Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#50793
TEMA: ENSINO BÁSICO A DISTÂNCIA NO BRASIL: O PROBLEMA DA INFRAESTRUTURA.



O documentário brasileiro ‘’Quando Sinto que Já Sei’’ retrata a ascensão de modelos alternativos de ensino e sua incorporação na contemporaneidade, abordando a adaptação de professores e educandos a esses meios. De maneira análoga, substituir as aulas presenciais por uma configuração integralmente digital demanda semelhante desafio, dado que a maior parte da logística empregada deve ser modificada para possibilitar uma dinâmica pedagógica eficiente. Nesse contexto, o acesso desigual às ferramentas tecnológicas e o despreparo profissional são aspectos infraestruturais que desencadeiam um panorama problemático associado a essa modalidade.

Em primeira análise, cabe pontuar que a disponibilidade não equitativa de recursos determina uma série de adversidades que afetam o funcionamento pleno do Ensino à Distância (EAD). De acordo com o sociólogo Florestan Fernandes, em um cenário de profunda irregularidade econômica e social entre os indivíduos, é fundamental a elaboração de medidas para reparar as desconformidades e estabelecer oportunidades equivalentes. Sob esse viés, é possível constatar que tal proposição não é realizada pelos órgãos estatais da nação, uma vez que a maior parte das instituições públicas colegiais não garantem a distribuição de dispositivos — como tablets e celulares —, acervo de material eletrônico e professores capacitados para lecionar através do ciberespaço. Com efeito, o corpo estudantil que não detém esses mecanismos é, majoritariamente, desestimulado a concluir o ciclo acadêmico, enquanto a parcela privilegiada com esses instrumentos se encaminha para a formação digna. Perante isso, entende-se um fator que impede a ordenação dessa forma educacional.

Em segunda análise, vale ressaltar, ainda, que a ínfima qualificação do corpo ministrador para atuar o âmbito cibernético constitui um crítico entrave acerca da articulação dessa categoria pedagógica. Desse modo, segundo o sociólogo francês Manuel Castells, o advento da internet fomentou a alteração do caráter tradicional das atividades, o que exige a restruturação da forma de exercê-las. Por conseguinte, sendo a instrução básica atingida por esse surgimento, a orientação dos tutores e gestores para adequação e potencialização dessa ferramenta é primordial, contudo, o investimento em programas de preparação é escasso, dificultando o uso de computadores e softwares destinados a incorporar o seu trabalho na passagem de conhecimento. À vista disso, esse imbróglio torna essa virtualidade improdutiva, na qual a autonomia e a expansão de possibilidades são negligenciadas pela desconexão didática com os alunos. Assim sendo, apreende-se o quando essa indiligência é prejudicial.

Em suma, é mister que providências sejam tomadas para superar os impasses relacionados ao EAD. Destarte, urge que o Ministério da Educação elabore um programa de aprimoramento do ato de lecionar no meio online, cujo deve focar, especificamente, na produção de videoaulas e utilização de aplicativos interativos para incrementar o estudo, por meio da inclusão do projeto nas Diretrizes Orçamentárias, a fim de subsidiar e ambientar aprendizes e docentes nesse âmbito, tal qual demonstrado no documentário nacional.

@joanavitoria, pode corrigir?

Ps: essa é, provavelmente, minha última redação antes do ENEM. desejo sucesso, calma e sorte para todo mundo do site que me acompanhou, corrigiu meus erros e me ajudou quando pensei que nunca fosse melhorar nessa matéria <3 MUITO OBRIGADA! Se der tudo certo, AMÉM! caso contrário estarei de volta depois de um tempo kkkkkkkkk.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 150

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 170

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#50808
olá , sou @wagner123 e venho fazer alguns comentários acerca de sua redação :D

O documentário brasileiro ‘’Quando Sinto que Já Sei’’ retrata a ascensão de modelos alternativos de ensino e sua incorporação na contemporaneidade, abordando a adaptação de professores e educandos a esses meios. De maneira análoga[1], substituir as aulas presenciais por uma configuração integralmente digital demanda semelhante desafio, dado que a maior parte da logística empregada deve ser modificada para possibilitar uma dinâmica pedagógica eficiente. Nesse contexto, o acesso desigual às ferramentas tecnológicas e o despreparo profissional são aspectos infraestruturais que desencadeiam um panorama problemático associado a essa modalidade.
[1] Aqui vejo um certo tangeciamento do tema visto que em nenhum momento voce fala sobre o território nacional o que acaba por deixar seu texto fora do proposto no país
:!: ótima introdução com todos os elementos requeridos

Em primeira análise, cabe pontuar que a disponibilidade não equitativa de recursos determina uma série de adversidades que afetam o funcionamento pleno do Ensino à Distância (EAD).[2] De acordo com o sociólogo Florestan Fernandes, em um cenário de profunda irregularidade econômica e social entre os indivíduos, é fundamental a elaboração de medidas para reparar as desconformidades e estabelecer oportunidades equivalentes. Sob esse viés, é possível constatar que tal proposição não é realizada pelos órgãos estatais da nação, uma vez que a maior parte das instituições públicas colegiais não garantem a distribuição de dispositivos — como tablets e celulares —, acervo de material eletrônico e professores capacitados para lecionar através do ciberespaço. Com efeito, o corpo estudantil que não detém esses mecanismos é, majoritariamente, desestimulado a concluir o ciclo acadêmico, enquanto a parcela privilegiada com esses instrumentos se encaminha para a formação digna. Perante isso, entende-se um fator que impede a ordenação dessa forma educacional.
[2] faltou o conectivo
:!: D1 perfeito com ideias claras objetivas e bem detalhadas mas acredito que seria interessante a presença da atuação do Estado no seu tópico frasal pois essa informação nao está nem ao menos na introdução. Por isso , acredito que seja um problema de planejamento textual em não concordancia com as ideias do seu texto. Isso porque, voce fala do Estado como se já tivesse o mencionado [email protected]

Em segunda análise, vale ressaltar, ainda, que a ínfima qualificação do corpo ministrador para atuar No âmbito cibernético constitui um crítico entrave acerca da articulação dessa categoria pedagógica. Desse modo, segundo o sociólogo francês Manuel Castells, o advento da internet fomentou a alteração do caráter tradicional das atividades, o que exige a restruturação da forma de exercê-las. Por conseguinte, sendo a instrução básica atingida por esse surgimento, a orientação dos tutores e gestores para adequação e potencialização dessa ferramenta é primordial, contudo, o investimento em programas de preparação é escasso[3], dificultando o uso de computadores e softwares destinados a incorporar o seu trabalho na passagem de conhecimento. À vista disso, esse imbróglio torna essa virtualidade improdutiva[4], na qual a autonomia e a expansão de possibilidades são negligenciadas pela desconexão didática com os alunos. Assim sendo, apreende-se o quanTo essa indiligência é prejudicial.
[3] investimento de [email protected] E você diz que as plataformas dirigidas pelos gestores são de má qualidade e isso é verdade porém não pode ser generalizado pois o sistema que minha escola têm usado nas aulas EAD é muito bom e estável , sendo feito com bastante investimento por parte da direção. Por isso, vejo uma generalização visto que expressões como; grande parte, uma parcela , a maioria... não foram usadas como no 1 desenvolvimento.
[4] será mesmo que nenhum aluno brasileiro foi produtivo via [email protected] será mesmo que a virtualidade, nas condições atuais, impossibilitou o [email protected] Na minha visão esse termo ficou generalizado demais
:arrow: conselho meu; seu primeiro e segundo argumentos fundamentam-se justamente no mesmo fator o investimento financeiro, fato este que interrompe a progressão textual focalizando o problema em apenas uma área de infinitas possibilidades existentes. Por isso, tente usar argumentos de naturezas diferentes pois o tema não especifica que a infraestrutura se deve somente a de sistemas e softwares mas sim qualquer tipo de infraestrutura como a democratização da internet em pontos específicos que não é diretamente culpa da falta de investimentos mas sim de uma falha na organização de projetos de viabilidade.
:!: Gostei bastante desse D2 , porém as generalizações e o uso das mesmas causas para o problema revelam uma inconsistência argumentativa

Em suma, é mister que providências sejam tomadas para superar os impasses relacionados ao EAD. Destarte, urge que o Ministério da Educação(AGENTE) elabore um programa de aprimoramento do ato de lecionar no meio online(AÇÃO), cujo deve focar, especificamente, na produção de videoaulas e utilização de aplicativos interativos para incrementar o estudo(DETALHAMENTO), por meio da inclusão do projeto nas Diretrizes Orçamentárias(MEIO/MODO), a fim de subsidiar e ambientar aprendizes e docentes nesse âmbito(FINALIDADE), tal qual demonstrado no documentário nacional


NOTAS
C1=200 Acredito que as duas falhas que apontei sejam erros de digitação
C2=140 Devido ao uso de argumentos de natureza semelhantes embasados no investimento
C3=160 Por causa das generalizações presentes no D2
C4=200 Bom uso de conectivos e estruturação argumentativa
C5=200 Conclusão completa
TOTAL=900pontos

é isso espero ter ajudado
#50936
Oii! Desculpe pela demora, a FUVEST me cansou muito kkkk boa sorte pra nós nesse domingo, tenho certeza que você vai se sair bem, seu esforço vai valer muito a pena. E se não der, tudo bem também, porque você vai tentar de novo com a vantagem de que adquiriu muito mais conhecimento pra prova <3

Introdução

O documentário brasileiro ‘’Quando Sinto que Já Sei’’ retrata a ascensão de modelos alternativos de ensino e sua incorporação na contemporaneidade, abordando a adaptação de professores e educandos a esses meios. De maneira análoga, substituir as aulas presenciais por uma configuração integralmente digital demanda semelhante desafio, dado que a maior parte da logística empregada deve ser modificada para possibilitar uma dinâmica pedagógica eficiente. Nesse contexto, o acesso desigual às ferramentas tecnológicas e o despreparo profissional são aspectos infraestruturais que desencadeiam um panorama problemático associado a essa modalidade.

Ótima introdução, mas tome cuidado; o tema é sobre o ensino básico a distância no Brasil, portanto você tem que citar o Brasil e deixar claro que é um problema nacional.

Desenvolvimento I

Em primeira análise, cabe pontuar que a disponibilidade não equitativa de recursos determina uma série de adversidades que afetam o funcionamento pleno do Ensino à Distância (EAD). De acordo com o sociólogo Florestan Fernandes, em um cenário de profunda irregularidade econômica e social entre os indivíduos, é fundamental a elaboração de medidas para reparar as desconformidades e estabelecer oportunidades equivalentes. Sob esse viés, é possível constatar que tal proposição não é realizada pelos órgãos estatais da nação, uma vez que a maior parte das instituições públicas colegiais não garantem a distribuição de dispositivos — como tablets e celulares —, acervo de material eletrônico e professores capacitados para lecionar através do ciberespaço. Com efeito, o corpo estudantil que não detém esses mecanismos é, majoritariamente, desestimulado a concluir o ciclo acadêmico, enquanto a parcela privilegiada com esses instrumentos se encaminha para a formação digna. Perante isso, entende-se um fator que impede a ordenação dessa forma educacional.

Ótimo desenvolvimento, parabéns!! Faz bom uso dos conectivos, não consegui detectar um erro de português, boa argumentação e muito bem estruturado. Minha única crítica aqui, como citei na introdução, é que você não faz menção ao Brasil, que faz parte do entrave citado no tema.

Desenvolvimento II

Em segunda análise, vale ressaltar, ainda, que a ínfima qualificação do corpo ministrador para atuar o âmbito cibernético constitui um crítico entrave acerca da articulação dessa categoria pedagógica. Desse modo, segundo o sociólogo francês Manuel Castells, o advento da internet fomentou a alteração do caráter tradicional das atividades, o que exige a restruturação da forma de exercê-las. Por conseguinte, sendo a instrução básica atingida por esse surgimento, a orientação dos tutores e gestores para adequação e potencialização dessa ferramenta é primordial, contudo, o investimento em programas de preparação é escasso, dificultando o uso de computadores e softwares destinados a incorporar o seu trabalho na passagem de conhecimento. À vista disso, esse imbróglio torna essa virtualidade improdutiva, no* qual a autonomia e a expansão de possibilidades são negligenciadas pela desconexão didática com os alunos. Assim sendo, apreende-se o quando essa indiligência é prejudicial.

Ótimo desenvolvimento, só tome cuidado para não dar voltas em torno de uma mesma problemática, pois você já citou, no D. I., a falta de profissionais qualificados para o ensino digital.

Conclusão

Em suma, é mister que providências sejam tomadas para superar os impasses relacionados ao EAD. Destarte, urge que o Ministério da Educação elabore um programa de aprimoramento do ato de lecionar no meio online, cujo deve focar, especificamente, na produção de videoaulas e utilização de aplicativos interativos para incrementar o estudo, por meio da inclusão do projeto nas Diretrizes Orçamentárias, a fim de subsidiar e ambientar aprendizes e docentes nesse âmbito, tal qual demonstrado no documentário nacional.

Ótima proposta de intervenção, cumprindo todos os requisitos exigidos.

No geral, sua redação é ótima, só tome cuidado pra não tangenciar o tema. Uma dica: ao ler o tema dado, sublinhe cada palavra e faça questão de que você vai mencionar todas elas na sua redação. Por exemplo, se o tema é "A persistência da violência contra a mulher no Brasil", se assegure de que você vai mencionar que a violência contra a mulher ainda persiste na nação brasileira. Ademais, a repetição dos mesmos entraves nas duas problemáticas também é algo pra se atentar. Mas fica calma, viu? Você tá no caminho certo, vai arrasar na redação sim. Bons estudos <3

A constituição federal de 1988, docu[…]

Desde a terceira revolução industria[…]

A saúde mental é um fator de risco n[…]

No cenário atual encontra-se muitas pessoas[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM