Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#50421
Decorrente da Expansão Marítima, a chegada dos portugueses ao Brasil deu início a Pré-Colonização em 1500. Apesar de inicialmente pacífica, a relação portugueses e índios não demorou a mudar, visto que as diferenças sociais de ambos gerou um cenário "explorador X explorado", respectivamente. Por infelicidade, tal cenário ressoa ainda no século XXI. Em contraste, hodiernamente, temos meios de prevenir as desigualdades sociais. Seja no longo prazo, através da educação, ou no incontinente, pelo uso efetivo de ferramentas legais.
Segundo a Lei 9.394 de 1996, a educação, dever do estado e da família, deve englobar os princípios da igualdade, solidariedade e liberdade, com o fito de desenvolver um indivíduo apto a agir com ética na pluralidade social existente. Esta base ética, somada ao investimento na formação de cidadãos capacitados para exercer o trabalho com a devida preparação e suporte técnico, resultará em uma sociedade mais igualitária. Assim sendo, os valores e princípios inseridos e reforçados nas escolas juntamente com a qualificação técnica do indivíduo, trarão às gerações bases consolidadas na solidariedade social, no trabalho justo e nos valores e princípios éticos.
Haja vista a realidade desigual no contexto gregário brasileiro, ferramentas de proteção aos cidadãos que se sentirem afetados pela mesma estão previstos na Lei. Como forma de erradicar a desigualdade social, a Constituição Federal de 1988, prevê em seu artigo 5° "caput", como princípio constitucional, a Igualdade. De acordo com o professor e advogado Nery Júnior, " Os iguais devem ser tratados de forma igual e os desiguais de forma desigual na medida exata de suas desigualdades". Certamente, tal proporcionalidade entre os comparados gera ainda mais justiça que é aliada essencial ao combate à desigualdade social.
Recursos preventivos e imediatos ao combate a esta disfunção na sociedade, são necessários. Cabe ao Ministério de Educação juntamente do Ministério da Desenvolvimento Social, unir forças para a inclusão obrigatória à matriz curricular, das disciplinas éticas ainda no período básico escolar. Afim de propiciar e consolidar com naturalidade, princípios e condutas morais às futuras gerações. Aos mesmos Ministérios, cabe também, estimular a educação profissional, através projetos de exposição e inclusão dos estudantes ao mercado profissional por meio do trabalho voluntário. E ao Ministério de Justiça e Segurança pública, disseminar os direitos sociais como o da igualdade, através de projetos de marketing e mídias sociais direcionadas à população. Só então, o acesso aos recursos constitucionais serão ainda mais públicos e usuais aos cidadãos.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Dados do Inep mostram que, no Brasil, há a[…]

Na série The Umbrella Academy o uso de cria[…]

De acordo com o artigo 6 da Constituiç&atil[…]

Diana003 , me manda o link Obrigada por corrigir[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM