Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
Por Adrianne
#46980
No limiar do século XX, a indústria cinematográfica buscou demonstrar nos filmes que a prática de fumar era sinônimo de glamour e alto poder econômico entre os mais favorecidos. Entretanto, a mentalidade capitalista vigente na contemporaneidade evidencia um grave problema de saúde pública ligado ao consumo exacerbado da nicotina. Nesse sentido, é nítido um fenômeno vinculado a manipulação midiática e a falta de informação, que influenciam em decisões cotidianas e sustentam tal ótica.
Em primeiro plano, vale ressaltar que o início do tabagismo é social, a mídia, por exemplo, ainda que um veículo de informação, corrobora com a divulgação do uso do cigarro, mesmo depois dos anúncios publicitários na TV, novelas e filmes serem banidos por volta da década de 60. Nessa perspectiva, a produção industrial do tabaco é ascendente no mundo globalizado, em função dos veículos de comunicação que direcionam o indivíduo ao acesso fácil do cigarro e estimulam o consumo desenfreado. Paralelamente, o conceito da Escola de Frankfurt está imerso na realidade contemporânea, a indústria cultural, de fato, é a principal motivação do comportamento humano.
Outrossim, é notório que a problemática constitui um fator de risco a saúde, o vício causado pelo cigarro é prejudicial tanto para os fumantes passivos quanto para os passivos. De acordo com o médico e escritor Dráuzio Varella, a nicotina é a droga que provoca a pior dependência química já conhecida pela medicina. Ademais, os milhares de produtos químicos formados pela combustão do tabaco geram substâncias poluentes e cancerígenas apontadas pela ciência como vilões do câncer de pulmão e enfisemas pulmonares, os quais atentam para a morte precoce de milhares de pessoas no mundo.
Portanto, é mister que mais do que a vontade, os fumantes precisam de estímulos para livrar-se do vício. Assim, faz-se necessário, que o Estado em parceria com o ministério da saúde tomem providências para amenizar quadro atual, por meio de verbas governamentais, com intuito de viabilizar o combate a atividade do cigarro, como, ações participativas dos governos, lideres da saúde e do público em geral. Espera-se com isso, a mútua conscientização da sociedade brasileira a respeito da publicidade do tabaco, para de fato, garantir o progresso sem comprometer as gerações futuras.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

É notório o aumento excessivo na num[…]

Estima-se que apenas 10% da populaçã[…]

Desde sempre na humanidade a oralidade está[…]

A constituição federal de 1988, docu[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM