Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#43982
No ano de 1904 o Rio de Janeiro enfrentava as adversidades da varíola doença a qual somente era combatida pela vacina , porém, a população da época desconhecia os benefícios e não davam importância , por esse motivo , recusavam. Neste contexto, no Brasil contemporâneo a problemática ainda é persistente, pois muitos cidadãos são negligentes em prol de se protegerem com a vacinação. Diante disso, torna-se necessário enfrentar esse desafio que encontra-se tanto na ausência de informação quanto na educação lacunar.


Primeiramente, é relevante salientar que a falta de notícias nas comunidades é uma causa latente no problema. Segundo o filósofo Habermas, descreve que a linguagem é uma verdadeira forma de ação.  Sob essa lógica, é notável que, hodiernamente, as comunidades carentes são mais atingidas,  pois grande parte são ignorantes sobre a crusialidade da vacinação e, lamentavelmente, a escassez de dabate é visível concerne à prevenção e imunização. Dessa forma,  é essencial  disseminar os cuidados de forma massiva.


Em segundo plano, outro obstáculo encontrado está na lacuna educacional. De acordo com o ativista Nelson Mandela, a educação é a arma mais poderosa que existe para mudar o mundo. Seguindo essa lógica, é nítido que as dificuldades da popularização da vacinação vêm desde os ensinos primários escolar que , infelizmente, não é explicitamente difundindo a primordialiade da vacina para a prevenção das atrocidades maiores,  por exemplo,  a perda de um ente. Logo, são necessárias mudanças estatais para reverter tal conjuntura .


Portanto, esse desafio precisa ser combatido para a expansão da vacina no Brasil.  Assim, urge que o Ministério da Saúde juntamente com o Ministério da Educação,  deverá criar nas escolas pelestras educativas semanais relacionado a importância da vacinação,  por meio da mediação de médicos, a fim  de maximizar a popularização das vacinações e minimizar as catástrofes.  Tal ação deve ser aberta à toda comunidade contendo material impresso , será imprescindível o apoio dos agentes de saúde em expandir a relevância da imunização nos bairros carentes. Somente com está proposta, enfim, aumentará o conhecimento eficiênciente da vacinação se distanciando da ignorância que ocorreu em 1904.






@Ashiley @Andree @EduardoPedro @GlendaMorais



Olá, gostaria que alguém de vocês corrigisse a minha redação, sou muito grata pelo apoio, pois tenho aprendido muitíssimo com vocês. ❣
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 170

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 150

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#44027
Contextualização
Apresentação do tema
Tese
Tópico Frasal
Dados
Argumentação
Arrematação da Tese
Arrematação de tese na conclusão
Elementos da proposta de intervenção
Frase de efeito
Termos coesivos
Comentários

No ano de 1904 ( vírgula)o Rio de Janeiro enfrentava as adversidades da varíola doença a qual somente era combatida pela vacina , porém, a população da época desconhecia os benefícios e não davam importância , por esse motivo , recusavam. Neste contexto, no Brasil contemporâneo a problemática ainda é persistente, pois muitos cidadãos são negligentes em prol de se protegerem com a vacinação. Diante disso, torna-se necessário enfrentar esse desafio que encontra-se tanto na ausência de informação quanto na educação lacunar.( Boa! Contextualiza, apresenta o tema e a tese!)


Primeiramente, é relevante salientar que a falta de notícias nas comunidades é uma causa latente no problema. Segundo o filósofo Habermas, descreve que a linguagem é uma verdadeira forma de ação. Sob essa lógica, é notável que, hodiernamente, as comunidades carentes são mais atingidas, pois grande parte são ignorantes sobre a crusialidade da vacinação e, lamentavelmente, a escassez de dabate é visível concerne à prevenção e imunização. Dessa forma, é essencial disseminar os cuidados de forma massiva.( Nesse desenvolvimento sua argumentação foi rasa e superficial. Aconselho a estruturar e explorar melhor suas ideiais!)


Em segundo plano, outro obstáculo encontrado está na lacuna educacional. De acordo com o ativista Nelson Mandela, a educação é a arma mais poderosa que existe para mudar o mundo. Seguindo essa lógica, é nítido que as dificuldades da popularização da vacinação vêm desde os ensinos primários escolar que , infelizmente, não é explicitamente difundindo a primordialiade da vacina para a prevenção das atrocidades maiores, por exemplo, a perda de um ente. Logo, são necessárias mudanças estatais para reverter tal conjuntura .( Nesse desenvolvimento digo o mesmo que o D1. Elabore melhor seus parágrafos. Sua arrematação de tese não está pertinente. Nela diz que o problema precisa de solução, algo a ser dito na conclusão, logo, desnecessário trazer isso para o desenvolvimento! Apenas retome a ideia do tópico frasal!)


Portanto, esse desafio precisa ser combatido para a expansão da vacina no Brasil. Assim, urge que o Ministério da Saúde ( vírgula)juntamente com o Ministério da Educação, (Agente)deverá criar nas escolas pelestras educativas semanais relacionado a importância da vacinação( Ação), por meio da mediação de médicos,( Meio) a fim de maximizar a popularização das vacinações e minimizar as catástrofes( Finalidade). Tal ação deve ser aberta à toda comunidade contendo material impresso , será imprescindível o apoio dos agentes de saúde em expandir a relevância da imunização nos bairros carentes.( Detalhamente) Somente com está proposta, enfim, aumentará o conhecimento eficiênciente da vacinação se distanciando da ignorância que ocorreu em 1904.( Conclusão completa!)

Sua redação ainda apresenta os mesmos problemas que notei na última correção. Aconselho trabalhar mais sua argumentação.
Bons estudos.
No mais, é só!
Espero a próxima! :D
#44096
@Lamounier

Erros
Correção
Comentários
Os 5 elementos
Outras observações

Introdução
No ano de 1904 o Rio de Janeiro enfrentava as adversidades da varíola doença a qual somente era combatida pela vacina , porém, a população da época desconhecia os benefícios e não davam importância , por esse motivo , recusavam. Neste contexto, no Brasil contemporâneo a problemática ainda é persistente, pois muitos cidadãos são negligentes em prol de se protegerem com a vacinação. Diante disso, torna-se necessário enfrentar esse desafio que encontra-se tanto na ausência de informação quanto na educação lacunar.
Boa introdução. Possui repertório, problematização e tese... pelo o que entendo mais ou menos de vírgulas :lol:, faltaram algumas aí no decorrer do parágrafo. Não fiz marcações, pois a Glenda já fez e também estou me aprimorando mais nessa questão, então prefiro me referir ao uso da vírgula mais para frente!

Desenvolvimento 1
Primeiramente, é relevante salientar que a falta de notícias nas comunidades é uma causa latente no problema. Segundo o filósofo Habermas, descreve que (desnecessário) a linguagem é uma verdadeira forma de ação. Sob essa lógica, é notável que, hodiernamente, as comunidades carentes são mais atingidas, pois grande parte são ignorantes sobre a crusialidade da vacinação e, lamentavelmente, a escassez de dabate debate é visível (Aqui ficou um pouco sem conexão) concerne à prevenção e imunização. Dessa forma, é essencial disseminar os cuidados de forma massiva.
Concordo com a Glenda que você poderia argumentar mais um pouco, mas de resto há uma boa organização e uso de conectivos!

Desenvolvimento 2
Em segundo plano, outro obstáculo encontrado está na lacuna educacional. De acordo com o ativista Nelson Mandela, a educação é a arma mais poderosa que existe para mudar o mundo. Seguindo essa lógica, é nítido que as dificuldades da popularização da vacinação vêm desde os ensinos primários escolar que , infelizmente, não é explicitamente difundindo a primordialiade primordialidade da vacina para a prevenção das atrocidades maiores, por exemplo, a perda de um ente. Logo, são necessárias mudanças estatais para reverter tal conjuntura .
A meu ver, esse parágrafo já está melhor!

Conclusão
Portanto, esse desafio precisa ser combatido para a expansão da vacina no Brasil. Assim, urge que o Ministério da Saúde juntamente com o Ministério da Educação (agente), deverá criar crie nas escolas pelestras palestras educativas semanais relacionado relacionadas a importância da vacinação (ação), por meio da mediação de médicos (meio/modo), a fim de maximizar a popularização das vacinações e minimizar as catástrofes (efeito/finalidade). Tal ação deve ser aberta à toda comunidade contendo material impresso , será imprescindível o apoio dos agentes de saúde em expandir a relevância da imunização nos bairros carentes (detalhamento). Somente com está esta proposta, enfim, aumentará o conhecimento eficiênciente eficiente da vacinação se distanciando da ignorância que ocorreu em 1904.
Proposta completa!

Boa redação, mas se atente principalmente na competência 1 (devido desvios de pontuação e de escrita) e na competência 3 em razão da argumentação pouco aprofundada. Bons estudos e parabéns pela redação!
#44128
Lamounier escreveu:@GlendaMorais


Muitíssimo obrigadaa ❣


Então, eu tenho muita dificuldade em argumentar :| - essa parte da argumentação é o meu calcanhar de Aquiles -, porém , irei buscar melhorias .

(Obs: Se você tiver alguma dica sobre como melhorar na argumentação eu ficaria grata. ) :D




@Ashiley OK 😊
Então! Lembre-se sempre que a argumentação deve ser maior que o repertório porque ela é o que importa no parágrafo! É a parte mais importante. Faça-se sempre a pergunta: será que consegui convencer o leitor? O que mais eu poderia explorar do assunto? Enfim, sempre tentando argumentar sobre o tema de forma completa!. Espero ter ajudado!

É de fundamental importância a discus[…]

O perigo da crise hídrica no Brasil

Avidez Inconsciente O Nilo com mais de 7 mil q[…]

Quem puder me ajudar, agradeço demais! Um a[…]

A constituição federal de 1988, docu[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM