Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#51045
A Constituição de 1988, documento jurídico de maior hierarquia no país,prevê o direito do acesso à educação pública de qualidade a todos os cidadãos. No entanto, tal direito não faz-se presente na realidade de muitos brasileiros quando nota-se a exclusão digital. Valendo-se disso,é imprescindível que haja a democratização do acesso à internet de modo a permitir a construção de conhecimentos e a gradativa elevação da igualdade social. Sendo assim, é necessário analisar as contribuições da disigualdade econômica para a persistência do problema e suas consequências sobre os cidadãos.

A princípio percebe-se, como causa primordial da exclusão digital a má distribuição dos recursos no país, tendo em vista as diferenças socioeconômicas que facilitam a aquisição de aparatos tecnológicos, por um pequeno grupo, em detrimento de uma gama da sociedade que possui renda restrita à utensílios indispensáveis como, por exemplo, habitação,saúde e segurança. A esse espeito Peter Drucker, escritor austríaco, afirma que não existem países sub-desenvolvidos, mas sim países que não sabem administrar sua tecnologia e verbas. Desse modo, não há uma divisão igualitária de recursos, o que fecha portas para investimentos tecnológicos em instituições públicas de ensino, e impede assim, o acesso a plataformas digitais desde a infância, bem como o acesso à educação de qualidade, assim como a afirmada na Constituição.

Por conseguinte, é importante destacar as consequências do ausente mecanismo digital na vida da maioria dos indivíduos que perdem a possibilidade de adquirir novos conhecimentos e têm comprometida sua inserção no mercado de trabalho globalizado.De acordo com Steve Jobs, fundador da Apple, a tecnologia move o mundo, nesse viés subentende-se o acesso à tecnologia da informação como porta de entrada na sociedade e sua consequente obtenção de cultura e conhecimentos. Paralelamente a isso, o filme biográfico "A Teoria de Tudo" narra como a tecnologia foi fundamental na vida do físico Stephen Hawking, que em virtude de uma doença grave passou a se comunicar através de um computador e assim deu continuidade a sua carreira científica. Da mesma forma, a tecnologia tem papel indispensável nas deficiências sociais.


Infere-se, portanto,a necessária inclusão digital para o desenvolvimento da sociedade. Para incluir em especial idosos, crianças e a população de baixa renda, urge que o Ministério da Ciência Tecnologia e Inovações (MCTI) crie, por meio de subsídios à empresas público-privadas, um projeto de inclusão digital em instituições de ensino já existentes e oferte desde os anos inicias de estudo, salas com computadores e professores voltados também para o ensino da comunidade, a qual deve portar de um cadastro para respectiva identificação. Somente assim, os cidadãos irão poder pensar fora da caixa, ter acesso aos seus direitos, cobrar mudanças e finalmente terem garantidos seu acesso à educação tal como descrita na Constituição de 1988.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#51096
A Constituição Federal de 1988, documento jurídico de maior hierarquia no país, prevê o direito do acesso à educação pública de qualidade a todos os cidadãos. No entanto, tal direito não se faz presente na realidade de muitos brasileiros quando nota-se a exclusão digital. Valendo-se disso,é imprescindível que haja a democratização do acesso à internet de modo a permitir a construção de conhecimentos e a gradativa elevação da igualdade social. Sendo assim, é necessário analisar as contribuições da desigualdade econômica para a persistência do problema e suas consequências sobre os cidadãos.

A princípio percebe-se, como causa primordial da exclusão digital a má distribuição dos recursos no país, tendo em vista as diferenças socioeconômicas que facilitam a aquisição de aparatos tecnológicos, por um pequeno grupo, em detrimento de uma gama da sociedade que possui renda restrita à utensílios indispensáveis como, por exemplo, habitação,saúde e segurança. [melhorar conectivo] A esse respeito Peter Drucker, escritor austríaco, afirma que não existem países subdesenvolvidos, mas sim países que não sabem administrar sua tecnologia e verbas. Desse modo, não há uma divisão igualitária de recursos, o que fecha portas para investimentos tecnológicos em instituições públicas de ensino, e impede assim, o acesso a plataformas digitais desde a infância, bem como o acesso à educação de qualidade, assim como a afirmada na Constituição.

Por conseguinte, é importante destacar as consequências do ausente mecanismo digital na vida da maioria dos indivíduos que perdem a possibilidade de adquirir novos conhecimentos e têm comprometida sua inserção no mercado de trabalho globalizado. De acordo com Steve Jobs, fundador da Apple, a tecnologia move o mundo, nesse viés subentende-se o acesso à tecnologia da informação como porta de entrada na sociedade e sua consequente obtenção de cultura e conhecimentos. Paralelamente a isso, o filme biográfico "A Teoria de Tudo" narra como a tecnologia foi fundamental na vida do físico Stephen Hawking, que em virtude de uma doença grave passou a se comunicar através de um computador e assim deu continuidade a sua carreira científica. Da mesma forma, a tecnologia tem papel indispensável nas deficiências sociais.
* Muito repertório, escolha apenas um, argumente e arremate o parágrafo

Infere-se, portanto,a necessária inclusão digital para o desenvolvimento da sociedade. [faltou conectivo] Para incluir em especial idosos, crianças e a população de baixa renda, urge que o Ministério da Ciência Tecnologia e Inovações (MCTI) [não tem necessidade da sigla] crie, por meio de subsídios à empresas público-privadas, um projeto de inclusão digital em instituições de ensino já existentes e oferte desde os anos inicias de estudo, salas com computadores e professores voltados também para o ensino da comunidade, a qual deve portar de um cadastro para respectiva identificação. Somente assim, os cidadãos irão poder pensar fora da caixa, ter acesso aos seus direitos, cobrar mudanças e finalmente terem garantidos seu acesso à educação tal como descrita na Constituição de 1988.
* Intervenção completa
* Achei sua redação grande, mas se couber tudo na folha, então tudo bem

Obrigado Mackyntoshy

Em 1874 foi aprovada a primeira lei que exigiu o a[…]

Homem ou máquina ? Nos tempos atuais […]

Situações que levam à nota z[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM