Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#39108
A segregação espacial e a favelização são assuntos triviais no Brasil desde 1889 com as constantes necessidades de modernizar a nação. Consequentemente, este cenário trouxe a intensificação da violência e criminalidade que estão diretamente relacionados com as crises vividas pelo sistema carcerário. Sendo assim, há a necessidade de intervenções que abrandem esses problemas.
Primeiramente, vale evidenciar que a violência está crescendo em número no Brasil. Diariamente há informações de feminicidios, homicídios, assaltos que inundando os noticiários. Esse fato intensifica uma situação presente em grande parte das prisões brasileiras, a superlotação. E, torna-se um problema ainda maior quando se sabe que ao prender os criminosos a violência não diminui. Afirmação esta corroborada pelo diretor - geral do Depem, Departamento Penitenciário Nacional, no qual diz que, " o encarceramento não reduz a criminalidade". Com isso, é imprescindível a implementação de políticas públicas eficazes nos locais marginalizados que introduza atividades esportivas e artísticas para crianças e jovens nos seus horários ociosos.
Além disso, faz-se mister salientar que a Constituição Federal introduz como um dos objetivos do sistema carcerário a ressocilização dos detentos. Contudo, a situação brasileira é outra, geralmente, os presídios superlotados não apresentão nenhum projeto de reintegração social. E, por causa dessa defasagem, os presos ao saírem da prisão não apresentam, na maioria das vezes, nenhuma mudança com relação à importância de respeitar as normas de convívio social. Aumentando, assim, a probabilidade deles cometerem outros crimes. Dessa forma, há a necessidade de políticas que dê suporte para a integração dos prisioneiros como, novamente, contribuintes da sociedade.
Logo, urge que sejam tomadas medidas para a resolução do quadro atual. Desse modo, o Governo deve criar projetos que viabilize a inserção de crianças e jovens moradores de regiões periféricas em atividades extra-curriculares. Isso ocorrerá por meio da contratação de professores de futebol, balé e artesanato, tendo como intuito a diminuição da violência e consequentemente a redução da superlotação nas cadeias. Ademais, será implantado nos presídios sessões com psicólogas que terá como objetivo dá aos presos uma chance para mudarem. Com tudo isso, será mitigada a crise no sistema carcerário.


*Obrigada pela correção, vocês me ajudam a chegar cada vez mais perto da realização do meu sonho.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Ashiley , Andre , Geralcinoj , sixthero[…]

Segundo o sociólogo polonês Zygument[…]

Como já houve uma correção! N[…]

Segundo jean-paul Sartre "A violência, […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM