Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
Por Sarabaran
#50516
A obra cinematográfica "Última parada 174" demonstra a jornada que leva um jovem pobre brasileiro a ingressar no mundo dos crimes. Nesse contexto, é indiscutível que um dos maiores problemas urbanos do Brasil é a violência, visto o alto índice de criminalidade nas cidades do país. Tal problema decorre, majoritariamente, da desigualdade social e da negligência estatal em relação a comunidades carentes.
Com o crescimento do número de indústrias no país, ocorreu o êxodo rural, fenômeno no qual um continente populacional expressivo se deslocou dos campos para as cidades, buscando melhores condições de vida. Entretanto, o crescimento demasiado rápido da densidade demográfica nos núcleos urbanos ocasionou o aumento do preço dos imóveis, além da falta de ofertas de emprego. Consequentemente, diversas pessoas começaram a habitar em loteamentos irregulares, geralmente nas periferias, em regiões desprovidas de infraestrutura adequada e de serviços básicos. Amplificando, desta forma, a disparidade social e econômica nas cidades.
Dessarte, com a concentração de indústrias, shoppings, escolas, hospitais e outros serviços nos centros, as periferias oferecem menos oportunidades e uma menor qualidade de vida aos seus habitantes, induzindo-os a procurar um meio de subsistência no mundo dos crimes. Portanto, de acordo com a Constituição Federal, é incumbência do Estado melhorar tal situação, provendo serviços essenciais, como saúde e educação, segundos os artigos 196 e 205, respectivamente. Contudo, não é o que ocorre nas periferias, onde o ensino é deficitário, e a lista de espera para receber atendimento em hospitais é extensa.
Em vista disso, para acabar com o alto índice de violência urbana no Brasil é necessário que o Ministério Público coíba o desvio de verbas destinadas à provisão de serviços essenciais, garantindo um alcance igualitário a eles, de forma que a disparidade social seja atenuada, desestimulando o ingresso dos cidadãos no mundo dos crimes. Evitando, dessa maneira, que casos como o relatado no filme "Última parada 174" ocorram no território brasileiro.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

A constituição federal de 1988, docu[…]

Olá, irei corrigir sua redaçã[…]

Condições Sanitárias do Brasil

não há como corrigir as condiç[…]

XxDamastco poderia dar uma olhadinha na minha r[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM