Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#42066
 No século XX, a produção de fumo no Brasil se intensificou, essencialmente nas regiões Sudeste e Centro-Oeste da nação. Esse acontecimento foi fruto de uma "Cultura hollywoodiana", a qual trata o cigarro como essencial na vida de um indivíduo. Tal panorama, alavancou os problemas de saúde pública na nação, sobretudo no que se refere à dependência do tabaco por grande parte da população brasileira. Essa realidade se deve, substancialmente, à inércia governamental e ao silenciamento das escolas.

Em primeira análise, vale salientar que o Brasil carece de atuação governamental no que tange à problemática. Nesse contexto, apesar da Constituição Federal de 1988 prever o direito pleno à saúde para todos os cidadãos brasileiros, evidencia-se, atualmente, uma quebra nessa previsão constitucional. Isso porque o Estado - com interesses econômicos sobre a indústria tabagista - insenta-se do seu papel de garantir o bem-estar da população, já que, muitas vezes, as pessoas, por não terem conscientização estatal, são atraídas pelo consumo vicioso de cigarros. Logo, esse atraso cognitivo - tanto dos usuários quanto do governo - distancia o País de um progresso sanitário eficiente.

Ademais, é lícito pontuar a falta de discussão, no ambiente escolar, sobre os malefícios causados pela dependência à nicotina. Segundo o filósofo Immanuel Kant, o ser humano é aquilo que a educação faz dele. Sob essa perspectiva, constata-se a importância de um bom plano educacional, o que não tem ocorrido no Brasil, uma vez que pouco se tem debatido sobre os perigos do consumo do tabaco no âmbito estudantil. Consequentemente, substancial parcela dos estudantes são atraídos pelo "modismo hollywoodiano", o que, lamentavelmente, dificulta o combate contra essa adversidade.

Portanto, fica evidente a necessidade de criar caminhos para combater o tabagismo na sociedade brasileira. Para isso, urge que o Ministério da Saúde - órgão responsável pelas políticas sanitárias do País - desenvolva campanhas sobre os riscos do consumo de tabaco, por meio dos veículos de comunicação, a fim de reduzir o índice de fumantes no corpo social. Paralelamente, as instituições de ensino - desde a educação infantil até o Ensino Médio - deverão ter aulas no tocante à saúde, por intermédio de alteração na Lei de Diretrizes e Bases da Educação, com o intuito de conscientizar os alunos em relação aos males do cigarro. Assim, a sociedade brasileira distanciar-se-á do pensamento "hollywoodiano".
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Sua nota ficou 580! Espero ter ajudado! ;) Ach[…]

3m1ly , obrigada pela correção, me […]

Geralcinoj , Sobre o desenvolvimento, eu deveria[…]

jherodrigues , gostei bastante da sua redaç[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM