Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#57267
Atualmente, o índice de violência a idosos no Brasil têm crescido consideravelmente, e essas agressões variam desde físicas até patrimoniais. Isso é apenas um espelho do que a sociedade capitalista nos impõe, somente a população que trabalha tem importância. Em virtude disso, a negligência para com idosos torna-se mais evidente, espalhando também a ideia de que a idade traz consigo uma terceirização da própria vida idosa, que é onde acaba-se justificando grande parte da violência financeira sofrida por eles.
Sobretudo, antes mesmo que este tema entrasse em pauta, a inadvertência para com os idosos já era preocupante o suficiente para que o sociólogo Èmile Durkheim escrevesse sobre o assunto. Ele percebeu que a exaltação da população economicamente ativa acabava culminando num esquecimento dos cidadãos mais velhos, e por isso muitas dessas pessoas acabavam se enquadrando nos casos de suicídio anômico, mostrando assim a seriedade que essa anomia social traz. Essa mesma ideia nutre a concepção de que a melhor idade não consegue tomar conta da própria vida, que pode ser observada no filme “Eu me importo”, onde uma rede de golpistas declaram anciãos saudáveis como inválidos, e assim se aproveitam dos bem materiais e do capital deles.
Da mesma forma, o filme brasileiro “Silêncio” também explora a temática da violência financeira nessa faixa etária, dando ênfase a casos muito frequentes no nosso país de parentes dependentes químicos que usufruem do dinheiro da aposentadoria dessas pessoas. Torna-se muito complexo lidar com situações como essa, onde não se pode esquecer do direito que eles têm de cuidar do próprio dinheiro, mas precisa-se levar em consideração que um viciado em qualquer tipo de droga, não está mentalmente estável o suficiente para lembrar-se disso.
Em vigência ao envelhecimento da população brasileira e o índice de agressões a esses membros do corpo social, faz-se necessário que a Secretaria Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa promova suas campanhas em conjunto às mídias sociais. A utilização dessas redes tem o intuito de aumentar o alcance dessas campanhas, expandindo assim a conscientização dos direitos dos idosos e consequentemente das denúncias de violência.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

O conceito de saúde pública é[…]

No filme "O Poço",exibido pela Ne[…]

Ótima redação! Não vi […]

A constituição federal de 1988 ,docu[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM