Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#41279
O filme "O dilema das redes", fala sobre o vício pertinente das redes sociais no cotidiano do cenário Mundial, mas não somente entre os jovens, adultos também ficam entretidos a ponto de não perceberem o tempo gasto mexendo em seu celulares. Nesse viés, retrata a vida de uma família que tenta se desviar das redes que tornaram-se um hábito incansável para eles. No Brasil não é diferente, pois muitos se sentem presos aos seus celulares, sem desafixar os olhos, sendo o alvo principal jovens. Nesse sentido poucas pessoas conseguem sair desse patamar que se torna um hábito em suas vidas ao acordarem e dormirem, isso faz com que se sintam dependentes de tê-lo por perto.

Primeiramente, o hábito de se ter o celular sempre por perto faz com que esse indivíduo não perceba o estado de hipnose, por causa dos entretenimento e notificações das redes sociais que então sempre em alertas, Que são os mais conhecidos: Facebook, Instagram, Twitter e juntos com as demais redes. Dessa maneira, um indivíduo (jovem) não conseguirá ter uma ascensão social, pois muitas das vezes o celular não permite que ele desfrute de momentos com sua família e amigos. Com o filme "Black mirror: bandersnatch", conta que um jovem protagonista é controlado sem suas reais escolhas, um entretenimento para aqueles que estão fora da tela com o seus controles nas mãos fazendo as escolhas apertando um botão, que estará controlando todas as ações por ele, ou seja, Isso mostra que somos controlados pela tecnologia sem perceber, seja ela qual for, o mais comum são as redes virtuais, pois com um click abrimos muitas páginas virtuais que nos levam a sempre mais outras, isso se torna um ciclo vicioso e muitas das vezes incontrolável.

Por conseguinte, os efeitos dessa causa é pertinente, pois o que leva um, Leva a outro, como por exemplo, ver um amigo em seu celular, leva o outro a mexer, Porque não houve a verdadeira interação entre eles. Cabe analisar o posicionamento da família, pois isso fará com que esses jovens pertencentes a essa família ao se reunirem para almoçar ter o costume como hábito de ficar com seus smartphones em cima da mesa, fará com que outros fiquem e levem o mesmo costume adiante. São empecilhos que podem ser evitados se houver uma reconstrução no lar ou em seus hábitos.

Portanto, para essa intervenção ser feita é necessário que o Ministério da Educação e Cultura criem um projeto "fique mais com sua família e amigos". Por conseguinte, essa mensagem aparecerá ao abrir as redes sociais, explicando a esses jovens a importância que é estar presente com suas famílias e amigos e terem essa percepção de controle do tempo gasto em seus smartphones. O qual estará ajudando eles a se libertarem dos efeitos dessa tecnologia no cotidiano dos jovens brasileiros.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio mediano da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com alguns desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com estrutura sintática mediana para o grau de escolaridade exigido, porém com alguns desvios morfossintáticos, de pontuação, de grafia ou de emprego do registro adequado ao tipo textual.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 100

Você atingiu aproximadamente 50% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#41293
Contextualização
Apresentação do tema
Tese
Termos coesivos
Tópico Frasal
Dados
Argumentação
Arrematação da Tese
Elementos da proposta de intervenção
Frase de efeito
Comentários










O filme "O dilema das redes", fala sobre o vício pertinente das redes sociais no cotidiano do cenário Mundial, mas não somente entre os jovens, adultos também ficam entretidos a ponto de não perceberem o tempo gasto mexendo em seu celulares. Nesse viés, retrata a vida de uma família que tenta se desviar das redes que tornaram-se um hábito incansável para eles. No Brasil não é diferente, pois muitos se sentem presos aos seus celulares, sem desafixar os olhos, sendo o alvo principal jovens. Nesse sentido ( vírgula) poucas pessoas conseguem sair desse patamar que se torna um hábito em suas vidas ao acordarem e dormirem, isso faz com que se sintam dependentes de tê-lo por perto.
( Boa! Contextualiza e apresenta o tema e a tese!)


Primeiramente, o hábito de se ter o celular sempre por perto faz com que esse indivíduo não perceba o estado de hipnose, por causa dos entretenimento (entretenimentos)e notificações das redes sociais que então sempre em alertas, Que são os mais conhecidos: Facebook, Instagram, Twitter e juntos com as demais redes. Dessa maneira, um indivíduo (jovem) não conseguirá ter uma ascensão social, pois muitas das vezes o celular não permite que ele desfrute de momentos com sua família e amigos. ( Faltou o termo coesivo!)Com o (Sugiro trocar por: O Filme ) filme "Black mirror: bandersnatch", conta que um jovem protagonista é controlado sem suas reais escolhas, um entretenimento para aqueles que estão fora da tela com o seus controles nas mãos fazendo as escolhas apertando um botão, que estará controlando todas as ações por ele, ou seja, Isso mostra que somos controlados pela tecnologia sem perceber, seja ela qual for, o mais comum são as redes virtuais, pois com um click abrimos muitas páginas virtuais que nos levam a sempre mais outras, isso se torna um ciclo vicioso e muitas das vezes incontrolável.( Argumentação pertinente, porém ficou um pouco bagunçado. Aconselho estruturar melhor da próxima vez, por exemplo, eu sempre faço : tópico grasal, dados, argumentação e depois arrematação. Bem nessa ordem, fica mais fácil de compreender. Faltou arrematar a tese no final!)


Por conseguinte, os efeitos dessa causa é pertinente, pois o que leva um, Leva a outro, como por exemplo, ver um amigo em seu celular, leva o outro a mexer, Porque não houve a verdadeira interação entre eles. ( Faltou o termo coesivo!)Cabe analisar o posicionamento da família, pois isso fará com que esses jovens pertencentes a essa família ao se reunirem para almoçar ter(terem) o costume como hábito de ficar com seus smartphones em cima da mesa, fará com que outros fiquem e levem o mesmo costume adiante. São empecilhos que podem ser evitados se houver uma reconstrução no lar ou em seus hábitos.( Argumentação sem dados
comprovativos. Faltou meio de comprovação de seus argumentos. Estruture melhor da próxima vez! Arrematação da tese feita de maneira genérica. A solução do problema é feita na conclusão, logo, não precisa falar dela no desenvolvimento!))


Portanto, ( Faltou arrematar a tese!)para essa intervenção ser feita é necessário que o Ministério da Educação e Cultura ( Agente)criem um projeto "fique mais com sua família e amigos"((Ação). Por conseguinte, essa mensagem aparecerá ao abrir as redes sociais, explicando a esses jovens a importância que é estar presente com suas famílias e amigos e terem essa percepção de controle do tempo gasto em seus smartphones( Detalhamento meio confuso!). ( Faltou o termo coesivo!)O qual estará ajudando eles a se libertarem dos efeitos dessa tecnologia no cotidiano dos jovens brasileiros.( Finalidade) ( Conclusão incompleta! Faltou o meio da ação e explicar melhor o detalhamento! No início, também faltoua rrematar o problema!)

Continue praticando sua redação. Estude argumentação,proposta de intervneção, termos coesivos, vírgula, alusões históricas e meios que possam comprovar sua tese. Utilize temas fácei e depois vá para os dificies. Qualquer coisa tamo ai! ;)

Segundo o sociólogo polonês Zygument[…]

O artigo sexto da Constituição Feder[…]

Logo mais te trago comentários. Obrigada […]

MatheusM33 , como já houve uma corre&cced[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM