Avatar do usuário
Por Mekashi
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#113072
A Organização Mundial de Saúde (OMS) considera os municípios saudáveis, aqueles que melhoram o seu meio físico e social. No entanto, percebe-se que boa parte dos cidadãos não têm contribuído para essa melhora no espaço brasileiro. Diante desse cenário, uma das principais causas é o crescimento do individualismo na sociedade, levando assim, a diversos problemas sociais e ambientais.
O crescimento do individualismo tem sido um problema para a atuação efetiva do cidadão na melhora do espaço público. Segundo a psicanalista Inez Lemos, muitos pais e até mesmo a escola têm contribuído para esse crescimento, pois tendem a incentivar as crianças a serem competitivas entre si, esquecendo de ensinar a importância da colaboração. Assim, o exercício da cidadania e da solidariedade acaba não acontecendo e as pessoas tornam-se cada vez mais egoístas ao pensar sobre como suas ações podem afetar o coletivo social no futuro.
Em decorrência disso, vários problemas sociais e ambientais vão surgindo. Um exemplo bem comum é quando alguém joga lixo na rua, achando que não terá nenhuma consequência real, pois somente ela faz aquilo com frequência. O problema é que muitos indivíduos pensam a mesma coisa e acabam reproduzindo a mesma ação. Com isso, o lixo acumula-se em bueiros, fazendo muitas cidades sofrerem com enchentes e diversas famílias ficarem desabrigadas. Nessas situações, o artigo 255 da Constituição Brasileira, o qual diz que é dever do Poder Público e da coletividade zelar pelo meio ambiente, é ferido.
Portanto, é evidente que ainda há muito que pode ser feito pelo cidadão para melhorar o país. Por isso, o Ministério da Educação (MEC) deve inserir assuntos e matérias nas grades curriculares, que visam a prática da cidadania e a preservação do meio ambiente desde as séries iniciais, por meio de atividades e aulas dinâmicas. Tais aulas devem descrever como pensar nas consequências de suas ações para a sociedade a longo prazo e o que fazer para minimizar os danos futuros. Espera-se, assim, concretizar o conceito da OMS no território brasileiro e criar um Brasil bom para todos.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
101 Exibições
por Geovanebas
0 Respostas 
100 Exibições
por Geovanebas
3 Respostas 
199 Exibições
por euguilherme
0 Respostas 
65 Exibições
por THECAT
0 Respostas 
53 Exibições
por Caiobraga
2 Respostas 
86 Exibições
por Felipe082
6 Respostas 
348 Exibições
por Mylike
1 Respostas 
132 Exibições
por wjs
2 Respostas 
126 Exibições
por Mylike
0 Respostas 
117 Exibições
por isabolie

besourokafka - Sua introdução ap[…]

Felipe082 Maxy Alunaaaamed Casey12 Ke[…]

Obesidade é uma doença

A obesidade é um problema. Para muitos a […]

besourokafka Tati14 elloysa filipediasx 0[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM