• Avatar do usuário
#64562
Em um trecho da música “Malandragem” , de Cássia Ellen, a autora descreve a ingenuidade de uma criança, que não conhece a verdade e que não está preparada para diferenciar o certo, do errado. Paralelo a isso, podemos constatar que uma criança não possui capacidade de analisar os prós e contras de adquirir um produto apresentado em propagandas.. Portanto, é coerente analisar o uso de publicidades destinadas ao público infantil.

Primeiramente, podemos destacar o fato de que, as propagandas têm grande influência no pensamento de indivíduos de menor idade, e que, com o uso de imagens, cores e personagens conhecidos, torna-se fácil convencer uma criança a querer consumir o produto anunciado. Sabendo disso, muitas empresas aproveitam da vulnerabilidade dessas crianças, segundo o estudo realizado em 2017 pela Associação Brasileira de Licenciamento (ABRAL), 80% dos produtos licenciados são destinados ao público infantil. Infere-se assim que, a utilização desses recursos de marketing ao público infantil é abusiva, já que, transmite uma ideia positiva do serviço, e induz a criança ao consumismo.

Por conseguinte, no Brasil, não há nem um tipo de fiscalização quanto aos anúncios publicados em redes sociais e transmitidos em rede aberta, expondo assim a juventude logo aos comerciais, levando em consideração que, segundo a pesquisa do Painel Nacional de Televisão, no Brasil os pequenos passam em média 5 horas e 35 minutos em frente à televisão. Se tornando assim muito expostos a esses anúncios.

Por fim, podemos perceber que são necessárias atitudes para reverter essa situação. Compete ao Ministério da Educação promover uma central nacional de reclamação, onde os pais e responsáveis possam denunciar propagandas abusivas que induzam a criança ao consumismo, além disso, cabe ao Governo Federal fiscalizar os anúncios direcionados ao público infantil, para que não sejam apelativos. Para que assim, como na música de Cássia, a ingenuidade da criança seja preservada, e para que as crianças não sejam vítimas do marketing das empresas.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Pra que título?

“Não são as crises que mudam […]

Ei, tudo bem? Vamos lá! Policarpo Quar[…]

Me ajudem aí, preciso de uma base para ver […]

Oiii amanhã faço minhas considera&cc[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM