• Avatar do usuário
#81900
Segundo a Constituição Federal de 1988 no seu artigo 6°, é dever do Estado garantir o acesso a saúde, bem como é responsável por zelar pelo bem-estar físico e mental de todos os cidadãos brasileiros. No entanto, o que se observa na realidade contemporânea é o oposto de tal prerrogativa, uma vez que cuidados associados às doenças mentais apresentam barreiras, o que dificulta a concretização desse direito social tão importante. Esse cenário está relacionado tanto a estigmas relacionamento à falta de reconhecimento como a ausência de medidas governamentais para combater esse problema.
Em primeiro plano, é essencial pontuar que as doenças mentais deriva da escassa atuação dos setores governamentais. Segundo Thomas Hobbes, o Estado é responsável por garantir o bem- estar da população, o que lamentavelmente não acontece no país. Devido a falta de atitudes das autoridades acontecem elevadas taxas de aumento de problemas psicológicos e em alguns casos culminar com sua própria vida. Desse modo é de grande importância a reformulação dessa postura estatal de forma urgente.
Ademais, é fundamental apontar o estigma relacionado a falta de reconhecimento como impulsionador do problema no Brasil. Muitos vêem essa discussão como desimportante por ainda acreditarem que é "frescura", ou querendo chamar atenção. Tal ignorância faz com esses indivíduos se sintam excluídos da sociedade e desamparados. Esse abandono deixa marcas profundas a serem superadas.
Compreende-se assim a necessidade de se combater esses obstáculos. Para isso é importante debater sobre a seriedade dessas doenças e trazer mais informações para quem é carente delas por intermédio de filmes, séries, palestras, reportagens que abordem e elevem discussões ao nível de saúde pública. Contudo o Estado deve facilitar o acesso dos pacientes à especialistas da área como, psiquiatras ou psicólogos, para obterem tratamento e saírem dessa condição. Assim consolida uma sociedade mais empática e responsável como afirma Thomas Hobbes.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

A invisibilidade dos "cidadãos"

A invisibilidade decorrente da falta de registro c[…]

Para começar sua redação, &ea[…]

RubiArtes ,

Certo, muito obrigada!! Por nada!

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM