Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#59758
Para Betinho, falecido sociólogo brasileiro, a sociedade só evoluirá ao se comprometer com a solidariedade, dentre outros pontos. Entretanto, isso não ocorre no Brasil, uma vez que a agressão física ainda é vista por alguns como ferramenta para educar, gerando um ciclo violento contra crianças, e onde a desigualdade social impede que parte das crianças goze plenamente de seus direitos.

Nesse contexto, o Brasil vai na contramão do que pensava o sociólogo, alimentando um ciclo de violência em que boa parte dos pais agridem os filhos ao tentar educá-los e, por conseguinte, alguns desses filhos fazem o mesmo às suas crianças por não conhecerem outra forma de educar. As próprias escolas, há algumas décadas, se utilizavam da palmatória para punir erros ou mal comportamentos, o que evidencia o caráter histórico desse problema.

Somando-se à isso, a Declaração Universal dos Direitos Humanos diz que todos nascem iguais em direitos e dignidade, porém a desigualdade socioeconômica gera diversas consequências que impedem à algumas crianças e adolescentes gozarem de tais direitos, pois não há como ter dignidade quando não se tem educação de qualidade, saneamento básico, saúde ou alimentação. Assim, algumas crianças e adolescentes abandonam os estudos para trabalhar e sobreviver.

Portanto, o Ministério da Educação, em parceria com o Ministério da Economia, deve implemenar medidas que, respectivamente, fomentem a educação no âmbito familiar e a distruibuição de renda de forma mais igualitária. Isso deve ocorrer por meio de parceria entre o Ministério da Educação e escolas do ensino fundamental e médio, onde deverão ser ministradas aulas por pedagogos para pais de alunos e deve haver acompanhamento psicológico para pais e filhos até o fim do ensino médio. Em paralelo, o Ministério da Economia deve taxar 90% do valor de fortunas e criar um programa de renda básica permanente para famílias de baixa renda. Assim, gradualmente, a sociedade civil acabará com o ciclo violento e permitirá o gozo do direto à infância.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

GabiNatali oi, você pode analisar minha re[…]

Em 1992 foi criado o Ministério do Meio Amb[…]

Karol17 , aqui está! Introduç&at[…]

“A Biopirataria no Brasil”

camis23 , Muito Obrigada pela correç&atild[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM