Avatar do usuário
Por Allan483
Quantidade de postagens
#115224
Na história de quadrinhos japonês “Boa Noite Punpun”, acompanhamos a história do protagonista Punpun em sua jornada como uma criança que se envolve em turbulentas questões emocionais e, pelo incentivo sobre a visão irreal da masculinidade, posteriormente acaba se tornando um adulto com conflitos internos e prejudicando sua vida pessoal e relacionamentos. Partindo desse mesmo princípio, ocorre uma semelhança com os homens da sociedade atual, que tem uma repressão sobre assuntos íntimos masculinos quando confrontados em situação diversas; sejam elas simples questões de conversas ou a necessidade de um exame para a detecção de doenças, como por exemplo, o câncer de próstata, levando para anos mais tardios e resultando em infelicidades no tratamento.

Ligado a isso, ocorre uma tradição sociocultural de um sistema patriarcal, que busca enaltecer o homem com características como robustez, força e principalmente a ausência de defeitos por motivos de gênero. Tais peculiaridades dos homens pouco é confrontada pelo governo atual, que não busca desassociar esses adjetivos defasados, mas que por muitas vezes incentiva ao inserir majoritariamente os homens com um papel protagonista em esportes, carreiras militares e trabalho braçais.

Nesse viés, algumas dessas características masculinas são constantemente disseminadas ao tratar sobre matérias escolares que pouco toca no assunto de uma ótica alternativa, tal qual incentiva e propaga essa visão sobre a masculinidade e sua errada fragilidade. A partir da conclusão de escolaridade, o indivíduo masculino participa da sociedade com o mesmo pensamento que a geração anterior e cria-se esse ciclo que, ao saber sobre o câncer de próstata, os faz demonstrar vergonha e consequentemente não buscar o tratamento e nem falar do assunto.

Nessa perspectiva abordada, é, portanto um dever do governo ser um ponto central, a fim de, reverter tais impasses para combater o câncer de próstata. Para isso deve-se haver investimentos na divulgação precoce do assunto na mídia e em campanhas publicitárias e a inserção desses tópicos na grade curricular do aluno a fim de buscar a reversão desse aglomerado de pensamentos errôneos a gerações. Somente dessa forma poderemos sanar os impasses para combater o câncer de próstata.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
1091 Exibições
por Sabrina00
3 Respostas 
222 Exibições
por Casey12
2 Respostas 
245 Exibições
por Maryccn00
0 Respostas 
123 Exibições
por lutest
3 Respostas 
352 Exibições
por Delbis1502
6 Respostas 
199 Exibições
por caio452
0 Respostas 
115 Exibições
por Mirelldbwi
0 Respostas 
116 Exibições
por ribeiroemily
0 Respostas 
173 Exibições
por ShayShay
0 Respostas 
131 Exibições
por Yasmim2023

Crítico. Tolerante. Consciente. Esperan&cce[…]

Desde o período antigo, filósofos co[…]

O trabalho sempre foi alvo de uma suposta valoriza[…]

Como tudo no mundo, os recursos tecnológico[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM