Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
Avatar do usuário
Por Vivianne87
#59780
No que se refere à, testes em animais, pode-se perceber dessa maneira o ser humano ainda usa técnica arcaicas, experimentos em animais existem deste o século XIX, portanto essas práticas foram importantes para as pesquisas de vacinas, doenças e :roll: conhecimento militares etc. visto que é um problema de técnicas rudimentares e de capitalização
Uma vez que, se justificam em nome da ciência e da tecnologia, entretanto a inteligência humana já é capaz de substituir esses testes como por exemplo: in vitro, softwares trocas de peles de animais por pele feitas em laboratórios, e outros métodos alternativos por consequentemente sendo mais exatos e precisos, tendo maior segurança.
Entretanto, outras formas de fazer esses teste precisam de investimentos, e as empresas não querem ter gastos com isso, fazer uso das mesmas táticas dá uma falsa segurança por serem mais comuns, pois sair do Paradigma e utilizar outros métodos da insegurança, portanto eles permanece com os mesmas procedimentos.
Sendo assim, os países devem proibir os testes com os animais, tendo ação de mais que ética e moral, é a vida de todos os animais e segurança dos consumidores e produtores, por meio de ONGs fazendo movimentos e disseminando a informação, com a finalidade de dar uma vida melhor aos animais que eles possam ser livres das gaiolas, ONG como a HSI que lançou a campanha global chamada “liberte-se da Crueldade” para garantir que nenhum animal seja submetido a testes rigorosos por causa de novos produtos de beleza.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio mediano da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com alguns desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com estrutura sintática mediana para o grau de escolaridade exigido, porém com alguns desvios morfossintáticos, de pontuação, de grafia ou de emprego do registro adequado ao tipo textual.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação previsível e apresenta domínio mediano do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Com essa pontuação, ou o tema da redação é desenvolvido adequadamente, porém de forma previsível, com pouco avanço em relação ao senso comum ou, embora o texto demonstre domínio adequado do tipo textual exigido, a progressão textual apresenta algum problema.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

Avatar do usuário
Por Ashiley
#61046
@Vivianne87

No que se refere à, testes em animais, pode-se perceber dessa maneira (que) o ser humano ainda usa técnica arcaicas, (pois) experimentos em animais existem deste o século XIX, portanto essas práticas foram importantes para as pesquisas de vacinas, doenças e conhecimento (conhecimentos) militares etc. visto (Visto) que é um problema de técnicas rudimentares e de capitalização.
Sua introdução pode ser melhorada, organizando melhor as ideias, melhorando também na pontuação e deixando mais organizado o que é problematização e tese.

Uma vez que (Poderia usar " Em primeira análise"), se justificam em nome da ciência e da tecnologia, entretanto a inteligência humana já é capaz de substituir esses testes como por exemplo: in vitro, softwares trocas de peles de animais por pele feitas em laboratórios, e outros métodos alternativos por consequentemente sendo mais exatos e precisos, tendo maior segurança.
Nesse D1 há uma falta de organização, pois se deve ter em mente a microestrutura: tópico frasal, repertório, argumentação e fechamento. Nesse caso, não houve tópico, nem repertório e fechamento... seu parágrafo está todo em um único período!

Entretanto, outras formas de fazer esses teste (testes) precisam de investimentos, e as empresas não querem ter gastos com isso, fazer uso das mesmas táticas dá uma falsa segurança por serem mais comuns, pois sair do Paradigma e utilizar outros métodos da (dá) insegurança, portanto eles permanece (permanecem) com os mesmas (mesmos) procedimentos.
Cuidado com concordância e palavras erradas. Além disso, como dito anteriormente, novamente seu parágrafo é feito apenas em um período, isso é ruim, pois ele deve ser separado em no mínimo três. Reveja a microestrutura e use repertórios, ou seja, outras áreas do conhecimento.

Sendo assim, os países (AGENTE) devem proibir os testes com os animais (AÇÃO), tendo ação de mais que ética e moral, (confuso) é a vida de todos os animais e segurança dos consumidores e produtores, por meio de ONGs fazendo movimentos e disseminando a informação (MEIO), com a finalidade de dar uma vida melhor aos animais que eles possam ser livres das gaiolas, (justaposição) ONG como a HSI que lançou a campanha global chamada “liberte-se (Liberte-se) da Crueldade” para garantir que nenhum animal seja submetido a testes rigorosos por causa de novos produtos de beleza (EFEITO + DETALHAMENTO).
Sua proposta está completa. Porém, cuidado novamente, pois todos os seus parágrafos estão escritos em um único período... alguns trechos, portanto, ficam confusos em decorrência disso, ou seja, da má pontuação.

Sugiro fortemente que estude pontuação, principalmente ponto e vírgula, além dos conceitos de truncamento e justaposição. Além disso, veja áreas do conhecimento que você possa empregar para embasar seus argumentos. É isso, bons estudos! :D

NathaliaLima , olá, boa-noite! irei corrig[…]

Anninha , olá, boa-noite! irei corrigir su[…]

A vocação para o mercado de trabalho[…]

MoniqTorres , olá, boa-noite! posso corrig[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM