Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#44561
No Feudalismo, a sociedade era estamental, sem a possibilidade de ascensão social para as classes mais pobres. Comparando com o Brasil, mesmo que seja viável mudar de condições financeiras, há muitos empecilhos em relação a isso em razão dos desafios da educação universitária, seja pela falta de diálogo sobre o assunto, ou pela agravante segregação social envolvida.
Em primeiro lugar, é importante salientar que o silenciamento é uma causa latente na problemática. Segundo o filósofo Focault, na sociedade pós-moderna, muitos temas são silenciados para que estruturas de poder sejam mantidas. Diante disso, verifica-se uma lacuna em relação aos debates sobre os obstáculos ligados ao ingresso e mantimento de um universitário no Brasil atual, o que contribui diretamente para a falta de consenso sobre o assunto, dificultando a sua resolução pelas autoridades.
Além disso, um outro fator é a segregação social antes e depois da inserção na universidade. De acordo com Paulo Freire, a educação é capaz de transformar o indivíduo, e os indivíduos podem mudar o mundo. Nessa perspectiva, com as barreiras financeiras que impedem jovens de estudar ou ter disponibilidade para trabalhar, torna-se inatingível essa modificação social, que envolve novas oportunidades para as melhorias de condições de vida.
Logo, medidas estratégicas são necessárias para que esse cenário se altere. Para isso, cabe ao MEC (Ministério da Educação) a criação do programa "Todos na Universidade", que doe bolsas de ensino aos universitários que necessitam através de uma pesquisa de renda e ofereça palestras em suas redes sociais acerca da importância desse programa semanalmente. Assim, será possível que a sociedade consiga transformar o mundo através da educação, como disse Paulo Freire.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#44571
Contextualização
Apresentação do tema
Tese
Tópico Frasal
Dados
Argumentação
Arrematação da Tese
Arrematação de tese na conclusão
Elementos da proposta de intervenção
Frase de efeito
Termos coesivos
Comentários

No Feudalismo, a sociedade era estamental, sem a possibilidade de ascensão social para as classes mais pobres. Comparando com o Brasil, mesmo que seja viável mudar de condições financeiras, há muitos empecilhos em relação a isso em razão dos desafios da educação universitária, seja pela falta de diálogo sobre o assunto, ou pela agravante segregação social envolvida.( Bom! Contextualiza, apresenta o tema e a tese!)

Em primeiro lugar, é importante salientar que o silenciamento é uma causa latente na problemática. Segundo o filósofo Focault, na sociedade pós-moderna, muitos temas são silenciados para que estruturas de poder sejam mantidas. Diante disso, verifica-se uma lacuna em relação aos debates sobre os obstáculos ligados ao ingresso e mantimento de um universitário no Brasil atual, o que contribui diretamente para a falta de consenso sobre o assunto, dificultando a sua resolução pelas autoridades.( Nesse desenvolvimento sua argumentação é pouco aprofundada. Aconselho a elaborar mais sua abordagem. Faltou a arrematação de tese no final!)

Além disso, um outro fator é a segregação social antes e depois da inserção na universidade. De acordo com Paulo Freire, a educação é capaz de transformar o indivíduo, e os indivíduos podem mudar o mundo. Nessa perspectiva, com as barreiras financeiras que impedem jovens de estudar ou ter disponibilidade para trabalhar, torna-se inatingível essa modificação social, que envolve novas oportunidades para as melhorias de condições de vida.( Nesse desenvolvimento digo o mesmo que o D1. Argumentação rasa e faltou a arrematação de tese!)


Logo, medidas estratégicas são necessárias para que esse cenário se altere. Para isso, cabe ao MEC (Ministério da Educação) ( Agente)a criação do programa "Todos na Universidade", ( Ação)que doe bolsas de ensino aos universitários que necessitam através de uma pesquisa de renda e ofereça palestras em suas redes sociais acerca da importância desse programa semanalmente( Detelhamento). Assim, será possível que a sociedade consiga transformar o mundo através da educação, como disse Paulo Freire.( Finalidade)( Conclusão incompleta! Faltou o Meio da Ação!)

Sua redação não é ruim, mas carece de aspectos relevantes. Estude argumentação, arrematação de tese e prpoposta de intervenção!
No mais, é só!
Bons estudos e espero a próxima correção! :D
#45453
Olá @kiara4, como já existe uma ótima correção, farei algumas pontuações com enfoque no conteúdo.

INTRODUÇÃO

"No Feudalismo, a sociedade era estamental, sem a possibilidade de ascensão social para as classes mais pobres. Comparando com o Brasil, mesmo que seja viável mudar de condições financeiras, há muitos empecilhos(1) em relação a (2)isso em razão dos desafios da educação universitária, seja pela falta de diálogo sobre o assunto, ou pela agravante segregação social envolvida."

- (1) Essa repetição gera uma certa redundância. Evite.
- (2) Esse elemento de retomada ficou muito distante da sua referência. O mais adequado seria usar algum sinônimo da referência.
- Na minha opinião, o primeiro argumento ficou vago, mesmo que você o desenvolva muito bem, posteriormente.

DESENVOLVIMENTOS

"Em primeiro lugar, é importante salientar que o silenciamento é uma causa latente na (da) problemática. Segundo o filósofo Focault, na sociedade pós-moderna, muitos temas são silenciados para que estruturas de poder sejam mantidas. Diante disso, verifica-se uma lacuna em relação aos debates sobre os obstáculos ligados ao ingresso e mantimento de um universitário no Brasil atual, o que contribui diretamente para a falta de consenso sobre o assunto, dificultando a sua resolução pelas autoridades."

- Seu argumento foi pouco desenvolvido.
- Recomendo a seguinte estrutura para desenvolvimento: 1 período: Tópico frasal; 2 período: Repertório; 3 período: Argumentação (foco principal) e 4 período: Fechamento interno ( retomar a tese, acrescentar consequências, reflexão, etc.). No seu texto faltou o último período, no caso.
- Para fazer um uso melhor do seu repertório, poderia ser esclarecido que estrutura de poder está sendo mantida com o silenciamento no âmbito universitário.
- Para enriquecer a argumentação cite qual a causa da existência da lacuna em relação aos debates. Poderia citar, também, alguns dos obstáculos. Isso pesa bastante na Competência 3.
- Outro ponto, na minha opinião esse argumento escolhido não é tão proveitoso, carece de relevância.


"Além disso, um outro fator é a segregação social antes e depois da inserção na universidade. De acordo com Paulo Freire, a educação é capaz de transformar o indivíduo, e os indivíduos podem mudar o mundo. Nessa perspectiva, com as barreiras financeiras que impedem jovens de estudar (1)ou ter disponibilidade para trabalhar, torna-se inatingível essa modificação social, que envolve novas oportunidades para as melhorias de condições de vida."

- A sua argumentação deve estar pautada sobre como acontece a segregação, qual a causa dela, e o que interfere no ciclo universitário.
- (1) o uso desse termo mostra uma opção apenas por uma das escolhas ( estudar ou trabalhar), então considero um equívoco, pois geralmente os estudantes vulneráveis precisam conciliar as duas coisas, o mais correto seria usar o "e".
- A argumentação está muito no senso comum e rasa.

Dicas para melhorar a argumentação:
- Desenvolva todas as suas ideias, o texto precisa ser autônomo e não deixar lacunas ao leitor.
- Utilize adjetivos e advérbios para marcar autoria.
- Faça sempre a seguinte pergunta: Consegui provar ao leitor de que essas são as causas/consequências do problema?

Na série americana 13 reasons why da plataf[…]

A constituição Federal, o livro de l[…]

Confesso que não corrijo modelos, mas me em[…]

jherodrigues Geralcinoj tropica33 podem pont[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM