• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#64761
No filme ''extraordinário'' mostra o aspecto do bullying com o personagem ''Auggie'' que sofre seres de preconceitos por meio de seus colegas de classe, muitas vezes sendo ridicularizado, menosprezado e excluído de atividades interativas em grupos sociais , fora desta realidade da ficção não ocorre ao contrário, muitos estudantes sofrem e passam por problemas semelhantes ou de mais dificuldade ao da ficção, sofrem ataques por conta de suas diferenças, traços físicos fora do padrão e até mesmo por serem tímidos.
  • Muitos estudantes sofrem com o bullying por conta de seus traços físicos , por os devidos agressores estarem enraizados em um padrão sem diversidade de traços físicos e estarem acostumados a não entender e respeita a diversidade dos seres , estes agressores se vem com a autoridade de praticar este ato por não respeitar ao seu próximo e sua complexidade de características, entranto muitos sofrem conseguintemente também por apenas serem e terem o hábito de ser introvertidos, o que gera no agressor uma forma de tentar ridicularizar e tentar se mostrar superior a aquele que se mantem introvertido. Muita destas problematizações de não terem empatia ao próximo não deveria existir, principalmente por conta que já existem formas de campanhas preventivas ao bullying, e algumas delas serem prestigiadas em escolas.
Por consequências destas formas de ódio temos uma geração de alunos mais exaustos, com menos interesses de ir a escola , com uma saúde mental esgotada, e também com muitos traumas ocasionados pelo bullying que pode interferir em sua vida a um longo prazo, Deste modo teremos pessoas mais frustradas, com mais problemas psicológicos e pouca motivação.
Portanto, o ministério da educação deve promover sérias campanhas com profissionais adequados para tratar destes problemas em escolas, promover também incentivos a empatia e a diversidade do próximo e obter formas de apoios para que os professores possam passar identificar alunos que sofrem deste problema, afim de que tenhamos uma sociedade mais saudável e com menos problemas mentais e traumas.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 80

Você atingiu aproximadamente 40% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio insuficiente da modalidade escrita formal da língua portuguesa, com muitos desvios gramaticais, de escolha de registro e de convenções da escrita. Seu texto apresenta estrutura sintática com certa organização, porém com muitos desvios morfossintáticos, de pontuação, de grafia ou de emprego do registro adequado ao tipo textual, que comprometem a compreensão das ideias.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 100

Você atingiu aproximadamente 50% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação previsível e apresenta domínio mediano do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Com essa pontuação, ou o tema da redação é desenvolvido adequadamente, porém de forma previsível, com pouco avanço em relação ao senso comum ou, embora o texto demonstre domínio adequado do tipo textual exigido, a progressão textual apresenta algum problema.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 100

Você atingiu aproximadamente 50% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 100

Você atingiu aproximadamente 50% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#64852
No filme ''extraordinário'' mostra o aspecto do bullying com o personagem ''Auggie'' que sofre seres de preconceitos por meio de seus colegas de classe, muitas vezes sendo ridicularizado, menosprezado e excluído de atividades interativas em grupos sociais , fora desta realidade da ficção não ocorre ao contrário, muitos estudantes sofrem e passam por problemas semelhantes ou de mais dificuldade ao da ficção, sofrem ataques por conta de suas diferenças, traços físicos fora do padrão e até mesmo por serem tímidos.

você precisa ser mais clara e objetiva, sem rodeios.
Por exemplo:


De modo ficcional, o filme "Extraordinário" retrata o bullying sofrido pelo personagem "Auggie" durante o Ensino Médio. Entretanto, fora da ficção não ocorre o contrário uma vez que muitos estudantes sofrem esse tipo de violência nas escolas brasileiras. Isso pode ser explicado(motivo), bem como(outro motivo). Dessa forma, medidas precisam ser tomadas no intuito de banalizar tal ato."

É apenas um exemplo. Percebe como sua introdução se reduziu a isso? Consegue notar como eu fui direto e objetivo? É isso que vc tem que melhorar.

Muitos estudantes sofrem com o bullying por conta de seus traços físicos , por os devidos agressores estarem enraizados em um padrão sem diversidade de traços físicos e estarem acostumados a não entender e respeita a diversidade dos seres , estes agressores se vem com a autoridade de praticar este ato por não respeitar ao seu próximo e sua complexidade de características, entranto muitos sofrem conseguintemente também por apenas serem e terem o hábito de ser introvertidos, o que gera no agressor uma forma de tentar ridicularizar e tentar se mostrar superior a aquele que se mantem introvertido. Muita destas problematizações de não terem empatia ao próximo não deveria existir, principalmente por conta que já existem formas de campanhas preventivas ao bullying, e algumas delas serem prestigiadas em escolas.




Por consequências destas formas de ódio temos uma geração de alunos mais exaustos, com menos interesses de ir a escola , com uma saúde mental esgotada, e também com muitos traumas ocasionados pelo bullying que pode interferir em sua vida a um longo prazo, Deste modo teremos pessoas mais frustradas, com mais problemas psicológicos e pouca motivação.

Você precisa organizar as ideias antes de escrever. Se pergunte;"sobre o que eu vou falar?", "Será que é relevante falar isso?".

*É CRUCIAL QUE VOCÊ SELECIONE AS IDEIAS MAIS IMPORTANTES*

Após isso, se pergunte;"por que isso acontece?", "quais as consequências?", "o que contribui para o problema?","por que esse problema ainda não foi resolvido?", Feito isso, você vai organizar os argumentos, DE FORMA CLARA e seguindo os padrões do ENEM, no seu texto.


procure usar mais conectivos, vai ajudar muito!

Portanto, o ministério da educação deve promover sérias campanhas com profissionais adequados para tratar destes problemas em escolas, promover também incentivos a empatia e a diversidade do próximo e obter formas de apoios para que os professores possam passar identificar alunos que sofrem deste problema, afim de que tenhamos uma sociedade mais saudável e com menos problemas mentais e traumas.

VOCÊ PRECISA SER MAIS CLARA
Por exemplo:
Portanto, compreende-se que o problema precisa ser resolvido. Nesse sentido, é necessário que o Estado, em parceria com o Ministério da Educação, promova camapanhas educacionais a fim de conscientizar os jovens da gravidade do problema. Paralelamente, é importante que as escolas abordem essa temática desde o nível básico de ensino. Assim, pode-se-á ter uma sociedade mais harmônica e com menos jovens doentes psicologicamente."




Não vou apontar seus erros gramaticais pq estou exausto. Mas use as dicas. Espero poder corrigir outras redações suas. :)
#64861
Os perigos da automedicação na cultura brasileira

O estudo sobre a medicina se iniciou no antigo Egito com o descobrimento de plantas medicinais. Esse estudo se estende até os dias de hoje onde a medicina avança em tratamentos e cura para várias doenças, o que infelizmente é ignorado por grande parte dos brasileiros que se automedicam contrariando a necessidade de buscar ajuda médica, por falta de informação, ou por falta de acesso ao um profissional, o que pode resultar em grande problema.
Em primeiro ponto podemos destacar que a automedicação pode camuflar a existência de doenças, promovem alìvio momentâneo deixando uma sensação de cura, quando na verdade está escondendo um grande problema.
Outro ponto igualmente importante é que a automedicação pode trazer sérios danos colaterais e até desenvolver novas doenças.
Conclui-se então que a automedicação é prejudicial e a sociedade precisa estar bem informada de seus efeitos. Portanto é necessário que as autoridades e o ministério da saúde divulguem campanhas informativas, como também facilitem o acesso a profissionais da saúde, contribuindo para o bem estar da sociedade.
Preconceito Linguístico

Conforme o poema "Pronominais" de Oswald[…]

Segundo dados do relatório Livre para Menst[…]

eurodrigo anasilva1 Bia2201 3m1ly Gi[…]

Atualmente os jovens estão se sentido press[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM