Por Wesley1234
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#28854
A colonização foi o período em que, houve domínio português na América do sul, ocasionando conflitos na sociedade, cultura e economia mudando a convivência social entre colonos e nativos. Atualmente, o problema não é colonizar, mas situações sócias tais como evasão escolar e falta de qualificação profissional.
Em primeiro plano, convém ressaltar que a problemática deve-se as falhas na questão legal e sua aplicação, haja vista que, conquanto a Constituição Federal de 1988, norma de maior hierarquia no sistema jurídico, garanta campanhas para o sistema educional visando a garantia para todos. No entanto, apesar da defesa constitucional, nota-se que causas como estas: evasão escolar, ausência de cognitividade crítica e união precoce persistem no território brasileiro, devido a ausência de recursos financeiros e busca pela independência do mesmo. Assim, circunstâncias como essas continuam a prevalecerem na população.
Em segundo plano, destaca-se de início arrependimento na fase adulta como consequência do óbice. Nesse sentido, segundo Rousseau na obra, "Contrato Social," cabe ao Estado viabilizar ações como cursos EAD e palestras, o segundo, é para relatar sobre a má escolha no que diz respeito a saída da escola garantindo o bem-estar juvenil. Em contrapartida, observa-se que mesmo com medidas estatais o índice de jovens e adolescentes que saem da escola é de 60 porcento. Dessa forma, é inaceitável que, em pleno terceiro milênio com várias oportunidades e educação para todos, é possível visualizar o acharque prejudicando a nação, violando o que é assegurado constitucionalmente.
Infere-se, portanto, que alternativas sejam efetivadas para combater o importúnio. Sendo assim, o Governo Federal, como instância máxima da administração executiva deve atuar em favor da população, através de eventos educionais, por meio de professores que possam conscientizar sobre os problemas que uma pessoa sofre ao deixar o colégio ainda jovem a fim de inibir a maleficência e evitar que se espalhe.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Abuso sexual infantil

Boa noite, você escreve muito bem, mas recom[…]

Celular um amigo ou inimigo?

É notório que, na modernidade contem[…]

Invisibilidade e Registro civil

No romance filosófico "Utopia" cr[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM