Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#60835
Ao analisar o tema podemos vêr -se que o ensino a distância se tornou um problema no Brasil. A dificuldade que já era existente pela desigualdade social, vem crescendo cada vez mais por famílias que estão vivendo sem recursos, e o ensino a distâncias em algumas instituições requer que seja ultilizado, internet, celulares, computadores, entre outros. contribuindo para que muitos jovens desistam de estudar por conta dessa dificuldade .
Podemos citar a teoria da modernidade liquida, do sociólogo, Zymount Bauman , que se refere a forma como nossa sociedade tem se moldado rapidamente como um liquido, de forma fluída. Porém ás nossas escolas continuam sólidas, sem mudança. nossa sociedade está aprendendo a viver em novas condições em meio a pandemia do covid- 19, e com isso a um novo "dificultador" ao acesso a educação.
Portanto assim se faz necessário para solucionar esse problemas de desigualdade e dificuldade ao acesso a educação, ser disponibilizado, computadores, ou tablet's para acesso as aulas remotas, a esses jovens e crianças, que são menos favorecidos.
De modo que o ministério das tecnologias e da educação, abram um projeto de lei que forneça esses recursos, e assim frear o ensino a distância como dificultador da educação.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 100

Você atingiu aproximadamente 50% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio mediano da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com alguns desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com estrutura sintática mediana para o grau de escolaridade exigido, porém com alguns desvios morfossintáticos, de pontuação, de grafia ou de emprego do registro adequado ao tipo textual.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 80

Você atingiu aproximadamente 40% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema recorrendo à cópia de trechos dos textos motivadores ou apresenta domínio insuficiente do texto dissertativo-argumentativo, não atendendo à estrutura com proposição, argumentação e conclusão, ou seja, com essa pontuação, ou o tema da redação é desenvolvido a partir de considerações próximas ao senso comum ou muito próximas do que foi proposto nos textos motivadores, sem progressividade, ou ainda o texto apresenta domínio precário do tipo textual exigido, com poucas características de uma dissertação, ainda que se reconheça o tema proposto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 80

Você atingiu aproximadamente 40% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas desorganizados ou contraditórios e limitados aos argumentos dos textos motivadores apresentados na proposta de redação.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 80

Você atingiu aproximadamente 40% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante apresenta repertório limitado de recursos coesivos e articula as partes do texto de forma insuficiente, com muitas inadequações, o que compromete a organização das ideias.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 60

Você atingiu aproximadamente 30% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora, de forma insuficiente, proposta de intervenção relacionada ao tema, sem clareza, ou não articulada com a discussão desenvolvida no texto.

#60948
A educação tem como foco quebrar barreiras econômicas e sociais, mas, nem sempre, ela é capaz de acompanhar às mudanças bruscas e às novas necessidades. Com isso, mesmo com todos os avanços tecnológicos, da Revolução técnica cientifica, ainda assim, a educação à distância, no Brasil, tem dificuldade para dispor acesso a todos de forma equitativa. Desse modo, mesmo que a tecnologia seja um enorme aliado, diante de uma epidemia, por exemplo, não há garantia de sua eficiência. Portanto, tal questão deve ser analisada pelos órgãos públicos, tendo como foca a disparidade social e a adaptação aos novos padrões.
Sob essa perspectiva, mesmo a nação brasileira sendo, extremamente, rica tanto em recursos naturais quanto econômicos, ela apresenta baixos IDH, segundo o IBGE. Nesse contexto, grande parte das dificuldades de se gerar uma educação de qualidade está ligada à disparidade social, mesmo no caso de ensino à distância. Assim, ainda que seja tipificado na Constituição Federal, promulgada em 1988, “Direito a educação para todos”, o acesso à educação fica (...) devido à escassez de (..). Configura-se, portanto, como inaceitável que o Governo não proporciona melhores condições para o ensino à distância, promovendo benefícios para as pessoas mais necessitadas.
Outrossim, colocando em cheque 2020, um ano totalmente conturbado, por conta do coronavírus e suas consequências, percebe-se que a dificuldade do acesso a educação está na adaptação ao novo “normal”. Sob esse viés, seguindo a linha de raciocínio de Habermas, filósofa, a educação está em concordância com a “Ação Comunicativa”. Contudo, a partir do momento que ela está desalinhada a essa assertiva, ela causa caos. Dessa forma, os órgãos públicos devem incentivar a educação a ser dinâmica e não obsoleta, posto que se possa acarretar toda uma situação de inaptidão.
Em síntese, certifica-se não apenas na teoria, mas também, na prática, o que é previsto por lei, objetiva-se sanar tal questão. Logo, o Ministério da Educação, em cooperação com o Ministério Público, através de ações afirmativas- aliados às políticas públicas, deve contribuir para o bem-estar social; assegurando medidas cabíveis à educação. Além disso, tendo como foco auxiliar a percepção social sobre essa questão, é imprescindível à divulgação de campanhas publicitárias de conscientização.
#61028
Ao analisar o tema podemos vêr -se que o ensino a distância se tornou um problema no Brasil. A dificuldade que já era existente pela desigualdade social, vem crescendo cada vez mais por famílias que estão vivendo sem recursos, e o ensino a distâncias em algumas instituições requer que seja ultilizado, internet, celulares, computadores, entre outros. contribuindo para que muitos jovens desistam de estudar por conta dessa dificuldade .

Fica:
A desigualdade social está causando o mau aproveitamento do ensino escolar pois algumas famílias não têm recursos para manutenção de materiais para permitir o ensino à distância. Sendo assim, vale ressaltar X e Y.

Rápido,fácil e direto ao ponto.Veja que não argumentei "algumas instituições requer que seja ultilizado, internet, celulares, computadores, entre outros." , Disse apenas que as famílias não têm condições para dar aos filhos o tal, e disse "sendo assim, vale ressaltar X e Y", o X e Y é a tua problemática, da qual tu não introduziu. Logo, certifique-se, de culpar um evento(X) ou dois(X e Y). Caso tu não atribua a problemática então não haverá proposta de intervenção. Simples.
Quanto ao resto do texto, não vou abordar, pelos motivos já listados. "Apenas culpe alguém",é o resumo.

Abraços, qualquer dúvida só chamar.
Dante escreveu:A educação tem como foco quebrar barreiras econômicas e sociais, mas, nem sempre, ela é capaz de acompanhar às mudanças bruscas e às novas necessidades. Com isso, mesmo com todos os avanços tecnológicos, da Revolução técnica cientifica, ainda assim, a educação à distância, no Brasil, tem dificuldade para dispor acesso a todos de forma equitativa. Desse modo, mesmo que a tecnologia seja um enorme aliado, diante de uma epidemia, por exemplo, não há garantia de sua eficiência. Portanto, tal questão deve ser analisada pelos órgãos públicos, tendo como foca a disparidade social e a adaptação aos novos padrões.
@Dante, coloque sua redação no tópico correto.
#61030
Assim, quando eu denotei sobre " disparidade social e adaptação aos novos padrões" e tratei sobre isso no desenvolvimento I e II, automaticamente, eu argumentei sobre um tópico, não? Tendo que eu problematizei e defende. Contudo, para alguns, pode não ter ficado claro.
Se tivesse colocado assim, ficaria melhor?

Portanto, tal questão deve ser analisada pelo viés social, seja pela disparidade social, seja por adaptação aos novos padrões, tendo em vista a função social que os órgãos públicos têm com sociedade.
Muito Obrigado, desde já.
Saúde mental na pandemia

A saúde mental já era uma quest&atil[…]

Naathy , olá, bom-dia! posso sim corrigir […]

@3m1ly boa tarde, poderia me ajudar fazendo a cor[…]

A violência contra a mulher é todo at[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM