Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#38196
O Conselho Nacional dos Direitos do Idoso tem por finalidade elaborar as diretrizes para a formulação e implementação da Política Nacional do Idoso. Sob essa ótica, atualmente, o envelhecimento da população é um desafio que atinge a sociedade brasileira, nesse sentido, essa problemática tem prorrogado inúmeras consequências geradas pela negligência governamental e pelo aumento da expectativa de vista em questão.
Em primeiro lugar, convém ressaltar que, a negligenciação perante a população idosa está entre as causas da problemática. Segundo essa perspectiva, dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil possui 23,5% de idosos o que corresponde 11% da população, em princípio, vê-se que a educação, os cuidados e principalmente a saúde da pessoa idosa encontra-se escassa, isso pode ser explicado pelo pensador Confúcio, o qual afirma que "não corrigir nossas falhas é o mesmo que cometer novos erros". Seguindo essa linha, é viável que falta a necessidade de reverter essa situação, ou seja, é imprescindível sua ampliação, porém infelizmente não se efetivou totalmente na atual realidade.
Em segundo lugar, ao se examinar a busca cada vez maior pela frequente expectativa de vida, verifica-se que esse quadro torna-se distante. Em virtude disso, é notório que a sociedade brasileira ainda produz formas de discriminação a indivíduos de grupos sociais distintos, principalmente aos idosos, impedindo assim a implementação nos direitos que por lei a eles são submetidos. Por conseguinte, de acordo com o filósofo Jurgen Habermas, incluir não é só trazer para perto mas também respeitar e crescer junto com o outro. Nessa consequência é lícito que a exclusão e esse impasse ligados a terceira idade não se concretizam plenamente.
Urge, portanto, que o Estado tome providências para amenizar essa situação. Precisa-se que o Ministério da Cidadania em parceria com o Governo Federal ampliem através de investimentos a área geriátrica, afim de disponibilizar os cuidados precisos aos idosos. Ademais é preciso também que o Ministério da Justiça e Segurança Pública reforcem através de postagens nas redes sociais sobre a violência e os maus tratos perante aos idosos e para conscientizar a população a respeito do problema. Somente assim, será possível efetivar os direitos dos idosos e garantir que eles sejam inclusos socialmente.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Segundo o sociólogo polonês Zygument[…]

O artigo sexto da Constituição Feder[…]

Logo mais te trago comentários. Obrigada […]

MatheusM33 , como já houve uma corre&cced[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM