Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#41763
Empresas de várias partes do mundo, com o intuito de vender seus produtos, muitas vezes apelam para as publicidades para chamar a atenção do consumidor, sendo os mais influenciáveis, o público infantil, uma vez que ainda não possuem capacidade para entender o que é necessário ou não, para eles. No Brasil, no entanto, não existem leis que regulamentem e fiscalizem o uso inadequado das propagandas, Dessa forma, oferecendo um brinde em troca da compra, as empresas conseguem despertar o interesse, principalmente das crianças, que podem não serem atraídas pelo produto, mas são persuadidas com a publicidade, que introduz-les a sensação de necessidade.
As crianças, por estarem em fase de desenvolvimento racional e crítico, são as maiores vitímas da publicidade no Brasil, visto ue não há leis para controlar tamanha influência ao consumismo na vida do jovens. Ademais, os insfantis, sem terem noção do que é benéfico ou não, sentem-se atraídos pelas propagandas e recorrem aos pais para comprarem os produtos.
Vale ressaltar que, muitas empresas alimentícias utilizam brinquedos e brindes de personagens que estão em alta, como a Galinha Pintadinha, por exemplo, para vender seu produto. Sendo assim, os pais para satisfazer o desejo dos filhos que não têm consciência que estão sendo manipulados, pagam preços absurdos nos lanches apenas por conter um brinde. Devido a isso, não só as publicidades, mas também os pais, incentivam a criança a desenvolver o hbábito consumista.
Embora a publicidade, nos dias de hoje, seja uma das maiores tecnologias para divulgar um produto ou serviço, deve ser usada com cautela, de maneira que as crianças não sejam prejudicadas e nem desenvolvam o hábito consumista. Para isso, o governo deve inverstir na criação de órgãos responsáveisvoltados para a publicidade infatil, para que eles sejam capazes de fiscalizar propagandas abusivas que possam presuadir as crianças, por meio da elaboração de leis rigorosas. Desse modo, com a fiscalização adequada, não haverá influências e os infantis desenvolverão senso crítico a respeito do produto, a fim de que indaguem se é necessário ou benéfico, antes de consumir.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Preciso estudar mais o desenvolvimento, estou tend[…]

É modelo ENEM?? GlendaMorais , sim.

Max Weber, um dos maiores nomes da Sociologia ocid[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM