Avatar do usuário
Por Alunmel
Quantidade de postagens
#123675
John Locke, filósofo inglês, destaca que é dever do Estado assegurar os direitos e o bem-estar da população. Todavia, em virtude da precária segurança pública ser uma realidade na sociedade brasileira, é válido reconhecer como poder público não atua de modo efetivo e, pior, não exerce seu papel social conforme as ideias de John Locke.
De início, percebe-se que a alta taxa de criminalidade no Brasil, fomenta a permanência do entrave na sociedade, dado que mesmo com o aumento de número de penitenciárias não resultaria em mais segurança. Nessa ótica, ao destacar a ideologia do filósofo Platão, especificamente sobre o uso da razão para combater os problemas sociais, nota-se como essa conduta não é realizada pelos brasileiros, sobretudo quando o assunto é segurança. Isso porque, lamentavelmente, o indivíduo não questiona a realidade na qual está inserido, entendendo assim acreditar que é melhor investir na construção de uma penitenciárias ao invés de investir na educação.
Além disso, vale ressaltar a superlotação das penitenciárias como fator que dificulta a atenuação do empecilho, visto que grande parte desses presidiários apenas não tiveram oportunidades boas na vida. Segundo Pierre Bourdieu, sociólogo francês, a sociedade incorpora as estruturas sociais, ou seja, os indivíduos incorporam pensamentos difundidos ao longo dos anos e reproduzem com naturalidade. Isso pode ser verificado com a persistência da ideia de aumentarem o número de penitenciárias, que a população, adequada e acostumada com esse cenário, permite que a problemática supracitada continue em evidência, justamente por esse traço natural e banal distante dos fatos.
Urge, portanto, a adoção de medidas para combater o problema. Nesse sentido, o Estado precisa investir em políticas públicas efetivas como a educação de qualidade, acesso a emprego e renda, saúde, cultura e esporte nas comunidades mais vulneráveis. Feito isso, a ideologia de Locke poderá, certamente ser cumprida e notada no país.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio mediano da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com alguns desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com estrutura sintática mediana para o grau de escolaridade exigido, porém com alguns desvios morfossintáticos, de pontuação, de grafia ou de emprego do registro adequado ao tipo textual.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora, de forma mediana, pouco consistente, proposta de intervenção relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto.

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
83 Exibições
por ya41994
0 Respostas 
253 Exibições
por pharmarwin
Corrupção no contexto político brasileiro
por J1l2    - In: Outros temas
3 Respostas 
172 Exibições
por J1l2
0 Respostas 
145 Exibições
por Maria1909a
0 Respostas 
127 Exibições
por nandaaaf
0 Respostas 
51 Exibições
por Ranissauro
0 Respostas 
106 Exibições
por luccaolvr
1 Respostas 
73 Exibições
por DaviHudson
1 Respostas 
245 Exibições
por KelveSilva
0 Respostas 
206 Exibições
por Helder442

lais458 Felpz DaviHudson claraa1234 Henry[…]

PROPOSTA:

Uso excessivo de celulares pelos adolescentes &eac[…]

No contexto atual em que se encontra a economia de[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM