• Avatar do usuário
#64695
Segundo o filósofo francês Pierre Lévy, "Toda tecnologia cria seus excluídos". Nesse sentido, nota-se que, embora a Revolução Técnico-Científica-Informacional tenha proporcionando o desenvolvimento de novas tecnologias - como computadores e a internet -, a população mais velha não se encontra plenamente inserida no âmbito tecnológico, o que promove sua marginalização do mundo digital. Dessa forma, a ineficiência do poder público e o individualismo das pessoas destacam-se na perpetuação do problema.
Em primeiro plano, é importante destacar que, em função do individualismo presente na contemporaneidade, os indivíduos estão cada vez mais apáticos. De acordo com sociólogo polonês Zygmunt Bauman, vivemos tempos líquidos, ou seja, uma época de artificialidade nas relações humanas. Assim, a ausência de empatia em relação às gerações provectas, faz com que os idosos sejam considerados incapazes de se conectar ao ambiente virtual, promovendo, consequentemente, a segregação destes.
Ademais, a ínfima atuação do Estado no que concerne à aplicação das leis contidas no Estatuto do Idoso, configura-se como um desrespeito ao mais velhos. Segundo Karl Marx, a ascensão do sistema capitalista provocou a "coisificação dos indivíduos", que são tidos como mercadorias. Desse modo, percebe-se que os idosos, por representarem a população economicamente inativa, são negligenciados pelo poder público, uma vez que eles são considerados um obstáculo para o desenvolvimento do país, justamente por não contribuírem com a sua mão de obra para obtenção de lucro. Logo, nega-se o usufruto da tecnologia por todos.
Portanto, é mister que o Governo promova a inserção dos idosos nas plataformas digitais. Para isso, urge que o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação elabore cursos gratuitos de capacitação para utilização de aparelhos digitais, por meio de inventivos fiscais a empresas privadas responsáveis por subsidiarem a iniciativa, a fim de tornar a população senil autônoma no uso da internet. Desse modo, será possível que a exclusão proveniente das tecnologias, consoante Pierry Lévy, seja atenuada.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

#64751
Tem que diversificar mais os conectivos, não repetir e não usar um muito parecido que o outro "desse modo, dessa forma..."

Faltou arrematação no D1

Acredito que faltou o detalhamento na intervenção

vitoriaca , mesmo assim agradeço por se d[…]

Oi, perdão pela demora.. tenho estado mui[…]

Ultimamente no mundo , diminuiu muito o nív[…]

Ultimamente no mundo , diminuiu muito o nív[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM