Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#48401
Com a chegada dos europeus na América, no século XV, a história e cultura de vários povos nativos da região foram extintas por causa de massacres ou sobreposição cultural promovidos pelos colonizadores. Hodiernamente, no Brasil, a herança histórica cultural construída no país está ameaçada pela falta de gana da população a respeito do assunto e pelo descaso do governo.

Em primazia, há grande negligência dos governantes a respeito da estimulação da população para apreciação do patrimônio histórico cultural existente no país, seja por falta de uma educação básica boa o suficiente para apresentar os aspectos históricos culturais e desenvolver interesse por esse precioso bem ou pela falta de investimentos nos locais e manifestações culturais que compõem esse patrimônio. Tais fatores acabam por gerar um distanciamento da população para com a história e cultura do próprio país, além de contrariarem o que diz o artigo 215 da Constituição: "O Estado garantirá a todos o pleno exercício dos direitos culturais e acesso às fontes da cultura nacional, e apoiará e incentivará a valorização e a difusão das manifestações culturais".

Como consequência disso, há abandono e/ou precária preservação dos locais considerados patrimônios culturais no país, além da desvalorização de manifestações culturais, aspectos que são evidenciados por construções caindo aos pedaços, insalubridade, falta de opções em relação ao lazer envolvendo aprendizado e confirmação da cultura brasileira, além da violência, o que remete a uma frase pichada por autor desconhecido no munícipio de Governador Valadares, em Minas gerais: "Em um lugar onde não há atividades culturais, a violência vira espetáculo".

Evidencia-se, portanto, que a falta da valorização do patrimônio histórico cultural resulta em problemas para a preservação do mesmo e para a sociedade como um todo. Por isso, faz-se necessário que a Secretaria Especial da Cultura, juntamente com o IPHAN, deve criar um plano de reestruturação do patrimônio histórico cultural, além de incentivo às manifestações culturais, por meio de investimentos em reformas e promoção de eventos com foco na cultura brasileira. Isso diante do objetivo de garantir acesso às fontes da história e cultura nacional e sua devida valorização, bem como os benefícios decorrente disso para a sociedade.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#48605
Com a chegada dos europeus na América, no século XV, a história e cultura (caso de paralelismo: ou você usa "as história e cultura" ou "a história e a cultura". Pessoalmente, eu prefiro esse último.)de vários povos nativos da região foram extintas por causa de massacres ou sobreposição cultural promovidos pelos colonizadores. Hodiernamente,(evite esses termos muito rebuscados) no Brasil, a herança histórica cultural construída no país está ameaçada pela falta de gana da população a respeito do assunto e pelo descaso do governo. Vou dar uma dica: as 2 ideias que você citou tem que ser desenvolvidas em ordem nos próximos dois parágrafos. No primeiro parágrafo você devia ter falado da gana da população e só no segundo falar do governo. Essa organização te dá um projeto de texto mais firme para a C3.

Em primazia, há grande negligência dos governantes a respeito da estimulação da população para apreciação do patrimônio histórico cultural existente no país, seja por falta de uma educação básica boa o suficiente para apresentar os aspectos históricos culturais e desenvolver interesse por esse precioso bem ou pela falta de investimentos nos locais e manifestações culturais que compõem esse patrimônio. Tais fatores acabam por gerar um distanciamento da população para com a história e cultura do próprio país, além de contrariarem o que diz o artigo 215 da Constituição: "O Estado garantirá a todos o pleno exercício dos direitos culturais e acesso às fontes da cultura nacional, e apoiará e incentivará a valorização e a difusão das manifestações culturais". Para demonstrar mais autoria e indignação com o problema, eu sugiro o uso de mais adjetivos e advérbios. Por ex: "um distanciamento nocivo da população..." ou "uma educação básica verdadeiramente eficiente"

Como consequência disso, há abandono e/ou precária preservação dos locais considerados patrimônios culturais no país, além da desvalorização de manifestações culturais, aspectos que são evidenciados por construções caindo aos pedaços, insalubridade, falta de opções em relação ao lazer envolvendo aprendizado e confirmação da cultura brasileira, além da violência, o que remete a uma frase pichada por autor desconhecido no munícipio de Governador Valadares, em Minas gerais: "Em um lugar onde não há atividades culturais, a violência vira espetáculo".Esse parágrafo só teve um período! Divida suas ideias com ponto, dois pontos e ponto e vírgula. Além disso, repito o que falei do outro parágrafo: advérbios e adjetivos para mostrar sua presença no texto, e não ficar tudo expositivo.

Evidencia-se, portanto, que a falta da valorização do patrimônio histórico cultural resulta em problemas para a preservação do mesmo e para a sociedade como um todo. Por isso, faz-se necessário que a Secretaria Especial da Cultura, juntamente com o IPHAN, deve criar um plano de reestruturação do patrimônio histórico cultural, além de incentivo às manifestações culturais, por meio de investimentos em reformas e promoção de eventos com foco na cultura brasileira. Isso diante do objetivo de garantir acesso às fontes da história e cultura nacional e sua devida valorização, bem como os benefícios decorrente disso para a sociedade. Excelente conclusão!


Gostei do tamanho da sua redação, quase 2500 caracteres, você utilizou bem o espaço. Eu sempre recomendo fazer redação entre 2500 e 3000 caracteres, porque é +- o tamanho que cabe em letra pequena nas 30 linhas do Enem.

Agora, falando do texto propriamente: as palavras diferentonas, eu recomendo que você evite. Você está escrevendo do seu jeito normal, com seu estilo, e do nada cai um Hodiernamente. Mantenha sua escrita homogênea, da forma que você escreve. Isso é mais original do que usar as palavras chiques que todo aluno tenta repetir. (Meu professor sempre avisava sobre isso, mas só agora, corrigindo, entendo o que ele quis dizer 😄)

Além disso, se posicione mais. Dê características às coisas, porque isso é a sua opinião e marca de autoria. Fez uma citação? Escreve assim: "o cirúrgico escritor fulano de tal", ou "a revista x, evidentemente ácida, fala sobre".

No demais, sua redação está ótima, parabéns! Qualquer dúvida, pode falar comigo, me marcar em outra redação, estou aqui para ajudar ❤️
#48652
AhNaoAna escreveu:Com a chegada dos europeus na América, no século XV, a história e cultura (caso de paralelismo: ou você usa "as história e cultura" ou "a história e a cultura". Pessoalmente, eu prefiro esse último.)de vários povos nativos da região foram extintas por causa de massacres ou sobreposição cultural promovidos pelos colonizadores. Hodiernamente,(evite esses termos muito rebuscados) no Brasil, a herança histórica cultural construída no país está ameaçada pela falta de gana da população a respeito do assunto e pelo descaso do governo. Vou dar uma dica: as 2 ideias que você citou tem que ser desenvolvidas em ordem nos próximos dois parágrafos. No primeiro parágrafo você devia ter falado da gana da população e só no segundo falar do governo. Essa organização te dá um projeto de texto mais firme para a C3.

Em primazia, há grande negligência dos governantes a respeito da estimulação da população para apreciação do patrimônio histórico cultural existente no país, seja por falta de uma educação básica boa o suficiente para apresentar os aspectos históricos culturais e desenvolver interesse por esse precioso bem ou pela falta de investimentos nos locais e manifestações culturais que compõem esse patrimônio. Tais fatores acabam por gerar um distanciamento da população para com a história e cultura do próprio país, além de contrariarem o que diz o artigo 215 da Constituição: "O Estado garantirá a todos o pleno exercício dos direitos culturais e acesso às fontes da cultura nacional, e apoiará e incentivará a valorização e a difusão das manifestações culturais". Para demonstrar mais autoria e indignação com o problema, eu sugiro o uso de mais adjetivos e advérbios. Por ex: "um distanciamento nocivo da população..." ou "uma educação básica verdadeiramente eficiente"

Como consequência disso, há abandono e/ou precária preservação dos locais considerados patrimônios culturais no país, além da desvalorização de manifestações culturais, aspectos que são evidenciados por construções caindo aos pedaços, insalubridade, falta de opções em relação ao lazer envolvendo aprendizado e confirmação da cultura brasileira, além da violência, o que remete a uma frase pichada por autor desconhecido no munícipio de Governador Valadares, em Minas gerais: "Em um lugar onde não há atividades culturais, a violência vira espetáculo".Esse parágrafo só teve um período! Divida suas ideias com ponto, dois pontos e ponto e vírgula. Além disso, repito o que falei do outro parágrafo: advérbios e adjetivos para mostrar sua presença no texto, e não ficar tudo expositivo.

Evidencia-se, portanto, que a falta da valorização do patrimônio histórico cultural resulta em problemas para a preservação do mesmo e para a sociedade como um todo. Por isso, faz-se necessário que a Secretaria Especial da Cultura, juntamente com o IPHAN, deve criar um plano de reestruturação do patrimônio histórico cultural, além de incentivo às manifestações culturais, por meio de investimentos em reformas e promoção de eventos com foco na cultura brasileira. Isso diante do objetivo de garantir acesso às fontes da história e cultura nacional e sua devida valorização, bem como os benefícios decorrente disso para a sociedade. Excelente conclusão!


Gostei do tamanho da sua redação, quase 2500 caracteres, você utilizou bem o espaço. Eu sempre recomendo fazer redação entre 2500 e 3000 caracteres, porque é +- o tamanho que cabe em letra pequena nas 30 linhas do Enem.

Agora, falando do texto propriamente: as palavras diferentonas, eu recomendo que você evite. Você está escrevendo do seu jeito normal, com seu estilo, e do nada cai um Hodiernamente. Mantenha sua escrita homogênea, da forma que você escreve. Isso é mais original do que usar as palavras chiques que todo aluno tenta repetir. (Meu professor sempre avisava sobre isso, mas só agora, corrigindo, entendo o que ele quis dizer 😄)

Além disso, se posicione mais. Dê características às coisas, porque isso é a sua opinião e marca de autoria. Fez uma citação? Escreve assim: "o cirúrgico escritor fulano de tal", ou "a revista x, evidentemente ácida, fala sobre".

No demais, sua redação está ótima, parabéns! Qualquer dúvida, pode falar comigo, me marcar em outra redação, estou aqui para ajudar ❤️

Muitíssimo obrigado pela correção. Ficarei atento aos pontos em que não fui bem.

GlendaMorais , eu procurei bastante no manual do[…]

Em sua obra "O Cidadão de Papel",[…]

Segundo o site "o Globo" teve um aumento[…]

A série “13 Reasons Why”, conta[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM