Avatar do usuário
Por LucasME
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#94600
No período histórico que abrange o início da Idade Moderna e o fim da Idade Média, o capitalismo estava em seus momentos iniciais no curso da humanidade. A população nos grandes centros urbanos havia sofrido um aumento considerável, o que resultou na falta de moradia para todos os cidadãos. As pessoas com menos capital eram forçadas a viverem nas ruas dos vilarejos, sem direito a um espaço individual para se estabelecer. No Brasil atual, esse cenário é um elemento presente, visto que o direito à moradia no país não é democratizado. Essa situação ocorre por dois principais motivos: falta de ações governamentais e a falta de atenção da sociedade em relação ao tema.
Em primeiro lugar, é importante ressaltar que o Estado deve ser o principal responsável por garantir o direito à moradia a qualquer brasileiro, visto que esse dever está presente na Constituição Federal de 1988. No entanto, a maioria dos governos não se preocupam com as camadas sociais marginalizadas. Essa característica é um elemento comum ao longo da história, sendo um exemplo disso a Igreja organizando uma "Cruzada dos Mendigos", durante a Idade Média, para eles lutarem e morrerem por Jerusalém. O governo brasileiro, apesar de ter recursos disponíveis, também não se preocupa com esse corpo social.
Em segundo lugar, os meios midiáticos e a população corroboram com a problemática ao não pressionar os governantes para tomarem alguma atitude. É natural o governo prestar mais atenção a alguma causa quando a população protesta. No entanto, isso não vem acontecendo.
Tendo em vista toda a situação, está óbvio que medidas devem ser tomadas. Logo, o Estado, responsável por garantir o bem-estar de seu povo, deve, por meio de projetos de lei, construir moradias para abrigar sem-tetos em lugares que são de propriedade do Estado e estejam abandonados, com o intuito de conseguir abrigar toda essa camada social. Essa ação visa democratizar o direito à moradia no Brasil.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio mediano da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com alguns desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com estrutura sintática mediana para o grau de escolaridade exigido, porém com alguns desvios morfossintáticos, de pontuação, de grafia ou de emprego do registro adequado ao tipo textual.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação previsível e apresenta domínio mediano do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Com essa pontuação, ou o tema da redação é desenvolvido adequadamente, porém de forma previsível, com pouco avanço em relação ao senso comum ou, embora o texto demonstre domínio adequado do tipo textual exigido, a progressão textual apresenta algum problema.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

Avatar do usuário
Por abiaacs
Quantidade de postagens
#94784
boa noite, Lucas

li seu texto e minhas observações estarão a seguir.

AC - sigla para "Ausência de conectivo";
PC - sigla para "Palavras Centrais", são elas que fazem com que não haja fuga do tema;
TF - sigla para "Tópico Frasal";
[] - erros;
() - correções;
{} - observações.

TEMA: DEMOCRATIZAÇÃO DO DIREITO À MORADIA NO BRASIL.

PC: DEMOCRATIZAÇÃO, DIREITO À MORADIA e BRASIL.

{1- No período histórico que abrange o início da Idade Moderna e o fim da Idade Média, o capitalismo estava em seus momentos iniciais no curso da humanidade. A população nos grandes centros urbanos havia sofrido um aumento considerável, o que resultou na falta de moradia para todos os cidadãos. As pessoas com menos capital eram forçadas a viverem nas ruas dos vilarejos, sem direito a um espaço individual para se estabelecer}. {AC} No Brasil atual, esse cenário é um elemento presente, visto que o direito à moradia no país não é (garantido e nem) democratizado. {AC} Essa situação ocorre por dois principais motivos: falta de ações governamentais e a [falta] (inexistência) de atenção da sociedade em relação ao tema.

{1}: procure fazer um resumo e tente colocar em um único tópico frasal. Pois, do modo que você colocou, a sua introdução está falando mais do repertório sociocultural do que apresentando o tema e as suas propostas de argumentações.

[Em primeiro lugar] (Diante desse cenário), é importante ressaltar que o Estado deve ser o principal responsável por garantir o direito à moradia a qualquer brasileiro, visto que esse dever está presente na Constituição Federal de 1988. {2- No entanto, a maioria dos governos não se preocupam com as camadas sociais marginalizadas}. (Prova disso, a) [Essa característica é um elemento comum ao longo da história, sendo um exemplo disso a Igreja organizando uma] "Cruzada dos Mendigos", (ocorrida) durante a Idade Média, (organizada pela igreja e Estado, foi uma caminhada para os "sem teto" no intuito deles) [para eles lutarem e] morrerem por Jerusalém. {AC} O governo brasileiro, apesar de ter recursos disponíveis, também não se preocupa com [esse corpo social] (essa parcela da sociedade).

{2}: fale mais do pq o Estado reprime ainda mais os marginalizados e do pq que eles não cumprem com o seu papel.

[Em segundo lugar] (Além disso), os meios midiáticos {em nenhum momento você falou das mídias na introdução} e a população corroboram com a problemática ao não pressionar os governantes para tomarem alguma atitude. {AC} É natural o governo prestar mais atenção a alguma causa quando a população protesta. No entanto, isso não vem acontecendo. {Fuga parcial do tema, em nenhum momento você chega a citar a palavra "moradia" ou "pessoas que vivem nas ruas", se atente as PC. Ausência do TF de comprovação, inicialização e finalização. Aqui você diz somente que(,) pela população não prostetar o governo não reage, porém não traz um repertório que comprove essa sua argumentação}

Tendo em vista toda a situação, está óbvio que medidas devem ser tomadas. Logo, o Estado, responsável por garantir o bem-estar de seu povo, deve, por meio de projetos de lei, construir moradias para abrigar (")sem-tetos(") em lugares que são de propriedade do Estado e estejam abandonados, com o intuito de conseguir abrigar toda essa camada social. (Nesse sentido,) Essa ação visa democratizar o direito à moradia no Brasil. {Proposta completa, parabéns!}

OBS. Parabéns pela conclusão, está impecável, continue assim! Entretanto, vejo que há falhas nos seus desenvolvimentos e, também, tem como melhor a sua introdução. Para isso, estarei deixando vídeos aulas para te auxiliar no processo da escrita. Além disso, procure estudar mais sobre os temas, para que você tenha uma melhor argumentação. Espero ter ajudado, Abraços! ❤

INTRODUÇÃO:



DESENVOLVIMENTO:

Se você acha que eu contribuí com seu aprendizado e que minha correção vale o preço de um café, meu pix é abia.caetano12@gmail.com.
Além disso, fiquem a vontade de me mandar mensagem caso surjam dúvidas. ❤
0
Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
O direito à moradia em discussão no Brasil
por miis    - In: Outros temas
0 Respostas 
122 Exibições
por miis
A garantia do direito à moradia no Brasil
por lucsx    - In: Outros temas
2 Respostas 
792 Exibições
por lucsx
0 Respostas 
51 Exibições
por Jamily1
Direito à moradia
por danelnunes    - In: Outros temas
1 Respostas 
124 Exibições
por Felipe082
Direito à moradia e a luta por habitação
por Priscila000    - In: Outros temas
2 Respostas 
240 Exibições
por bylari
O DIREITO À MORADIA E À LUTA POR HABITAÇÃO
por gilerme    - In: Outros temas
0 Respostas 
173 Exibições
por gilerme
0 Respostas 
1466 Exibições
por cecimedrado
1 Respostas 
74 Exibições
por LunaCuacoski
1 Respostas 
41 Exibições
por mordekaiser
1 Respostas 
110 Exibições
por Johnn

Na obra "Utopia", do escritor in[…]

No que concerne a "O direto de ir e vir n[…]

luiz filipe laura loyse Carla ionara iara0

Na série "Euphoria" a per[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM