igual você fez, ou posto outro conectivo, realmente...

Conforme o dito, vê-se que uma pessoa sem conhecimentos básicos sobre a língua portuguesa jamais poderá se inserir no meio tecnológico e, sendo assim, ela não terá como explorar ou usufruir do que a tecnologia oferece.

Desse modo também ficaria bom?
Avatar do usuário
Por Geralcinoj
#49383
Jeniffeeee escreveu:@Geralcinoj, oohhh, é verdade! Eu deveria ter colocado tudo invertido, igual você fez, ou posto outro conectivo, realmente...

Conforme o dito, vê-se que uma pessoa sem conhecimentos básicos sobre a língua portuguesa jamais poderá se inserir no meio tecnológico e, sendo assim, ela não terá como explorar ou usufruir do que a tecnologia oferece.

Desse modo também ficaria bom?
Sim! Dessa forma está correta também, pelo menos é o que eu acho.
Avatar do usuário
Por karensouzaf
#49653
Introdução
Ótima alusão histórica, citando a Revolução Industrial e seu legado até os dias atuais.
Mostrou que o tema é um problema mas não identifiquei os argumentos e tese.

Desenvolvimento 1
Mostrou que nem todos são incluídos nessa era digital, mas precisa dizer isso em períodos, faltou pontos e conectivos para fluir melhor a leitura .

Desenvolvimento 2
Trouxe dados, o que é excelente, embasa sua argumentação. Além disso, analisou esses dados mostrando os problemas que eles representam, entretanto, o período continua longo demais e sem uma estrutura visível.

Conclusão
Não identifiquei a conclusão, apenas mais um parágrafo de exposição do assunto e o mais importante: não identifiquei proposta de intervenção!

Resumo
Acredito que tenha visão crítica e repertório. Precisa apenas saber o que vai ser mais construtivo para o teu texto, de forma que não prolongue muito, de forma mais resumida. Ademais, trazer estrutura (introdução com tese e 2 causas/conseq; dois desenvolvimentos identificando esses argumentos, embasamento (dados, teorias, constituição federal....). E na conclusão, trazer a proposta de intervenção respeitando os direitos humanos com itens obrigatórios (quem, o que, como e finalidade).

Espero ter ajudado!!!
Qualquer dúvida da correção, me mande msg! ✨
Avatar do usuário
Por Jeniffeeee
#49686
@karensouzaf, oi! Agradeço a correção mas acho que ela não está condizente com a minha redação.

Em primeiro lugar, convém ressaltar que a falta de acesso à educação afeta diretamente o analfabetismo digital, sendo este a consequência do primeiro (tópico frasal). Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 11 milhões de brasileiros não sabem ler nem escrever até os 15 anos, o que não deveria acontecer, já que a Constituição de 1988 garante ao cidadão o direito à educação (repertório contextualizado). Conforme o dito, vê-se que uma pessoa sem conhecimentos básicos sobre a língua portuguesa jamais poderá se inserir no meio tecnológico, haja vista que ela não terá como explorar ou usufruir do que a tecnologia oferece ( argumentação). Logo, é notável que tal situação contribui para o problema e ainda traz um resultado, a exclusão digital.(fechamento)
Segui essa estrutura no D1 e D2!

Eu posso fazer períodos longos, desde que não seja em excesso, cada parte do texto eu separei um um período, foram quatro por parágrafo. O ENEM pede 3 a 4 períodos por parágrafo, o que se encaixa no meu texto.

Portanto, é urgente que essa adversidade seja solucionada. Assim, urge que o Ministério da Educação (agente)crie, por meio de verbas governamentais (meio), palestras que ajudem os cidadãos a se incluirem nos meios digitais (ação), a fim de que todos consigam usar essa ferramenta da melhor maneira possível (finalidade). Essas palestras deverão ser realizadas nos espaços públicos, em que pessoas especializadas irão ensinar todos os mecanismos, para utilizar a internet, ao povo (detalhamento). Dessa maneira, a Revolução Industrial poderá ter o seu efeito em toda a sua totalidade. (efeito)

A conclusão está completa, acho que você não havia percebido.

Então, é isso. Poderia detalhar os erros gramaticais? Qual é a pontuação que falta no D1? A meu ver, a sua nota não condiz com a sua correção. Até ;)

a cantora Ariana Grande, tem dois álbuns pr[…]

A constituição federal de 1988, docu[…]

vittorzao EduardoHh anaagomide

@GlendaMorais obrigada!💓

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM