Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#46968
A questão da evasão escolar é um problema expressivo no Brasil. Isso pode ser comprovado por dados do IBGE, que apontam que 1,3 milhões de jovens entre 15 e 17 anos abandonaram a escola no país. Tendo isso em vista, cabe apontar as causas desse impasse: descaso governamental e formação familiar.

De início, é válido destacar que as ações inefetivas do Estado corroboram com a continuação do problema. Sobre isso, de acordo com dados do Relatório de Desenvolvimento, 1 a cada 4 alunos que iniciam Ensino Fundamental no Brasil o abandonam. Nessa perspectiva, fica visível que há uma incompetência por parte do governo, que não investe em ações que façam os alunos continuarem nas salas de aula e combatam a evasão escolar. Logo, é inadmissível que essa situação continue.

Ademais, o papel das famílias dos alunos contribui com a complexidade da problemática. Acerca disso, segundo o sociólogo Talcott Parsons, "a família é uma máquina que produz personalidades humanas". Nesse sentido, os lares brasileiros têm suma relevância dentro da questão, visto que influenciam a visão de mundo de seus filhos. Desse modo, se não destacam desde cedo a importância do ambiente escolar, os alunos não ficam cientes das consequências de evadi-lo e assim o fazem, por falta de interesse.

Portanto, medidas são necessárias a fim de combater adversidade. Para isso, o Estado deve investir em ações que visem mudar a visão dos alunos sobre a escola. Isso deverá ser feito por meio de campanhas, que serão feitas em todas as escolas do Brasil e explicarão aos alunos a importância dos estudos e pedirão sugestões a ele sobre o que pode ser feito para melhorar o meio escolar. Dessa maneira, a evasão escolar poderá ser atenuada do território brasileiro como passar dos anos.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#47450
@mandy13, oii!


A questão da evasão escolar é um problema expressivo no Brasil. Isso pode ser comprovado por dados do IBGE, que apontam que 1,3 milhões de jovens entre 15 e 17 anos abandonaram a escola no país. Tendo isso em vista, cabe apontar as causas desse impasse: descaso governamental e formação familiar.
PS: creio que não é legal colocar dados na introdução, mas não tenho certeza.

De início, é válido destacar que as ações inefetivas do Estado corroboram com a continuação do problema. Sobre isso, de acordo com dados do Relatório de Desenvolvimento, 1 a cada 4 alunos que iniciam o Ensino Fundamental no Brasil o abandonam. Nessa perspectiva, fica visível que há uma incompetência por parte do governo, que não investe em ações que façam os alunos continuarem nas salas de aulaa fim de combater a evasão escolar e combatam a evasão escolar. Logo, é inadmissível que essa situação continue.
Ps: quem sabe se isso é culpa do governo? O seu dado só fala que essas pessoas saem, mas isso pode ter relação a algo externo.

Ademais, o papel das famílias dos alunos contribui com a complexidade da problemática. Acerca disso, segundo o sociólogo Talcott Parsons, "a família é uma máquina que produz personalidades humanas". Nesse sentido, os lares brasileiros têm suma relevância dentro da questão, visto que influenciam a visão de mundo de seus filhos. Desse modo, se não destacam desde cedo a importância do ambiente escolar, os alunos não ficam cientes das consequências de evadi-lo e assim o fazem, por falta de interesse.
PS: poderia fazer uma arrematação, esse desenvolvimento ficou melhor.

Portanto, medidas são necessárias a fim de combater a adversidade. Para isso, o Estado deve investir em ações que visem mudar a visão dos alunos sobre a escola (tipo qual? Essa ação pode ser considerada nula). Isso deverá ser feito por meio de campanhas, que serão feitas em todas as escolas do Brasil e explicarão aos alunos a importância dos estudos e pedirão sugestões a eles sobre o que pode ser feito para melhorar o meio escolar. Dessa maneira, a evasão escolar poderá ser atenuada do território brasileiro como com o passar dos anos.
PS: vou considerar a ação nula, você precisa especificá-la. O seu texto está ótimo na parte gramatical, só tome cuidado ao escrever muito rápido, o "eles" deve concordar com "alunos", o Enem não admite nenhum erro de concordância.

Boa redação, pequenos detalhes para corrigir. Se atende ao que disse sobre o D1 e a conclusão. Bons estudos! :D
#47467
Jeniffeeee escreveu:@mandy13, oii!


A questão da evasão escolar é um problema expressivo no Brasil. Isso pode ser comprovado por dados do IBGE, que apontam que 1,3 milhões de jovens entre 15 e 17 anos abandonaram a escola no país. Tendo isso em vista, cabe apontar as causas desse impasse: descaso governamental e formação familiar.
PS: creio que não é legal colocar dados na introdução, mas não tenho certeza.

De início, é válido destacar que as ações inefetivas do Estado corroboram com a continuação do problema. Sobre isso, de acordo com dados do Relatório de Desenvolvimento, 1 a cada 4 alunos que iniciam o Ensino Fundamental no Brasil o abandonam. Nessa perspectiva, fica visível que há uma incompetência por parte do governo, que não investe em ações que façam os alunos continuarem nas salas de aulaa fim de combater a evasão escolar e combatam a evasão escolar. Logo, é inadmissível que essa situação continue.
Ps: quem sabe se isso é culpa do governo? O seu dado só fala que essas pessoas saem, mas isso pode ter relação a algo externo.

Ademais, o papel das famílias dos alunos contribui com a complexidade da problemática. Acerca disso, segundo o sociólogo Talcott Parsons, "a família é uma máquina que produz personalidades humanas". Nesse sentido, os lares brasileiros têm suma relevância dentro da questão, visto que influenciam a visão de mundo de seus filhos. Desse modo, se não destacam desde cedo a importância do ambiente escolar, os alunos não ficam cientes das consequências de evadi-lo e assim o fazem, por falta de interesse.
PS: poderia fazer uma arrematação, esse desenvolvimento ficou melhor.

Portanto, medidas são necessárias a fim de combater a adversidade. Para isso, o Estado deve investir em ações que visem mudar a visão dos alunos sobre a escola (tipo qual? Essa ação pode ser considerada nula). Isso deverá ser feito por meio de campanhas, que serão feitas em todas as escolas do Brasil e explicarão aos alunos a importância dos estudos e pedirão sugestões a eles sobre o que pode ser feito para melhorar o meio escolar. Dessa maneira, a evasão escolar poderá ser atenuada do território brasileiro como com o passar dos anos.
PS: vou considerar a ação nula, você precisa especificá-la. O seu texto está ótimo na parte gramatical, só tome cuidado ao escrever muito rápido, o "eles" deve concordar com "alunos", o Enem não admite nenhum erro de concordância.

Boa redação, pequenos detalhes para corrigir. Se atende ao que disse sobre o D1 e a conclusão. Bons estudos! :D
Muito obrigada pela correção :)

É explicito que o Brasil é um dos pa[…]

Como todos nós sabemos o covid-19 vem se al[…]

No livro "Por lugares incríveis",[…]

A constituição Federal de 1988 , doc[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM