Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#50094
Na música "Pretty Hurts" de Beyoncé, a cantora faz uma crítica aos padrões de beleza impostos na sociedade e os riscos atribuídos na busca dessa estética idealizada. No entanto, a obsessão pelo corpo "perfeito" está relacionado à procura de aceitação social e melhora da autoestima, na qual a sociedade e da mídia impõem um padrão estético considerado ideal. Além disso, condições biológicas e psicológicas fazem parte dos fatores que corroboram para o agravamento desses casos.

Em primeira análise, os distúrbios alimentares como a anorexia e a bulimia, acometem principalmente os jovens. De acordo com a OMS, no Brasil, 4,7% da população possui algum transtorno alimentar, sendo mais comum em jovens entre 14 e 18 anos. Assim, na fase da adolescência se manifestam a pressão social e influência da mídia aos jovens, que almejam uma autoaceitação e acreditam que devam se encaixar em um padrão estético. Porém, na realidade se vêem "presos" em uma busca inatingível e prejudicial.

Entretanto, a condição biológica interfere no comportamento e desequilíbrio alimentar. Conforme a psicóloga, Maria Alice, alterações nos níveis de serotonina no cérebro, podem afetar o apetite e o humor, desencadeando, nesses indivíduos, a redução alimentar como forma de melhorar o bem estar. Portanto, implicam ações extremas que podem levar à consequências graves à saúde, objetivando uma forma corporal idealizada, se distoando da realidade formada por diversos corpos com suas particularidades e belezas.

Dessa forma, é imprescindível medidas que visam o apoio psicológico e alimentar, evitando a ocorrência de transtornos. Assim, o Ministério da Saúde deve investir em consultas psicológicas à jovens e adolescentes nas escolas e bairros, na qual avalie tendências à desenvolver esses distúrbios e oriente sobre seus riscos. Ainda, a mídia, como grande influente, deve trazer campanhas para discutir e alertar o público jovem. Logo, espera-se haver um amparo à população na busca pela aceitação do próprio corpo, contrariando a busca pelos padrãos de beleza idealizados, criticados por Beyoncé em sua música.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 187

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 187

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 187

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#50299
@julianaanjos Olá!! Tinha me esquecido de detalhar essa correção, perdão pela gafe :? :D
Mas visto que são poucos erros, vou apenas comentar algumas coisas bem rápido.
- Lembre-se de marcar bem a tese no primeiro parágrafo, essa ficou um pouco vaga.
- Cuidado com o significado dos conectores/conjunções. Aquele "entretanto" do 3° Parágrafo seria melhor substituído por uma conjunção de adição, pois ele não exatamente contradiz o que foi dito antes
- Vi que você citou uma psicóloga. Para evitar corretores mais "chatos" sobre a procedência da informação, basta apenas dizer "com base em recentes pesquisas", ou "É de conhecimdnto aceito pela ciência" quando você não lembra o nome da pessoa.


É isso, espero ter ajudado!!
#50422
@juliananjos, oi, claro! Desculpe a demora, estou estudando muito esses dias.
Em relação à sua introdução, não tenho nada a apontar. Você apresentou contextualização, tema e tese muito bem, a meu ver, sua opinião não ficou vaga, foi simples e direta.

Seu D1 também está muito bom, mas acredito que você tenha se equivocado um pouco no uso do conectivo "porém" no final do desenvolvimento. Veja: [os jovens] almejam uma autoaceitação e acreditam que devam se encaixar em um padrão estético. Porém, na realidade se vêem (veem) "presos" em uma busca inatingível e prejudicial. Você percebe que usou um termo de contrariedade, mas não há contrariedade aí, primeiro você disse que os jovens acreditam que devem estar de acordo com o padrão estético da sociedade, depois você disse que na realidade eles se veem presos nesta busca. Entende que é a mesma coisa? O porém não cabe nesse sentido. Você poderia usar o "dessa forma", "assim sendo", conectivos nesse sentido, porque você estava concluindo seu argumento e não apresentando algo novo. De resto, bom desenvolvimento!

Seu segundo desenvolvimento começou com uma contradição "Entretanto, a condição biológica interfere no comportamento e desequilíbrio alimentar". Mas, como já foi dito a cima, ele não está contradizendo seu argumento anterior. Em relação à sua argumentação, achei ela um tanto misturada com o repertório, ficou difícil pra eu saber o que era sua fala e o que era da psicóloga, então coisas desse tipo vai depender muito da subjetividade de cada corretor, do quão exigente ele é ou não. Por último, notei que nesse D2 você não arrematou, tudo bem, não é obrigatório, mas como você arrematou o primeiro, acho que seria interessante seguir o padrão.


Dessa forma, é imprescindível medidas que visam o apoio psicológico e alimentar, evitando a ocorrência de transtornos. (Arrematação da tese) Assim, o Ministério da Saúde (agente) deve investir em consultas psicológicas à jovens e adolescentes nas escolas e bairros (ação + detalhamento), na qual avalie tendências (à) a desenvolver esses distúrbios e oriente sobre seus riscos.(finalidade) Ainda, a mídia, como grande influente,(agente+detalhamento) deve trazer campanhas para discutir e alertar o público jovem (ação). Logo, espera-se haver um amparo à população na busca pela aceitação do próprio corpo, contrariando a busca pelos (padrãos) padrões de beleza idealizados, criticados por Beyoncé em sua música. (Essa retomada é muito interessante)

Bom, você usou duas intervenções, mas, ambas estão incompletas. A primeira, faltou apenas o meio pelo qual o ministério da saúde deve usar as consultas psicológicas para solucionar esta problemática. De resto, está tudo bem organizado, você desenvolveu sua tese, argumentou, trouxe repertório, abriu e fechou a redação corretamente. Parabéns! Atente-se apenas para o uso dos recursos coesivos e para os 5 elementos da intervenção.

Sua escrita é muito boa, mas vou descontar pontos na C1 por alguns "erros" como, por exemplo: "a redução alimentar como forma de melhorar o bem estar bem-estar. Portanto, implicam ações extremas que podem levar à consequências (erro de concordância ou pode ter sido o teclad) graves à saúde, objetivando uma forma corporal idealizada, se distoando destoando da realidade formada".
Espero ter ajudado! Foram poucas as observações, pois sua redação está muito boa! Parabéns mais uma vez!

Os Impactos das Doenças Mentais no Brasil […]

Modernidade líquida

Segundo o sociólogo Zygmunt Bauman, a socie[…]

O discurso de ódio não é um […]

A contemporaneidade, marcada por avanços na[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM