Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#42828
De acordo com a (UNESCO), é descomunal que as línguas indíginas são ameaçadas de extinção. Sendo assim, no Brasil contemporâneo, a extinção de línguas indígenas é um óbice para o corpo social. Neste sentido, percebe-se a configuração de um grave problema de contornos específicos, que emerge devido à ineficiência legislativa e ao silenciamento.
Primeiramente, é fucral pontuar à insuficiência legislativa como um agravante para o impasse.
Segundo Thomas Hobbes, "É dever do estado garantir o bem-estar da população." Conquanto, está definição não se encontra na prática, haja vista que o Estado não assegura políticas públicas que defendam os direitos sociais dos grupos indíginas, pois, nota-se que não existe participação dos poderes parlamentares nas práticas das aldeias, bem como a participação do índio nas regências administrativas superiores.
Ademais, o silenciamento é um impulsionador para a problemática. De acordo com Nadeznda Mondelston, "o silêncio é o verdadeiro crime contra a humanidade" Com isso, é relativo o tangenciamento que a extinção se tem na sociedade, pois não se vê discutindo nos debates acerca sobre tal assunto, tanto quanto a mídia é "silenciada", pois a mesma não tem um pronunciamento para ser discutido e expandido para as pessoas que não conhecem o assunto exposto.
Portanto, intervenções são necessárias para mitigar a extinção indígina que permeia a sociedade Brasileira. Para isso, o Governo -principal entidade política do país- deve criar uma Lei chamada "Língua indígina é digna" e, por meio de verbas ao Poder Legislativo, promover e fiscalizar a execução da ordem na prática, com o intuito de atenuar as iniqüidades que colaboram com o problema. Somente assim, o Brasil poderá sanar o imbróglio.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 170

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#42836
Contextualização
Apresentação do tema
Tese
Termos coesivos
Tópico Frasal
Dados
Argumentação
Arrematação da Tese
Elementos da proposta de intervenção
Frase de efeito
Comentários


De acordo com a (UNESCO)( Sem parênteses!), é descomunal que as línguas indíginas são ameaçadas de extinção. Sendo assim, no Brasil contemporâneo, a extinção de línguas indígenas é um óbice para o corpo social. Neste sentido, percebe-se a configuração de um grave problema de contornos específicos, que emerge devido à ineficiência legislativa e ao silenciamento.( Boa! Contextualiza, apresenta o tema e a tese!)

Primeiramente, é fucral pontuar à insuficiência legislativa como um agravante para o impasse.Segundo Thomas Hobbes, "É dever do estado garantir o bem-estar da população." Conquanto, está definição não se encontra na prática, haja vista que o Estado não assegura políticas públicas que defendam os direitos sociais dos grupos indíginas, pois, nota-se que não existe participação dos poderes parlamentares nas práticas das aldeias, bem como a participação do índio nas regências administrativas superiores.( Por que?)( Nesse desenvolvimento, observo que você argumentou, porém sua abordagem se deu de forma limitada e rasa. Aconselho que estruture e explore melhor suas ideias. Também faltou arrematar a tese!)


Ademais,
o silenciamento é um impulsionador para a problemática. De acordo com Nadeznda Mondelston, "o silêncio é o verdadeiro crime contra a humanidade" Com isso, é relativo o tangenciamento que a extinção se tem na sociedade, pois não se vê discutindo nos debates acerca sobre tal assunto, tanto quanto a mídia é "silenciada", pois a mesma não tem um pronunciamento para ser discutido e expandido para as pessoas que não conhecem o assunto exposto.( Por que?)( Nesse desenvolvimento, noto o mesmo problema do D1! Estruture e elabore melhor seus desenvolvimentos!)


Portanto intervenções são necessárias para mitigar a extinção indígina que permeia a sociedade Brasileira.( brasileira)
Para isso, o Governo(Agente) -principal entidade política do país- deve criar uma Lei chamada "Língua indígina é digna"(Ação)e, por meio de verbas ao Poder Legislativo(Meio), promover e fiscalizar a execução da ordem na prática, com o intuito de atenuar as iniqüidades que colaboram com o problema( Finalidade). Somente assim, o Brasil poderá sanar o imbróglio.( Conclusão incompleta! Faltou o detalhamento da ação!)

Sua redação não é ruim, mas carece de muitos aspectos relevantes. Estude argumentação, arrematação de tese e proposta de intervenção.
No mais, é só!
Espero uma próxima! :D
#42837
GlendaMorais escreveu:Contextualização
Apresentação do tema
Tese
Termos coesivos
Tópico Frasal
Dados
Argumentação
Arrematação da Tese
Elementos da proposta de intervenção
Frase de efeito
Comentários


De acordo com a (UNESCO)( Sem parênteses!), é descomunal que as línguas indíginas são ameaçadas de extinção. Sendo assim, no Brasil contemporâneo, a extinção de línguas indígenas é um óbice para o corpo social. Neste sentido, percebe-se a configuração de um grave problema de contornos específicos, que emerge devido à ineficiência legislativa e ao silenciamento.( Boa! Contextualiza, apresenta o tema e a tese!)

Primeiramente, é fucral pontuar à insuficiência legislativa como um agravante para o impasse.Segundo Thomas Hobbes, "É dever do estado garantir o bem-estar da população." Conquanto, está definição não se encontra na prática, haja vista que o Estado não assegura políticas públicas que defendam os direitos sociais dos grupos indíginas, pois, nota-se que não existe participação dos poderes parlamentares nas práticas das aldeias, bem como a participação do índio nas regências administrativas superiores.( Por que?)( Nesse desenvolvimento, observo que você argumentou, porém sua abordagem se deu de forma limitada e rasa. Aconselho que estruture e explore melhor suas ideias. Também faltou arrematar a tese!)


Ademais,
o silenciamento é um impulsionador para a problemática. De acordo com Nadeznda Mondelston, "o silêncio é o verdadeiro crime contra a humanidade" Com isso, é relativo o tangenciamento que a extinção se tem na sociedade, pois não se vê discutindo nos debates acerca sobre tal assunto, tanto quanto a mídia é "silenciada", pois a mesma não tem um pronunciamento para ser discutido e expandido para as pessoas que não conhecem o assunto exposto.( Por que?)( Nesse desenvolvimento, noto o mesmo problema do D1! Estruture e elabore melhor seus desenvolvimentos!)


Portanto intervenções são necessárias para mitigar a extinção indígina que permeia a sociedade Brasileira.( brasileira)
Para isso, o Governo(Agente) -principal entidade política do país- deve criar uma Lei chamada "Língua indígina é digna"(Ação)e, por meio de verbas ao Poder Legislativo(Meio), promover e fiscalizar a execução da ordem na prática, com o intuito de atenuar as iniqüidades que colaboram com o problema( Finalidade). Somente assim, o Brasil poderá sanar o imbróglio.( Conclusão incompleta! Faltou o detalhamento da ação!)

Sua redação não é ruim, mas carece de muitos aspectos relevantes. Estude argumentação, arrematação de tese e proposta de intervenção.
No mais, é só!
Espero uma próxima! :D
Sua nota ficou 800!

C1 > 160
C2 > 160
C3 > 120
C4 > 200
C5 > 160

Espero ter ajudado! ;)
#42855
@GlendaMorais, Obrigado pela correção! Só não entendi os 160 na C5... Na cartilha de correção de redação do Enem, diz que o detalhamento da competência 5 pode ser feito tanto quanto ao agente, meio/modo, ação ou efeito. E eu detalhei o agente, então acho que essa C5 merecia 200. Mas enfim, obrigado!
Vou considerar os meu 840.
#42857
Vestibulando escreveu:@GlendaMorais, Obrigado pela correção! Só não entendi os 160 na C5... Na cartilha de correção de redação do Enem, diz que o detalhamento da competência 5 pode ser feito tanto quanto ao agente, meio/modo, ação ou efeito. E eu detalhei o agente, então acho que essa C5 merecia 200. Mas enfim, obrigado!
Vou considerar os meu 840.
Não sei bem se nos critérios pode considerar o detalhamento do agente, mas não tem problemas, eu posso corrigir sua nota. Só peço que na próxima deixe o detalhamento mais exposto. Invés do agente escolha a própria ação e a detalhe, é melhor e mais fácil para o corretor avaliar! Vou mudar sua not ok!!
#42900
Vestibulando escreveu:@Ashiley @Andree @EduardoPedro @Thalita07 @GlendaMorais @Esterx @Anna1 poderia corrigir minha redação? Desde já, grato!
Olá, não sou corretora de Redação, sou estudante, mas vou dá umas dicas para o melhoramento de sua escrita.

O 1°Paragráfo está muito bom, apresenta as três frases principais de uma introdução, estratégia de abertura, problematização e a tese

No 2° Parágrafo, acho que você poderia ter trabalho mais na parte da exclusão dos índios nas regências administrativas superiores, tirando isso a citação caiu perfeitamente.

O 3° Parágrafo, trabalhe mais os argumentos e a questão de como a mídia silencia o problema, deixe mais claro essa idéia.

O parágrafo da proposta de intervenção, ao meu ver, falta só o detalhamento. O detalhamento na Redação do Enem é muitíssimo importante (Falta detalhamento na proposta de intervenção - Detalhamento é outra informação sobre os demais elementos, como uma justificativa, uma explicação, uma exemplificação, uma especificação ou uma justificativa relativa à ação e/ou ao modo/meio de execução e/ou ao agente; ou um desdobramento do efeito, um efeito do efeito.).

Continue assim, as dicas são só pra melhorar o seu desempenho nas Redações 🙂👍

GlendaMorais pode corrigir minha redaç&at[…]

Fake News

Compreendido!!! Obrigado :lol:

CORREÇÃO (X) Há cerca de 90[…]

Fake News

periódico “A mentira”, lan&cced[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM