• Avatar do usuário
#64228
Sob a óptica do teólogo São Tomás de Aquino, todos os indivíduos possuem a mesma importância, além dos mesmos direitos e deveres. Entretanto, especialmente no Brasil, referente ao não reconhecimento adequado das populações indígenas, o pensamento é falho devido à desvalorização delas na sociedade, fruto do papel omisso do Governo e do desconhecimento da cultura desse público. Por conseguinte, a realidade é fomentada pela negligência estatal em solucionar os problemas de demarcação territorial e pelo enorme preconceito racial existente no país.
A princípio, é válido ressaltar como o panorama supracitado pode limitar a cidadania dos cidadãos tupiniquins. Segundo a Constituição Federal de 1988, no artigo 231, é reconhecido aos índios os direitos originários sobre os territórios tradicionalmente ocupados. Todavia, ao se analisar a intensa violação dessas regiões, é indiscutível o descumprimento da teoria constitucional por parte do Estado, haja vista que as diversas invasões ocorrem pela inidoneidade dos governantes relativa ao investimento em recursos financeiros e técnicos para a conclusão da regulação fundiária das terras. Consequentemente, essa conjuntura gera, de forma infeliz, um imenso acirramento nos embates entre os aborígenes e os cidadãos ligados ao agronegócio e, como resultado, o número de mortos decorrente desse conflito territorial tende a aumentar bastante. i
Ademais, é imperativo pontuar a desinformação acerca dessa cultura como agravadora primordial da discriminação na sociedade. Isso decorre, principalmente, da postura desinteressada e negligente do Ministério da Educação em disponibilizar livros didáticos nas escolas relacionados aos hábitos, aos costumes e às histórias dos aborígenes para desmistificar a impressão, geralmente, hostil da população, a qual pensa que eles são pessoas menos evoluídas e selvagens. Dessa maneira, a problemática relatada comprova o pensamento da escritora paulista Valéria de Almeida, quando a autora afirma a crescente distância do sonho dos brasileiros, referente à igualdade social e de direitos prevista na Carta Magna. Nesse sentido, a ausência de conhecimento a respeito dos aborígenes dificulta, significativamente, a quebra dos estigmas preconceituosos ligados a eles.
Depreende-se, portanto, a importância de debates sobre meios de proteger tanto os indivíduos tupiniquins quanto as regiões delimitadas por eles. Logo, cabe ao Congresso Nacional investir e apoiar a regulação territorial indígena - uma vez que grande parte do desmatamento florestal acorre por causa das construções feitas pelos latifundiários. Assim, a ação será realizada mediante superiores incentivos monetários destinados à compra e à aquisição dos instrumentos gerenciadores dessas terras, como: etnomapeamentos e etnozoneamentos, com o fito de impedir as ocupações ilegais nos limites implantados. Destarte, os índios, enfim, poderão ter um reconhecimento adequado e, a vista disso, a premissa constitucional será aplicada, corretamente, no Brasil.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

A cultura de assédio no Brasil

No livro “50 tons de cinza” é a[…]

joenir jheromagnoli cassiahso Higorrair

Peso: 1000 Nota: 1000 Conforme o escritor Franz K[…]

Doença mental

Para a OMS, saúde não engloba apena[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM