• Avatar do usuário
#76694
O personagem das histórias em quadrinhos da Marvel "Wolverine", é retratado sempre com um cigarro na boca e exalando fumaça. Tal prática, todavia, não se restringe apenas a ficção, de modo que o tabagismo se faz presente não apenas na população adulta, mas chega também aos adolescentes, consumidores em larga escala do entretenimento, como as hq's. Isso ocorre tanto pela ineficiência familiar em guiar seus pertencentes como pela indústria cultural vigente na contemporaneidade. Logo, é válido discutir a respeito do tabagismo entre jovens no Brasil, um problema a ser resolvido.

Em primeiro lugar, é válido destacar, antes de tudo, que a displicência familiar é uma peça chave do problema. Acerca disso, o sociólogo Pierre Bourdieu pontua que o indivíduo tende a incorporar alguns hábitos sociais ao longo de sua vida. Sob esse prisma, um ambiente familiar onde o uso do tabaco é recorrente, tende-se a gerar novos fumantes, onde o sujeito acaba por seguir os mesmos passos de seu núcleo parental, como explicado por Bourdieu, influenciados a adotar a mesma prática prejudicial à saúde. Dessa forma, enquanto o seio familiar se mantiver omisso, o tabagismo continuará a afligir a sociedade.

Ademais, outro fator a discutir é como a produção cultural atua para a elevação da problemática. Isso posto, consoante os sociólogos Adorno e Horkheimer, a Indústria Cultural é um mecanismo capitalista onde tudo vira um potencial produto gerador de lucro. Decorrente disso, no atual panorama brasileiro, o setor de entretenimento, sobretudo os filmes e séries (muito consumidos por jovens), são financiados pelo setor fumageiro para divulgar suas marcas nessas obras, onde se constata uma perpetuação de um comportamento que compromete o trato respiratório a partir de uma indústria que visa o lucro de sua mercadoria. Em suma, os jovens da sociedade contemporânea são alienados pelas cenas de fumo das grandes obras e contribuem para a continuidade dessa prática nociva à saúde.

Portanto, medidas são necessárias para resolver esse impasse. Diante disso, é dever do Estado em parceria com o poder midiático desenvolver campanhas voltadas para os riscos do uso do cigarro e as consequências de um possível vício em tabaco por meio de propagandas nas redes sociais, com o fito de promover uma maior conscientização da população ao ato de fumar. Ao mesmo tempo, a ANCINE (agência nacional do cinema), deve promover, através dos recursos disponíveis, uma maior fiscalização das obras cinematográficas, de modo que as produções que contenham cenas de fumo sejam distanciados do público menor de idade. Feito isso, espera-se, que a influência de personagens como Wolverine não se espelhem na sociedade, fazendo com que o tabagismo seja menos frequente no corpo social.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Embora a Declaração Universal dos Di[…]

Olá, Bia. A sua redação n&at[…]

eurodrigo anasilva1 Bia2201 3m1ly Gi6[…]

eurodrigo Obrigado pela avaliaçã[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM