• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#65655
A Constituição Federal, em seu artigo 208, atribui como dever do Estado a garantia da educação, mediante a universalização e atendimento dos direitos básicos do educando. No contraste com a realidade brasileira, a construção desses valores é ameaçada com a possibilidade de uma legislação específica para o ensino domiciliar, devido à falta de comprovação da aptidão dos tutores e a não existência de uma socialização entre jovens de mesma faixa etária.
Em primeira análise, é válido ressaltar a importância da socialização escolar para o desenvolvimento do indivíduo. A infância é o período no qual predomina a formação do intelecto do ser, por isso, o processo de socialização é fundamental para a construção das sociedades em diversos âmbitos, como dito pelo filósofo francês Émile Durkheim. Com isso, os indivíduos interagem e se integram por meio da comunicação, ao mesmo tempo que constroem o meio em que vivem, fazendo com que essa movimentação seja essencial para a compreensão, por exemplo, das regras para o convívio social.
Ademais, é fundamental ressaltar a existência de responsáveis não capacitados para ministrarem o ensino domiciliar, o que é um fator de grande relevância para as falhas desse modelo. Muitas vezes, os tutores não possuem a formação mínima necessária para dar aulas, além de não seguirem os conteúdos apontados na Base Nacional Comum Curricular. Aliado a isso, os órgãos que regem especificamente a área de educação, não acompanham o modelo de aprendizagem ou a frequência de estudo dada ao educando, o que torna o “homeschooling” uma modalidade pouco confiável, sem qualquer garantia de um ensino de qualidade.
Infere-se, portanto, que medidas devem ser tomadas para minimizar a necessidade do ensino domiciliar na infância. Cabe ao Ministério da Educação, órgão responsável pela gerência da educação pública no Brasil, a garantia de mais recursos para o funcionamento eficiente nas escolas, através de investimentos na estrutura, em professores qualificados e políticas que incluam de forma universal os estudantes, a fim de que se mantenha a legislação para que a escola continue sendo a maior responsável pela educação na sociedade.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#65665
Vou tentar corrigir sua vida ok? Vou apontar alguns detalhes que percebi. Primeiramente a base de uma redação é ter tese, repertório e solução, pontos esses que a sua redação tem. Sua competência 1 de gramática está relativamente boa! Citar a constituição como repertório foi algo inteligente de se fazer também.

Nas teses você poderia começar a argumenta-las no próximos parágrafos seguindo a ordem em que você apontou na introdução . No caso você colocou a "comprovação de aptidão do tutor" primeiro e depois "a falta de socialização entre os estudantes" depois. Então o primeiro parágrafo poderia ser argumentando sobre a aptidão do tutor. Faria com que a sua redação tivesse uma organização estrutural boa.

A introdução está boa

No Desenvolvimento 1 sempre deve ter tópico frasal+repertório+argumento, o seu D1 apresentou isso. Gostei do seu argumento, estava coerente com a tese apresentada. Ao final do trecho dos desenvolvimentos você pode sempre finalizar com uma reflexão se ainda sobrar linha. Exemplo: " Logo, tal cenário caótico não deve ser negligenciado pelo Estado e corpo social" ou " Dessa maneira, tais vicissitudes atuam no presente e, caso não haja intervenção, perdurarão no futuro".

No D2 não houve repertório mas acredito que não deve prejudicar muito na competência, ainda assim eu aconselharia você se garantir com um repertório a mais pra dar força ao que você está argumentando e mostrar pra o corretor que você tem um bom conhecimento sociocultural, isso com toda certeza faz uma diferença e te garante pontos a mais na competência. Além disso, seria bom você por consequências no final do seu argumento, por exemplo, na sua redação diz que:"... torna o "homeschooling" uma modalidade pouco confiável, sem nenhuma garantia de um ensino de qualidade", você poderia ter finalizado colocando algo como:" ... O que incide de maneira negativa no sistema educacional da nação e pode encadear na formação de profissionais desqualificados para o mercado de trabalho. Logo, é inaceitável o silenciamento Estatal/social diante desse cenário caótico" , isso torna tua redação bem confiante. Então procure sempre por ao final de argumento, uma consequência negativa ou positiva( dependendo do tema).

Na conclusão faltou detalhar um pouco a forma de como resolver esse problema, eu ainda tenho dificuldade com isso de detalhamento mas muitos professores e corretores já me falaram várias vezes para evitar propostas pouco específicas. Por exemplo: " investir em políticas", mas que políticas? De que maneira?. Sua conclusão ficou boa, faltou só esse pequeno detalhe.
Dica: termina tua redação com uma reflexão, isso da maior confiança. Claro, não é obrigatório!

No geral eu gostei muito da tua redação! Eu acredito que se você tem tese, repertório e proposta de intervenção, então você já tem uma redação pronta. E você tem isso! Então só mais prática, que dá certo.

Obs: Eu sou uma estudante assim como você, então seria bom ter outras pessoas pra corrigir tua redação também porque eu não tão boa nisso hahahaha. É isto, parabéns!!😊😂
#65666
susiv2209 escreveu:Vou tentar corrigir sua vida ok? Vou apontar alguns detalhes que percebi. Primeiramente a base de uma redação é ter tese, repertório e solução, pontos esses que a sua redação tem. Sua competência 1 de gramática está relativamente boa! Citar a constituição como repertório foi algo inteligente de se fazer também.

Nas teses você poderia começar a argumenta-las no próximos parágrafos seguindo a ordem em que você apontou na introdução . No caso você colocou a "comprovação de aptidão do tutor" primeiro e depois "a falta de socialização entre os estudantes" depois. Então o primeiro parágrafo poderia ser argumentando sobre a aptidão do tutor. Faria com que a sua redação tivesse uma organização estrutural boa.

A introdução está boa

No Desenvolvimento 1 sempre deve ter tópico frasal+repertório+argumento, o seu D1 apresentou isso. Gostei do seu argumento, estava coerente com a tese apresentada. Ao final do trecho dos desenvolvimentos você pode sempre finalizar com uma reflexão se ainda sobrar linha. Exemplo: " Logo, tal cenário caótico não deve ser negligenciado pelo Estado e corpo social" ou " Dessa maneira, tais vicissitudes atuam no presente e, caso não haja intervenção, perdurarão no futuro".

No D2 não houve repertório mas acredito que não deve prejudicar muito na competência, ainda assim eu aconselharia você se garantir com um repertório a mais pra dar força ao que você está argumentando e mostrar pra o corretor que você tem um bom conhecimento sociocultural, isso com toda certeza faz uma diferença e te garante pontos a mais na competência. Além disso, seria bom você por consequências no final do seu argumento, por exemplo, na sua redação diz que:"... torna o "homeschooling" uma modalidade pouco confiável, sem nenhuma garantia de um ensino de qualidade", você poderia ter finalizado colocando algo como:" ... O que incide de maneira negativa no sistema educacional da nação e pode encadear na formação de profissionais desqualificados para o mercado de trabalho. Logo, é inaceitável o silenciamento Estatal/social diante desse cenário caótico" , isso torna tua redação bem confiante. Então procure sempre por ao final de argumento, uma consequência negativa ou positiva( dependendo do tema).

Na conclusão faltou detalhar um pouco a forma de como resolver esse problema, eu ainda tenho dificuldade com isso de detalhamento mas muitos professores e corretores já me falaram várias vezes para evitar propostas pouco específicas. Por exemplo: " investir em políticas", mas que políticas? De que maneira?. Sua conclusão ficou boa, faltou só esse pequeno detalhe.
Dica: termina tua redação com uma reflexão, isso da maior confiança. Claro, não é obrigatório!

No geral eu gostei muito da tua redação! Eu acredito que se você tem tese, repertório e proposta de intervenção, então você já tem uma redação pronta. E você tem isso! Então só mais prática, que dá certo.

Obs: Eu sou uma estudante assim como você, então seria bom ter outras pessoas pra corrigir tua redação também porque eu não tão boa nisso hahahaha. É isto, parabéns!!😊😂
***tentar corrigir tua redação, pq a vida nem a minha eu tô dando conta Kkkkkkkkkk
#65737
susiv2209 escreveu:***tentar corrigir tua redação, pq a vida nem a minha eu tô dando conta Kkkkkkkkkk
Amei! Kkkkkkk. Dar conta da própria vida é um verdadeiro desafio! Entendo perfeitamente. :shock:
#65766
susiv2209 escreveu:Vou tentar corrigir sua vida ok? Vou apontar alguns detalhes que percebi. Primeiramente a base de uma redação é ter tese, repertório e solução, pontos esses que a sua redação tem. Sua competência 1 de gramática está relativamente boa! Citar a constituição como repertório foi algo inteligente de se fazer também.

Nas teses você poderia começar a argumenta-las no próximos parágrafos seguindo a ordem em que você apontou na introdução . No caso você colocou a "comprovação de aptidão do tutor" primeiro e depois "a falta de socialização entre os estudantes" depois. Então o primeiro parágrafo poderia ser argumentando sobre a aptidão do tutor. Faria com que a sua redação tivesse uma organização estrutural boa.

A introdução está boa

No Desenvolvimento 1 sempre deve ter tópico frasal+repertório+argumento, o seu D1 apresentou isso. Gostei do seu argumento, estava coerente com a tese apresentada. Ao final do trecho dos desenvolvimentos você pode sempre finalizar com uma reflexão se ainda sobrar linha. Exemplo: " Logo, tal cenário caótico não deve ser negligenciado pelo Estado e corpo social" ou " Dessa maneira, tais vicissitudes atuam no presente e, caso não haja intervenção, perdurarão no futuro".

No D2 não houve repertório mas acredito que não deve prejudicar muito na competência, ainda assim eu aconselharia você se garantir com um repertório a mais pra dar força ao que você está argumentando e mostrar pra o corretor que você tem um bom conhecimento sociocultural, isso com toda certeza faz uma diferença e te garante pontos a mais na competência. Além disso, seria bom você por consequências no final do seu argumento, por exemplo, na sua redação diz que:"... torna o "homeschooling" uma modalidade pouco confiável, sem nenhuma garantia de um ensino de qualidade", você poderia ter finalizado colocando algo como:" ... O que incide de maneira negativa no sistema educacional da nação e pode encadear na formação de profissionais desqualificados para o mercado de trabalho. Logo, é inaceitável o silenciamento Estatal/social diante desse cenário caótico" , isso torna tua redação bem confiante. Então procure sempre por ao final de argumento, uma consequência negativa ou positiva( dependendo do tema).

Na conclusão faltou detalhar um pouco a forma de como resolver esse problema, eu ainda tenho dificuldade com isso de detalhamento mas muitos professores e corretores já me falaram várias vezes para evitar propostas pouco específicas. Por exemplo: " investir em políticas", mas que políticas? De que maneira?. Sua conclusão ficou boa, faltou só esse pequeno detalhe.
Dica: termina tua redação com uma reflexão, isso da maior confiança. Claro, não é obrigatório!

No geral eu gostei muito da tua redação! Eu acredito que se você tem tese, repertório e proposta de intervenção, então você já tem uma redação pronta. E você tem isso! Então só mais prática, que dá certo.

Obs: Eu sou uma estudante assim como você, então seria bom ter outras pessoas pra corrigir tua redação também porque eu não tão boa nisso hahahaha. É isto, parabéns!!😊😂
Obrigadaaaaa <3

cassiahso , eu simplesmente AMEI sua corre&ccedi[…]

Ei Alice, Tudo bem? Vamos lá! Segundo[…]

Pra que título?

“Não são as crises que mudam […]

cassiahso ; LariLuiz Oiii Vou corrigir sua[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM