• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#78607
Segundo a Declaração dos Direitos Humanos, os indivíduos são iguais em dignidade e direitos. No entanto, tal premissa não é verificada na realidade brasileira, uma vez que a problemática da homofobia, ainda é frequente em muitas partes da sociedade causando consequências irreversíveis. Nesse sentido, observa- se um delicado cenário, que tem como causas a mentalidade social e a insuficiência das leis.
Dessa forma, em primeira análise, o intelecto social é um desafio presente no problema. Conforme Durkhein, o fato social é a maneira coletiva de pensar. Sob essa ótica, é possível perceber que a homofobia é fortemente influenciada pelo o pensamento coletivo, visto que as pessoas crescem inseridas em um contexto social inflexível, a tendência é adotar esse comportamento também, gerando a exclusão do grupo LGBT. logo, urge que o fato social seja repensado como defendeu o pensador.
Em paralelo a impotência legislativa é um entrave no que tange a problemática. Consoante Dimenstein explica que no Brasil as leis são inefetivas, o que gera uma falsa sensação de cidadania. Tal inefetividade é nítida na questão da homofobia em razão de que, a uma frequência de casos de agressões físicas e psicológicas à comunidade LGBT, por vezes, não há uma devida penalidade a esses agressores. Assim, é urgente que a cidadania de papel de que o jornalista falou - seja superada.
Portanto, é indispensável intervir sobre a questão. Para isso, o Poder Público deve criar políticas públicas, por meio do investimento no combate à homofobia, a fim de reverter essa deficiência nas leis que impera. Tal ação pode, ainda, contar com pesquisas públicas para entender e priorizar as reais necessidades da população. Paralelamente, é preciso intervir sobre a mentalidade social presente no problema. Dessa forma, será possível tornar os preceitos da Declaração Universal dos Direitos Humanos uma realidade mais próxima.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#78709
Ooi, fofa! Segue abaixo minha correção

Segundo a Declaração dos Direitos Humanos, os indivíduos são iguais em dignidade e direitos. No entanto, tal premissa não é verificada na realidade brasileira, uma vez que a problemática da homofobia, ainda é frequente em muitas partes da sociedade causando consequências irreversíveis. Nesse sentido, observa- se um delicado cenário, que tem como causas a mentalidade social e a insuficiência das leis.
Dessa forma, em primeira análise, o intelecto social é um desafio presente no problema. Conforme Durkhein, o fato social é a maneira coletiva de pensar. Sob essa ótica, é possível perceber que a homofobia é fortemente influenciada pelo o pensamento coletivo, visto que as pessoas crescem inseridas em um contexto social inflexível, a tendência é adotar esse comportamento também, gerando a exclusão do grupo LGBT. logo, urge que o fato social seja repensado como defendeu o pensador.
Em paralelo a impotência legislativa é um entrave no que tange a problemática. Consoante Dimenstein explica que no Brasil as leis são inefetivas, o que gera uma falsa sensação de cidadania. Tal inefetividade é nítida na questão da homofobia em razão de que, a uma frequência de casos de agressões físicas e psicológicas à comunidade LGBT, por vezes, não há uma devida penalidade a esses agressores. Assim, é urgente que a cidadania de papel de que o jornalista falou - seja superada.
Portanto, é indispensável intervir sobre a questão. Para isso, o Poder Público deve criar políticas públicas, por meio do investimento no combate à homofobia, a fim de reverter essa deficiência nas leis que impera. Tal ação pode, ainda, contar com pesquisas públicas para entender e priorizar as reais necessidades da população. Paralelamente, é preciso intervir sobre a mentalidade social presente no problema. Dessa forma, será possível tornar os preceitos da Declaração Universal dos Direitos Humanos uma realidade mais próxima.

Erro 1 - não precisa de vírgula
Erro 2 - use vírgula depois de "sociedade"
Erro 3 - Durkheim
Erro 4 - use "quando as"
Erro 5 - "adotem"
Erro 6 - use "tal como"
Erro 7 - use vírgula depois de "em paralelo"
Erro 8 - Use crase
Erro 9 - use "consoante a isso,"
Erro 10 - use "uma vez que"
Erro 11 - Use "não é devidamente penalizada"
Erro 12 - não é interessante usar o termo "cidadania de papel" pois você não explicou e contextualizou ele no D2
Erro 13 - sua última frase está na informalidade com inadequação de conectivos, sugiro "tal como salientado pelo jornalista" mas para isso você precisa introduzir que o pensador citado anteriormente é um jornalista. Do contrário o gancho perde sentido.
Erro 14 - repetição de termo
Sugestão: "Poder público é muito vago pois se trata de todo o governo, seja mais específica e use pelo menos dois agentes para garantir nota 200 na competência 5.
#78718
@EuDavila, Olá, tomei a liberdade de corrigir sua redação!
Não tenho experiência no assunto, portanto, não se chateie se caso minha nota não estiver de acordo com o que vc pensa.
Segue alguns ponto que pude observar:

Competência 1 - Alguns erros gramaticais.
Competência 2 - No meu ponto de vista, você foi feliz neste quesito.
Competência 3 - Achei que vc relacionou os problemas, mas faltou algo seu para defender a ideia.
Competência 4 - Penso que devido o que citei na competência "3", a argumentação acabou por ficar meio solta, perdida.
Competência 5 - Faltou esclarecer o agente e detalhar as ações.

Me perdoe por qualquer divergência!

Como a arte pode ser inclusiva no Brasil? Ao menc[…]

Francis29 bibipadilha P300 VanessaSousa d[…]

O assédio no Brasil

Alicerdg12 desculpa, mas onde está os seu[…]

O programa "pequenas empresas e grandes negoc[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM