• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#65616
O canal de YouTube “Me Poupe”, da economista Nathalia Arcuri, revela dicas financeiras aos seus espectadores e inscritos, que já totalizam milhões de usuários. O sucesso do canal de Nathalia representa a vontade e a necessidade, cada vez mais crescente, da população nacional de entender como gerenciar seu capital da melhor maneira possível, tendo em vista que a parte majoritária dos indivíduos nunca teve uma introdução sobre esse tema no âmbito escolar. Sendo assim, com o agravamento da pandemia do coronavírus, é nítida a importância da oferta de educação financeira nas escolas no Brasil, afinal, ela iria melhorar a condição socioeconômica de milhões de cidadãos.

Em primeiro lugar, é importante reiterar que, devido à falta de debates sobre educação financeira em escolas, grande parcela da sociedade brasileira não realiza escolhas planejadas visando um longo prazo, como colocar dinheiro em uma reserva de emergência. Além disso, a grade curricular do ensino fundamental ou ensino médio não apresenta nenhum momento semanal reservado a esse tópico, o que resulta em adultos despreparados para lidar com sua vida econômica.

Em segundo lugar, a oferta de educação financeira nas escolas melhoraria a condição socioeconômica de milhões de cidadãos. Isso aconteceria devido à elaboração de um planejamento de gastos por parte dos alunos que, futuramente, se tornariam adultos responsáveis, entendendo a importância de poupar dinheiro. Esse cenário seria capaz de, inclusive, reduzir os danos econômicos causados por uma pandemia, pois os indivíduos estariam aptos a reservar dinheiro para algum imprevisto, a partir de uma reserva de emergência.

Logo, o MEC (Ministério da Educação e Cultura), órgão responsável pelo sistema educacional brasileiro, deve, por meio de seu poder constitucional, promover debates sobre educação econômica, reunindo palestrantes e profissionais desta área com alunos do ensino médio, com o intuito de prepará-los para a vida adulta, melhorando a realidade socioeconômica do Brasil.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 170

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 170

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#66078
Correção em vídeo da sua redação, @LucasME.
Obs 1: no vídeo eu te dei 920, aqui 880. Acho que eu tinha sido um pouco generoso demais, desculpa :|
Obs 2: esqueci de falar, mas tente trazer repertórios no desenvolvimento ;)
#66114
Materiais de apoio sugeridos para você, @LucasME.

Repertório sociocultural (C2): repertorio-sociocultural-c2-t15074.html
Projeto de texto (C3): projeto-de-texto-c3-t15094.html

Bons estudos! :)

╭──────────────╯ ✍ ⌕ 𖨂 Correção d[…]

A cultura de assédio no Brasil

No livro “50 tons de cinza” é a[…]

joenir jheromagnoli cassiahso Higorrair

Peso: 1000 Nota: 1000 Conforme o escritor Franz K[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM