• Avatar do usuário
#63989
“Leia para uma criança”, o slogan de uma campanha do banco Itaú remete a importância da leitura na formação do caráter de uma criança. No entanto, com a possível taxação de livros no Brasil muito mais crianças e adultos ficarão sem o acesso aos mesmos a partir da compra. Desta forma, faz-se jus uma análise criteriosa dos fatores que compõem essa conjuntura.

Em primeira análise, é importante destacar o impacto da taxação de livros no âmbito intelectual da sociedade a partir do conceito de que “conhecimento é poder”, conforme o pensamento do filósofo grego Sócrates. Isto é, com o aumento do preço dos livros as camadas mais baixas da sociedade perdem o acesso aos mesmos por meio da compra, o que contribui para um processo de enrijecimento da sociedade onde não existe muita mobilidade social e o senso crítico se torna restrito. A partir disso, entende-se que são necessárias medidas para evitar tal situação “distópica”.

Ademais, é imprescindível ressaltar as consequências econômicas da taxação de livros no Brasil, as quais fogem do ideal de “estado que não interfere na economia”, proposto pelo filósofo John Locke. Desta maneira, com a redução de compradores, o mercado do livro que até então já estava em crise têm sua barreira com a falência ainda mais tênue e, por conseguinte, o dinheiro movimentado por esse comércio deixa de circular de modo a afligir a economia do país. Portanto, infere-se que é urgente uma intervenção para essa problemática.

Em suma, para resolver essa questão acerca da taxação de livros no Brasil, urge que o Congresso Nacional promova uma maior garantia de isenção de taxas sobre livros, por meio de projetos de lei mais rigorosos contra a taxação, a fim de disponibilizar o acesso por meio da compra ao maior público possível e poder-se então levar o país a trilhar rumo a uma sociedade mais intelectual e desenvolvida educacionalmente.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 190

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#64030
[melhorar contextualização, traga algo mais histórico, filme, série... > “Leia para uma criança”, o slogan de uma campanha do banco Itaú remete a importância da leitura na formação do caráter de uma criança. No entanto, com a possível taxação de livros no Brasil muito mais crianças e adultos ficarão sem o acesso aos mesmos a partir da compra. Desta forma, faz-se jus uma análise criteriosa dos fatores que compõem essa conjuntura.

Em primeira análise, é importante destacar o impacto da taxação de livros no âmbito intelectual da sociedade a partir do conceito de que “conhecimento é poder”, conforme o pensamento do filósofo grego Sócrates. Isto é, com o aumento do preço dos livros as camadas mais baixas da sociedade perdem o acesso aos mesmos por meio da compra, o que contribui para um processo de enrijecimento da sociedade onde não existe muita mobilidade social e o senso crítico se torna restrito. A partir disso, entende-se que são necessárias medidas para evitar tal situação “distópica”.

Ademais, é imprescindível ressaltar as consequências econômicas da taxação de livros no Brasil, as quais fogem do ideal de “Estado que não interfere na economia”, proposto pelo filósofo John Locke. Desta maneira, com a redução de compradores, o mercado do livro que até então já estava em crise têm sua barreira com a falência ainda mais tênue e, por conseguinte, o dinheiro movimentado por esse comércio deixa de circular de modo a afligir a economia do país. Portanto, infere-se que é urgente uma intervenção para essa problemática. < está generalizando muito na arrematação, deixando parecida com a do parágrafo anterior]

Em suma, para resolver essa questão acerca da taxação de livros no Brasil < evite repetir palavras, termos, frases.. invista em sinônimos], urge que o Congresso Nacional promova uma maior garantia de isenção de taxas sobre livros, por meio de projetos de lei mais rigorosos contra a taxação, a fim de disponibilizar o acesso por meio < procurar sinônimo] da compra ao maior público possível e poder-se então levar o país a trilhar rumo a uma sociedade mais intelectual e desenvolvida educacionalmente.
* Acredito que faltou detalhamento
País dos sonhos

O escritor Stefan Zweing devido à persegui&[…]

Igualdade social

Como o título tudo diz ,não só[…]

Alienação parental no Brasil

A Declaração Universal dos Direitos […]

hel0oooo , Siiiiim você lembrou kkkkkkkkkkk[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM