• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#68617
Na obra “Utopia”, do escritor inglês Thomas More, é retratada uma sociedade perfeita, na qual o corpo social padroniza-se pela ausência de conflitos e problemas. No entanto, o que se observa na realidade contemporânea é o oposto do que o autor prega, uma vez que os estereótipos equivocados sobre as doenças mentais no Brasil apresentam barreiras sociais e ideológicas, as quais dificultam a concretização dos planos de More. Esse cenário antagônico é fruto tanto da ineficiência do Estado, quanto da precariedade escolar. Desse modo, é fundamental a discussão desses aspectos, a fim do pleno funcionamento da sociedade.
Primeiramente, é importante destacar que o acréscimo de doenças mentais no país deriva da baixa atuação dos setores governamentais. Segundo o pensador Thomas Hobbes, o Estado é responsável por garantir o bem-estar da sociedade, entretanto, à falta de ação das autoridades, tem aumentado significativamente os casos de distúrbios mentais no país com destaque a depressão isto é, um transtorno de humor marcado pela sensação persistente de tristeza. Conforme, os dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil é o país mais depressivo da América Latina. Portanto, se um governo se omite diante de uma questão tão importante, entende-se, assim, o porquê da persistência problema.
Ademias, é imperativo ressaltar que as escolas como formadoras de opinião, têm um papel importantíssimo no combate aos rótulos associados às doenças mentais, já que a adoção de uma postura crítica é essencial para que as pessoas se informem a cerca do conceito e das diferenças existentes entre saúde mental e doença mental. Porém, essas instituições não oferecem educação psicológica, o que contribuí tanto para que jovens e crianças tenham dificuldades de relacionar e associar seus sentimentos vividos no dia a dia, quanto para a disseminação de informações errôneas sobre a temática. Nesse ínterim, tudo isso gera um surto de discriminação social entre os jovens.
Diante dos argumentos supracitados, é necessário que o Estado aja, criando campanhas de combate à depressão, por meio da criação de pequenas Organizações Não Governamentais (ONGs) espelhadas por diversos municípios do Brasil com o apoio de profissionais voluntários, principalmente nos lugares com maiores índices de depressão, para atender toda a população que apresenta distúrbios mentais e assim amenizar problemática. Além disso, é necessário que as escolas incluam no seu PPP escolar uma educação voltada para a psicologia, por meio das disciplinas de Humanas, e com isso ensinar aos jovens e crianças como lidar melhor com as emoções vividas. Logo, será possível alcançar a utopia de More.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

A obra da artista brasileira Tarsila do Amaral &ls[…]

geoca , obrigadaaaa pelas correção❤[…]

"Não tive filhos , não transmit[…]

De acordo com a constituição federal[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM