Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
Avatar do usuário
Por EduNobres
#49369
No filme "Hoje eu quero voltar sozinho",é contada a história do adolescente Leonardo, que é deficiente visual e passa pelas mais diferentes situações de discriminação e preconceito em diferentes âmbitos sociais, como na escola e até mesmo na família. Não distante da ficção, situações de capacitismo como as vividas pelo jovem, são muito corriqueiras no Brasil e manifestam-se das mais variadas formas. Com efeito, compreende-se que esse quadro nacional de opressão contra pessoas deficientes é fruto não só da exclusão dos mesmos no âmbito escolar, mas também da falta de representatividade e discussão acerca do tema nos meios de comunicação. Dessa forma, é necessária a reformulação de tais parâmetros, a fim do pleno funcionamento da sociedade.

Sob esse viés, é necessário compreender que a continuidade do capacitismo no Brasil é resultado das ações de uma sociedade que foi educada em escolas que normalizaram a exclusão de alunos deficientes nas atividades escolares, limitando o convivio desses com a maioria do corpo escolar. Similarmente, na animação japonesa "Koe no katachi" é retratada a jornada escolar de uma aluna surda que vivencia no ambiente educacional os diferentes espectros do capacitismo, vindo esse tanto do bullying recebido por colegas, quanto da negligência dos professores acerca da sua condição. A partir disso, entende-se que a maneira excludente que o corpo escolar -considerado um formador social- trata os alunos que possuem algum de tipo de limitação corrobora com a construção de uma sociedade discriminatória, pois, a partir do momento em que as pessoas são educadas e acostumadas com a segregação entre individuos deficientes e pessoas"normais", é formada no corpo social brasileiro uma cultura capacitista. Desse modo, faz-se mister a reformulação dessas posturas no sistema educacional brasileiro de forma urgente.

Ademais, é necessário que, para uma efetiva dissolução do capacitismo no país, haja uma maior representatividade dessa parcela da população nos meios de comunicação. Mais precisamente, seguindo o pensamento do filósofo inglês, John Locke, o ser humano é como uma tela em branco que é preenchida por influências e experiências, logo, para que o preconceito contra pessoas com deficiência acabe no Brasil é necessário que sejam fomentadas discussões acerca do tema . Nessa lógica, a partir do momento em que esses individuos, que representam 1/5 da população brasileira, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), não tem voz em sociedade, não podendo mostrar que são muito mais o que as aparências revelam, há a persistência dos esteriótipos que rodam essa classe e, consequentemente, a discriminação contra os mesmos.

Portanto, medidas são necessárias com o fito de acabar om o capacitismo no Brasil. Para isso, cabe ao Ministério da Educação - órgão responsável pela educação e formação dos brasileiros- , junto aos grandes meios de comunicação, a criação de campanhas dentros e fora do âmbito escolar que, por meio de palestras, eventos de concientização e a propagação da hashtag #nãoaocapacitismo, promovam um maior debate acerca do questão vizando acabar com problemática no país. Por fim, atenuar-se-á, em médio e longo prazo, os impactos do problema no Brasil e as situações vividas por Leonardo serão apenas enredos de obras fictícias.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Na obra "Utopia", do escritor inglê[…]

O filme "Um Estranho no Ninho" de Milos […]

No filme, (As vantagens de ser invisível) r[…]

A saúde mental é fundamental para o […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM