Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
Por Laisarj
#37462
No seriado 13 Reasons Why é notório que Hanna Baker, a personagem principal, comete suicídio em consequência da depressão, contudo, os brasileiros estão cada vez mais aptos a doença, que gera transtornos mentais e, em muitos casos, a morte.
Neste contexto, é evidente que a mente dos jovens crie coisas fora do comum. Entretanto esse excesso de imaginação pode provocar a doença
que pelo fato da mesma ser como uma espécie de vírus, que ao entrar na cabeça se alastra com bastante facilidade. A mente humana também amplia outros transtornos como, ansiedade e síndrome do pânico.
Além disso, os idosos ao serem deixados em abrigos acabam desenvolvendo o transtorno da depressão. Fato é, por se sentirem abandonados e excluídos, a tristeza toma conta por não serem levados em consideração. Com isso é compreensível como a desvalorização chega lado a lado com a terceira idade.
Nesse sentido, é preciso que a Organização mundial de saúde desenvolva pesquisas sobre a doença para saber melhor como trata-la. O ministério da saúde, por meio de propagandas de incentivo a vida, junto a mídia, precisa divulgar as consequências com o intuito de impedir o suicídio na sociedade. Somente assim a pessoas terão mais chances de serem curados diferente da personagem de 13 Reasons Why
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 80

Você atingiu aproximadamente 40% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas desorganizados ou contraditórios e limitados aos argumentos dos textos motivadores apresentados na proposta de redação.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#37467
Oi minha lindx! Achei que sua introdução abordou bem o tem, deixando claro do que se tratava. Uma ex professora minha sempre falava que na introdução, quando for mencionar alguma coisa, explique como se fosse para um ET, que não sabe de nada e chegou agora. Então explicar quem é a personagem principal, do que se trata a série, antes de colocar “notório” seria bom pra você se acostumar, pq depois de você explicar, aí sim pode ficar notório, entende? Pq colocar antes, pode ficar meio vago, por não ter uma explicação e já parecer que é evidente. No segundo parágrafo, é um pouco confuso o “a doença” pq voce não mencionou nenhuma doença antes (no mesmo parágrafo). Quando o assunto/nome está perto, sendo distância de +- 1 linha, da pra conectar e não ficar confuso.
Exemplo: a depressão mata.————————————————a doença. Deu pra sacar um pouco? Pelo o que eu li e entendi, você colocou a depressao na introdução, e no segundo parágrafo, sendo desenvolvimento, colocou “a doença”, pra conectar com a depressao da introducao? Se for isso, fica muito distante e confuso, pq o parágrafo e muitas linhas tira essa conexão.

No segundo parágrafo tem “da mesma”: se você ver q pode colocar “dela” no lugar de “da mesma”, não use #damesma.

O que seria fora do comum?


Um xêro minha linda! Eu espero que de alguma forma eu te ajude! Apliquei os meus conhecimentos pra poder ajudar. Caso vc tenha alguma crítica, dúvida, me mande uma mensagem ou responda o comentário. Fique bem! #NaoDesistaEstamosAquiPraAjudar 😘

*Perdoem o erro "afim" ao invés d[…]

vcs poderiam corrigir?

Tendo em vista a atual situação de f[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM