Avatar do usuário
Por gelogelado
Quantidade de postagens
#117600
A pesquisa IKS (The infant and Kids Study) mostra que cerca de 45% das crianças, na faixa de 10 a 12 anos, são sedentárias. O estudo também evidenciou que 75% das crianças de 7 a 12 anos passam quatro horas ou mais em frente à televisão ou computador. Comparando o exposto com a situação real e atual da sociedade, observa-se semelhanças, já que a liberdade dada pelos pais resulta no vício na tecnologia, então faz-se necessário analisar possíveis ações de combate ao sedentarismo infantil no Brasil. Isso ocorre tanto pela cultura de consumo, o que contribui, e muito, para o sedentarismo, quanto a falta de atividades físicas.
Sob esse viés, o tanto de eletrônicos consumidos, video games comprados, celulares, computadores, afeta diretamente a criança que ficará entretida durante a utilização desses objetos. Torna-se evidente, portanto, a falta de interesse na criança de brincar, e sair. Nesse sentido, facilmente a criança criará um vício em ficar constantemente nos eletrônicos, e perderá a sua vontade de entreter-se com outras crianças.
Além disso, a falta de atividades físicas aflige na infância pela ausência de vontade, e a distração com aparelhos tecnológicos. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a condição de sedentário é atingida quando não se pratica semanalmente pelo menos 150 minutos de atividade física em grau moderado e intenso. Diante disso, percebe-se que crianças e adolescentes estão cada vez mais deixando de praticar atividades físicas, e aumentando as porcentagens de sedentarismo. Sendo assim, uma ajuda dos educadores da educação física, e um incentivo dos pais eles praticariam mais atividades esportivas se dispersando dos aparelhos eletrônicos.
Infere-se, portanto, que medidas são necessárias para minimizar a problemática das possíveis ações de combate ao sedentarismo infantil no Brasil. Desse modo, cabe ao Agita São Paulo que é um programa pela Secretaria de Estado da Saúde em convênio com o CELAFICS promover à crianças e adolescentes um incentivo para as práticas físicas, e abandonar a tecnologia por determinado período de tempo, por meio de manuais, cartazes e volantes, videoconferências envolvendo as diretorias regionais de ensino, a fim de mobilizar a comunidade escolar para discutir as evidências positivas da cidadania ativa e promover atividades dentro e entorno da escola, onde caminhadas são incentivadas.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
211 Exibições
por Hanyerya65
0 Respostas 
185 Exibições
por leeeee
0 Respostas 
124 Exibições
por AlineA
1 Respostas 
32 Exibições
por Cdecarol
1 Respostas 
106 Exibições
por Hyque
1 Respostas 
208 Exibições
por Ade7373
0 Respostas 
5590 Exibições
por gabit55
0 Respostas 
1592 Exibições
por gabilac
4 Respostas 
454 Exibições
por 4nn4izabel
0 Respostas 
183 Exibições
por Xamu

EllieW por que minha proposta de interven&ccedi[…]

studymalus Katsmoking elloysa DaviHudson […]

Desde que o mundo é mundo, e que as formas […]

Olá, Oliveira1! Obrigado por enviar sua red[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM