Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
Por Carlos1111
#43506
Barão do Itararé, um dos criadores do jornalismo alternativo durante o período da ditadura no país, estava certo ao dizer: "O Brasil é feito por nós, só falta desatar os nós." Nesse sentido, a violência escolar se apresenta como um dos nós a serem desatados. Nessa perspectiva, seja pela ausência de projetos educacionais, seja pela falta de participação da população, o descaso com alunos e professores continua afetando o cotidiano brasileiro, o que exige uma reflexão urgentemente.
De início, é fulcral pontuar que as agressões (físicas ou psicológicas) nas instituições de ensino deriva da baixa atuação dos setores governamentais, no que concerne na criação de mecanismos que coibam tais recorrências. Segundo o pensador francês Thomas Hobbes, o Estado é responsável por garantir o bem-estar da população, entretanto, isso não ocorre no Brasil. Devido a falta de atuação das autoridades em desenvolver projetos que visam por fim na violência escolar, muitos alunos e professores sentem-se inseguros por conta de sofrerem xingamentos e ameaças dos próprios estudantes que atuam nas instituições. Desse modo, faz-se mister a reformulação dessa postura estatal.
Somando a isso, a escassez de incentivo ao governo pela população dificulta na execução de melhorias para a resolução do problema. Segundo o jornalista irlandês George Bernad, "O progresso é impossível sem mudanças". Analogamente, sem reivindicações da sociedade, em especial alunos e professores, para por fim na violência nas escolas a realização dessas mudanças não acontecerão. E o lema que estar por escrito na bandeira do Brasil "Ordem e Progresso" tende a virar o antônimo "Desordem e Retrocesso".
Assim, medidas exequíveis são necessárias para conter o avanço da problemática na sociedade brasileira. Dessarte, com o intuito de mitigar a calamidade dissernida até aqui, necessita-se que o Tribunal de Contas da União direcione capital que, por intermédio do Ministério da Educação, será revertido na contratação de psicólogos que irão atuar continuamente nas escolas fazendo palestras motivacionais contra a agressão escolar. Ademais, cabe a população pressionar o Estado através de manifestações legais. Sendo esse processo efetuado, atenuarse-a, de médio a longo prazo, o impacto nocivo do estorvo e o nó dito por Itararé será desfeito.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 190

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

FujiEmily , obrigadaa! Força para nó[…]

Segundo jean-paul Sartre "A violência, […]

Sua nota ficou 580! Espero ter ajudado! ;) Ach[…]

3m1ly , obrigada pela correção, me […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM