Avatar do usuário
Por Vestibuland0
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#127146
A OMS - Organização Mundial de Saúde, tem como fito direcionar e coordenar a saúde internacional dentro do sistema das Nações Unidas. Com isso, vale apontar, entretanto, que a questão do tabagismo na sociedade contemporânea é um problema de saúde pública, em que pode-se mencionar a inoperância estatal, bem como a falha educacional como agentes impulsionadores da problemática, o que, por sua vez, impossibilita a efetivação dos objetivos da OMS.

Nesse viés, é de suma importância, a princípio, destacar a falha do estado como um impasse para mitigar a problemática do tabagismo no Brasil. A vista disso, cabe ressaltar que a Constituição Federal- lei maior que rege a sociedade-, promulgada em 1988, tem como um dos seus objetivos dispor ao corpo social o direito básico à saúde. Logo, não é lógico que, em um país autodeclarado desenvolvido, a saúde seja colocada em segundo plano pelo Estado, uma vez que o descompromisso por parte desse órgão governamental impõe limites ao acesso básico a saúde, o que leva uma expoente parcela do tecido civil a um estado de vulnerabilidade e deplorável de saúde. Percebe- se, dessa maneira, que o descompromisso dos governantes impulsiona a resolução dos desafios para combater o tabagismo.

Nota-se, ademais, que a lacuna educacional é outra motivação para manutenção do problema. Nessa mesma perspectiva, o renomado filósofo inglês Francis Bacon postula que: " o conhecimento é, em si mesmo, um poder." Apesar disso, observa-se que a escola, hodiernamente, aborda conteúdos técnicos e tradicionalista, deixando de lado o aspecto social, bem como temas que atravessam a subjetividade humana de cada discente. Com isso, a escola dispõe de determinantes limitadores da propagação de conhecimento necessário. A partir disso, pode-se idealizar estratégias compensatórias para o impasse.

É preciso, dessa forma, superar a gênese do tabagismo. Sendo assim, cabe ao Ministério da Saúde orientar a população quanto a prevenção do tabagismo, por meio da elaboração de uma política pública voltada para a assistência a saúde da população, incubido de adotar medidas de proteção a saúde da população, a fim de propiciar uma vida digna a população.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 147

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 173

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

Avatar do usuário
Por JoaoPedro72
Tempo de Registro Quantidade de postagens Amigos
#127152
Olá, boa tarde. Farei uma correção rápida do seu texto. Qualquer dúvida ou comentário, só falar.

C1 - 160: Há alguns erros gramaticais.
C2 - 200: Muito bom.
C3 - 120: Há uma centralização muito forte nos eixos associados aos argumentos, e não no problema em si. Você fala da falta de conhecimento e de preocupação frente à saúde, porém não associa esses tópicos, de forma detalhada, ao tabagismo. Fica ambíguo.
C4 - 160: Os coesivos "com isso" (introdução) e "logo" (D1) foram, a meu ver, utilizados incorretamente.
C5 - 200: Encontrei todos os elementos, porém, atente-se ao posicionamento do detalhamento do agente.

Nota final: 840.
Boa!

Imagine uma vaca. Uma pessoa com uma mente ruim irá matá-la para comer carne. Uma pessoa com uma mente boa pegará o leite da vaca, venderá esse leite e comprará mais vacas para gerar mais leite. Não se contente com pouco, busque sempre elevar o seu nível!
1
Avatar do usuário
Por Sooofll
Quantidade de postagens Amigos
#127153
Oie. Tudo bem?
Fico super feliz por continuar enviando redações. Irei corrigir com base em tudo que eu sei, então, peço perdão caso eu tenha errado algo.

bom, vamos lá


Introdução:
A OMS - Organização Mundial de Saúde, tem como fito(,) direcionar e coordenar a saúde internacional dentro do sistema das Nações Unidas. Com isso(não utilize conectivo de conclusão se não for na finalização de uma ideia), vale apontar, entretanto, que a questão do tabagismo na sociedade contemporânea é um problema de saúde pública, em que pode-se mencionar a inoperância estatal, bem como a falha educacional como agentes impulsionadores da problemática, o que, por sua vez, impossibilita a efetivação dos objetivos da OMS.

Acho que você poderia ter encontrado um repertório melhor, como o tema se refere a algo dentro do Brasil, a OMS não tem a consideração de atuar no tema se isso não for na questão de um problema de saúde global.

D1:
Nesse viés, é de suma importância, a princípio, destacar a falha do e(E)stado como um impasse para mitigar a problemática do tabagismo no Brasil. A (À) vista disso, cabe ressaltar que a Constituição Federal- lei maior (não utilize essa expressão, não é como se ela valesse mais que as outras leis institucionais) que rege a sociedade-, promulgada em 1988, tem como um dos seus objetivos dispor ao corpo social o direito básico à saúde. Logo, não é lógico que, em um país autodeclarado desenvolvido (o Brasil não é um país desenvolvido), a saúde seja colocada em segundo plano pelo Estado, uma vez que o descompromisso por parte desse órgão governamental impõe limites ao acesso básico a (à) saúde, o que leva uma expoente parcela do tecido civil a um estado de vulnerabilidade e deplorável de saúde. Percebe- se, dessa maneira, que o descompromisso dos governantes impulsiona a resolução dos desafios para combater o tabagismo. (Essa frase ta parecendo o tópico frasal que você colocou no início)

D2:
Nota-se, ademais, que a lacuna educacional é outra motivação para manutenção do problema. Nessa mesma perspectiva, o renomado filósofo inglês Francis Bacon postula que: " o conhecimento é, em si mesmo, um poder." (não precisa dos dois pontos e das aspas, só há a necessidade de por aspas quando for citar um livro, sério ou filme) Apesar disso, observa-se que a(s) escola(s), hodiernamente, aborda(m) conteúdos técnicos e tradicionalista, deixando de lado o aspecto social, bem como temas que atravessam a subjetividade humana de cada discente. Com isso, a escola dispõe de determinantes limitadores da propagação de conhecimento necessário. A partir disso, pode-se idealizar estratégias compensatórias para o impasse.

Conclusão:
É preciso, dessa forma, superar a gênese do tabagismo. Sendo assim, cabe ao Ministério da Saúde orientar a população quanto a prevenção do tabagismo, por meio da elaboração de uma política pública voltada para a assistência a saúde da população, incubido de adotar medidas de proteção a saúde da população, a fim de propiciar uma vida digna a população.

5/5 elementos, ou seja, 200p.
Só tenta facilitar a vida do corretor , coloque o detalhamento do a gente do lado dele.

É isso, amigo.
Continue se esforçando e fazendo redações, estou a sua disposição sempre que precisar de ajuda!
Bons estudos.

Continue a nadar, continue a nadar....
1
Avatar do usuário
Por Vestibuland0
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#127157
Sooofll escreveu:Oie. Tudo bem?
Fico super feliz por continuar enviando redações. Irei corrigir com base em tudo que eu sei, então, peço perdão caso eu tenha errado algo.

bom, vamos lá


Introdução:
A OMS - Organização Mundial de Saúde, tem como fito(,) direcionar e coordenar a saúde internacional dentro do sistema das Nações Unidas. Com isso(não utilize conectivo de conclusão se não for na finalização de uma ideia), vale apontar, entretanto, que a questão do tabagismo na sociedade contemporânea é um problema de saúde pública, em que pode-se mencionar a inoperância estatal, bem como a falha educacional como agentes impulsionadores da problemática, o que, por sua vez, impossibilita a efetivação dos objetivos da OMS.

Acho que você poderia ter encontrado um repertório melhor, como o tema se refere a algo dentro do Brasil, a OMS não tem a consideração de atuar no tema se isso não for na questão de um problema de saúde global.

D1:
Nesse viés, é de suma importância, a princípio, destacar a falha do e(E)stado como um impasse para mitigar a problemática do tabagismo no Brasil. A (À) vista disso, cabe ressaltar que a Constituição Federal- lei maior (não utilize essa expressão, não é como se ela valesse mais que as outras leis institucionais) que rege a sociedade-, promulgada em 1988, tem como um dos seus objetivos dispor ao corpo social o direito básico à saúde. Logo, não é lógico que, em um país autodeclarado desenvolvido (o Brasil não é um país desenvolvido), a saúde seja colocada em segundo plano pelo Estado, uma vez que o descompromisso por parte desse órgão governamental impõe limites ao acesso básico a (à) saúde, o que leva uma expoente parcela do tecido civil a um estado de vulnerabilidade e deplorável de saúde. Percebe- se, dessa maneira, que o descompromisso dos governantes impulsiona a resolução dos desafios para combater o tabagismo. (Essa frase ta parecendo o tópico frasal que você colocou no início)

D2:
Nota-se, ademais, que a lacuna educacional é outra motivação para manutenção do problema. Nessa mesma perspectiva, o renomado filósofo inglês Francis Bacon postula que: " o conhecimento é, em si mesmo, um poder." (não precisa dos dois pontos e das aspas, só há a necessidade de por aspas quando for citar um livro, sério ou filme) Apesar disso, observa-se que a(s) escola(s), hodiernamente, aborda(m) conteúdos técnicos e tradicionalista, deixando de lado o aspecto social, bem como temas que atravessam a subjetividade humana de cada discente. Com isso, a escola dispõe de determinantes limitadores da propagação de conhecimento necessário. A partir disso, pode-se idealizar estratégias compensatórias para o impasse.

Conclusão:
É preciso, dessa forma, superar a gênese do tabagismo. Sendo assim, cabe ao Ministério da Saúde orientar a população quanto a prevenção do tabagismo, por meio da elaboração de uma política pública voltada para a assistência a saúde da população, incubido de adotar medidas de proteção a saúde da população, a fim de propiciar uma vida digna a população.

5/5 elementos, ou seja, 200p.
Só tenta facilitar a vida do corretor , coloque o detalhamento do a gente do lado dele.

É isso, amigo.
Continue se esforçando e fazendo redações, estou a sua disposição sempre que precisar de ajuda!
Bons estudos.
Obg
1
Avatar do usuário
Por Mateus11111
Quantidade de postagens
#127183
Olá, desculpe a demora pra enviar a correção, a semana foi meio corrida kk
Lembrando que eu estou corrigindo com base nos meus conhecimentos, peço perdão que eu falar algo incorreto.

Uma coisa que eu gosto de fazer no primeiro período da introdução, é começar sempre falando de algo mais amplo, e não diretamente sobre o tema, ao meu ver, você citou sobre a OMS justamente tentando fazer isso, mas faltou um detalhamento nisso.
O meu foco é redação da fuvest, não sei se no enem isso é diferente, mas tente considerar adotar essa mudança.

C1 - Houveram alguns erros de português, mas foi coisa básica.
C2 - Perfeito.
C3 - Existem algumas coisas que ainda podem ser melhoradas, no geral, eu mudaria um pouco o repertório para algo mais aprofundado talvez.
C4 - Por mais que os outros usuários tenham dado notas menores pra essa competência, eu achei que ficou bom. Obviamente sempre podemos melhorar, mas não está tão ruim ao meu ver, eu daria uns 180 de nota, mas já como não dá, vai 200 mesmo.
C5 - Foi uma conclusão completa e equilibrada, parabéns.

Dica: por mais que pareça uma dica bobinha, use o chat gpt para corrigir a C1 da sua redação, ajuda demais kk
0
Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
132 Exibições
por Emillyreis
0 Respostas 
117 Exibições
por Dreyy
1 Respostas 
130 Exibições
por Steffresende
0 Respostas 
118 Exibições
por mari636
0 Respostas 
105 Exibições
por Vitx
0 Respostas 
120 Exibições
por RayhHolanda
0 Respostas 
86 Exibições
por rebeccafroio
0 Respostas 
83 Exibições
por Pedro017
0 Respostas 
66 Exibições
por nthl
1 Respostas 
64 Exibições
por thaysilvaah

besourokafka - Sua introdução ap[…]

Felipe082 Maxy Alunaaaamed Casey12 Ke[…]

Obesidade é uma doença

A obesidade é um problema. Para muitos a […]

besourokafka Tati14 elloysa filipediasx 0[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM