Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#36988
Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), mostram que a população brasileira possui 10% de fumantes, e estima-se que 100 mil sejam adolescentes. Embora seja uma conquista, o problema do aumento do número de tabaco sendo consumido pelos jovens tupiniquins continua presente, visto que a pequena porcentagem mostra-se vigente, gerando impactos na saúde juvenil. Dessa forma, em razão da falta de debates e de uma lacuna educacional, emerge um problema complexo, que precisa ser revertido.

Primeiramente, é preciso salientar que o silenciamento é uma causa latente do problema. Segundo Foucault, na sociedade pó-moderna, muitos temas são silenciados para que estruturas de poder sejam mantidas. Diante disso, verifica-se uma lacuna em torno dos debates sobre o aumento do número de fumantes entre mancebos, o que contribui da falta de conhecimento da população sobre a questão, tornando sua resolução mais dificultada.

Em segundo plano, outra causa para a configuração do problema é uma base educacional lacunar. De acordo com o filósofo Immanuel Kant, o homem é aquilo que a educação faz dele. Sob essa lógica, se há um problema social, há como base uma falha pedagógica. No que tange o prolongamento do número de fumistas no meio de jovens, verifica-se uma forte influência dessa causa, uma vez que a escola não tem cumprido seu papel no sentido de reverter e prevenir o problema, visto que não tem trazido esses conteúdos para a sala de aula.

Portanto, medidas são necessárias para resolver o impasse. Dessarte, com o intuito de mitigar o aumento do uso do tabaco entre jovens brasileiros, necessita-se que o Tribunal de Contas da União direcione capital que, por intermédio do Ministério da Educação e Cultura (MEC), será revertido em uma lei entregue às Câmaras dos Deputados, através de palestras em escolas podendo ocorrer no período do contraturno, contando com a presença de professores de biologia e sociologia - explicando os impactos causado pelo cigarro na saúde e sociedade. A partir dessas ações, poderá se consolidar um Brasil melhor.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 150

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#37053
Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), mostram que a população brasileira possui 10% de fumantes(NÃO SEPARE A ORAÇÃO DO SUJEITO) e estima-se que 100 mil sejam adolescentes. Embora seja uma conquista, o problema do aumento do número de tabaco sendo consumido pelos jovens tupiniquins continua presente, visto que a pequena porcentagem se mostra vigente, a qual gera (GERÚNDIO) impactos na saúde juvenil. Dessa forma, em razão da falta de debates e de uma lacuna educacional, emerge um problema complexo(!) que precisa ser revertido.

Primeiramente, é preciso salientar que o silenciamento é uma causa latente do problema. Segundo Foucault, na sociedade pós-moderna, muitos temas são silenciados para que estruturas de poder sejam mantidas. Diante disso, verifica-se uma lacuna em torno dos debates sobre o aumento do número de fumantes entre mancebos, o que contribui da falta de conhecimento da população sobre a questão, assim torna sua (SEGUNDA PESSOA) resolução mais dificultada.

Em segundo plano, outra causa para a configuração do problema é uma base educacional lacunar. De acordo com o filósofo Immanuel Kant, o homem é aquilo que a educação faz dele. Sob essa lógica, se tem (VARIE O VOCABULÁRIO)um problema social, há como base uma falha pedagógica. No que tange o prolongamento do número de fumistas no meio de jovens, verifica-se uma forte influência dessa causa, uma vez que a escola não tem cumprido seu papel no sentido de reverter e prevenir o problema, visto que não tem trazido esses conteúdos para a sala de aula.

Portanto, medidas são necessárias para resolver o impasse (GENÉRICO/RETOME A TESE AO INVÉS DISSO). Dessarte, com o intuito de mitigar o aumento do uso do tabaco entre jovens brasileiros, necessita-se que o Tribunal de Contas da União direcione capital que, por intermédio do Ministério da Educação e Cultura (MEC), será revertido em uma lei entregue às Câmaras dos Deputados, através de palestras em escolas podendo ocorrer no período do contraturno, contando com a presença de professores de biologia e sociologia - explicando (GERÚNDIO CORRETO) os impactos causado pelo cigarro na saúde e sociedade. A partir dessas ações, poderá se consolidar um Brasil melhor.

OBSERVAÇÕES:
Varie o seu vocabulário.
Se atente nas vírgulas.
Alguns trechos faltou o conectivo.

Bom, é só isso que tenho para falar. Sucesso para ti, flw. :D
#37057
@Lucasborges1 , opa, esqueci de pontuar, mas já fiz. Algo que percebi são essas suas mensagens que , no entanto, só quem pode ver são as pessoas que entram aqui. Não adianta muito fazer isso.
#37386
Olá, @Lucasborges1, vou corrigir a sua redação.

TEMA: TABAGISMO: AUMENTO DO NÚMERO DE FUMANTES ENTRE JOVENS BRASILEIROS

Legenda:
erro
correção/sugestão/questionamento
repetição
comentários
elementos da proposta de intervenção


Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), mostram que a população brasileira possui 10% de fumantes, e estima-se que 100 mil sejam adolescentes(100 mil corresponde a quantos %? Sem isso não dá para ter uma ideia da quantidade. Além disso, qual o ano desses dados?). Embora seja uma conquista(o quê que é uma conquista?), o problema do aumento do número de tabaco sendo consumido pelos jovens tupiniquins(apenas os tupiniquins?) continua presente, visto que a pequena porcentagem mostra-se vigente, gerando impactos na saúde juvenil. Dessa forma, em razão da falta de debates e de uma lacuna educacional, emerge um problema complexo, que precisa ser revertido.
Comentários: A sua introdução ficou boa, mas recomendo que não utilize dados estatísticos para iniciar seu texto, não fica muito legal para a apresentação do tema.

Primeiramente, é preciso salientar que o silenciamento é uma causa latente do problema. Segundo Foucault, na sociedade pós-moderna, muitos temas são silenciados para que estruturas de poder sejam mantidas. Diante disso, verifica-se uma lacuna em torno dos debates sobre o aumento do número de fumantes entre mancebos, o que contribui da com a falta de conhecimento da população sobre a questão, tornando sua resolução mais dificultada.
Comentários: Bom, achei o seu desenvolvimento vago e pouco argumentativo. Nesse parágrafo você deveria ter focado em explicar o porquê de o silenciamento ser uma das causas do problema. Como assim silenciamento? Silenciamento da parte de quem? Por que silenciam esse problema?

Em segundo plano, outra causa para a configuração do problema é uma base educacional lacunar. De acordo com o filósofo Immanuel Kant, o homem é aquilo que a educação faz dele. Sob essa lógica, se há um problema social, há como base uma falha pedagógica. No que tange o prolongamento do número de fumistas no meio de jovens, verifica-se uma forte influência dessa causa, uma vez que a escola não tem cumprido seu papel no sentido de reverter e prevenir o problema, visto que não tem trazido esses conteúdos para a sala de aula.
Comentários: Esse parágrafo ficou melhor que o anterior, mas ainda não está muito bom. Você poderia ter focado mais nessa questão de as escolas não abordarem esse assunto em salas de aula. Mas isso é responsabilidade apenas da escola?

Portanto, medidas são necessárias para resolver o impasse. Dessarte, com o intuito de mitigar o aumento do uso do tabaco entre jovens brasileiros(finalidade), necessita-se que o Tribunal de Contas da União(agente) direcione capital(ação) que, por intermédio do Ministério da Educação e Cultura (MEC)(meio), será revertido em uma lei entregue às Câmaras dos Deputados(ação), através de palestras em escolas podendo ocorrer no período do contraturno, contando com a presença de professores de biologia e sociologia - explicando os impactos causados pelo cigarro na saúde e sociedade(detalhamento da ação). A partir dessas ações, poderá se consolidar um Brasil melhor.

Comentários: Sua proposta está completa. Porém, fiquei meio confusa. Você fala de uma lei, mas em seguida fala de palestras nas escolas... As palestras seriam algo obrigatório(uma lei)?

Espero que eu tenha te ajudado de alguma forma. Aguardo mais redações! ;)

Geralcinoj muito obrigada pela avaliaç&at[…]

Negligência gera desinformação[…]

Há aqueles que dizem que a arte copia a rea[…]

Desigualdade social

No Hino Nacional do Brasil, é descrita uma […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM