Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#60548
Jean Paul Sartre, filósofo francês, defendeu a ideia de que o homem está condenado ao direito de assistência a saúde e que não há barreira social, psicológica ou histórica que possa ofuscar isso. Tomando como norte a máxima do autor, compreende-se que tal ideal é falho na sociedade hodierna quando se coloca em foco o risco para a saúde e a falha cometida pelo profissional ao negligenciar o problema.

Inicialmente, infere-se que essa problemática também está presente no Brasil, haja vista que esse problema está presente no país pela ganancia em saber que tratar dessas doenças não lhes trazem grandes ganhos financeiros. Destarte, é válido destacar a ausência de pesquisas mais profundas como impulsionador do problema, uma vez que sem bases para diagnósticos a doença é tratada como irrelevante. Analogamente a isso, tem-se o pensamento do filósofo inglês Francis Bacon a que a frase “saber é poder” lhe foi atribuída em que tal frase se relaciona com o pensamento de Thomas Jefferson, terceiro presidente dos Estados Unidos, onde diz que a aplicação das leis é mais importante que sua elaboração.

Ademais, outro entrave é negligenciar a problemática. Tem-se exemplo disso que cerca de um milhão de pessoas em todo o planeta são afetadas pelas chamadas “doenças negligenciadas” fato que de acordo com a OMS o Brasil foi responsável por 70% das mortes no mundo por doença de chagas em 2017, ao qual é umas das doenças não consideradas relevantes.

Faz-se indubitável, portanto, medidas para combater as doenças negligenciadas pela indústria farmacêutica. O estado deve, por meio do Ministério da Saúde promover pesquisas e tratamentos, focando na sociedade de baixa renda, sendo a mais afetada pelo problema, para que essas, as quais segundo os dados da OMS cerca de um milhão de pessoas sejam tratadas. Espera-se com isso, construir uma sociedade excepcional, onde alcança a aplicação correta das leis ditas por Thomas Jefferson
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

GabiNatali oi, você pode analisar minha re[…]

Em 1992 foi criado o Ministério do Meio Amb[…]

Karol17 , aqui está! Introduç&at[…]

“A Biopirataria no Brasil”

camis23 , Muito Obrigada pela correç&atild[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM