Avatar do usuário
Por vertinho
Quantidade de postagens
#125135
A constituição federal de 1988 -norma de maior hierarquia jurídico brasileira- assegura que todos os indivíduos são iguais sem distinção de natureza perante a lei. Sob essa ótica percebe-se a contradição do Estado com o que a Constituição Federal assegura, visto que os desafios para o enfrentamento da invisibilidade do trabalho de cuidado é realizado por mulheres no país, devido aos descaso governamental e pela ignorância humana a cerca do assunto. O que impede a ascensão social dos brasileiros.
Primeiramente, importa salientar o descaso governamental como um dos fatores para esse desafio, visto que não haverá um grande empenho do poder público para a criação de políticas públicas em prol do trabalho de cuidado que muitas mulheres exercem no país sem a digna remuneração. De acordo com pesquisas feitas pelo IBGE, as mulheres é o grupo social que dedica mais tempo em afazeres domésticos e a trabalho de cuidado de outros grupos sociais como crianças e idosos, fato que carece um pouco mais da atenção dos poderes públicos. Desse modo, o comportamento governamental vigente, acentua a negligência e reforça a inviabiliza o trabalho de cuidado.
Além disso, a ignorância humana acerca do tema é outro desafio para enfrentar essa problemática. Segundo o ativista Nelson Mandela, a ignorância é a arma mais perigosa no mundo. Nessa compreensão, nota-se a semelhança na fala do ativista como o que é visto na realidade contemporânea, onde ainda é alimentado o pensamento de que só as mulheres podem exercer o trabalho de cuidado no Brasil. Logo, tal pensamento colabora para o enfrentamento e de estigmas relacionados a esse grupo e profissão.
Portanto, medidas devem ser tomadas para enfrentar essa problemáticamente que ainda perpetua no território brasileiro. Logo, cabe ao poder público juntamente do Ministério do Trabalho - responsável pelos direitos trabalhistas - criarem leis públicas em prol desse trabalho, com o intuito de visibilizar e remunerar, e investir em debates públicos sobre o tema para a quebra desse pensamento na sociedade. Fazendo jus ao que a Constituição Federal assegura.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 169

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 178

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 164

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 164

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
288 Exibições
por EduardaH25
0 Respostas 
317 Exibições
por dudalemos
0 Respostas 
283 Exibições
por matheus2306
0 Respostas 
175 Exibições
por EuMaiza
0 Respostas 
175 Exibições
por EuMaiza
0 Respostas 
208 Exibições
por Rayane86
0 Respostas 
207 Exibições
por Euu4
5 Respostas 
407 Exibições
por Caiunao
0 Respostas 
274 Exibições
por anastiny
5 Respostas 
218 Exibições
por Luscano

besourokafka - Sua introdução ap[…]

Felipe082 Maxy Alunaaaamed Casey12 Ke[…]

Obesidade é uma doença

A obesidade é um problema. Para muitos a […]

besourokafka Tati14 elloysa filipediasx 0[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM