• Avatar do usuário
Avatar do usuário
Por guigomeszz
Quantidade de postagens
#65059
Na fala de Albert Einstein "É mais fácil desintegrar um átomo do que um preconceito". É notório que nessa frase, ele retrata o quão difícil é quebrar os estereótipos impostos na sociedade global. Mesmo esses paradigmas sendo uma "herança" da sociedade humana desde os tempos antigos, em sua época contemporânea Albert Einstein previu que o preconceito estava muito longe de se acabar.
Podemos compará-lo em nossa atual situação contemporânea brasileira, de modo que, o preconceito contra os indígenas é de total persistência, não obstante, há ainda um maior preconceito contra o grupo homossexual que, tem desde muito tempo uma incansável luta para se encaixar na sociedade brasileira.
Primeiramente, quando tratamos sobre as minorias indígenas, é um fato que a sua terrível e angustiada história de vida vem de um massacre humano e roubos de suas terras por arrogantes colonizadores europeus. Isso não se difere da atual situação brasileira, de modo que, o atual governo vive em uma incansável ignorância com os donos dessa terra, deixando de impor auxílio a esse grupo. Dados coletados pelo IBGE mostram que houve 4,31 conflitos por terras indígena no Brasil em um período de 8 meses, logo sem esse auxílio o resultado é uma crescente onda de roubos por mesquinhos criminosos que vivem em nossa sociedade, contudo, corroboram para a extinção da cultura indígena.
Ademais, vemos outra situação tomando o mesmo rumo de total crueldade humana, que é o grupo homossexual. Pesquisam apontam que entre "2016" e "2017", 30% da taxa de homicídio contra o grupo homossexual subiram no Brasil, não obstante o atual desgoverno possui um presidente que discorda da homossexualidade e proporciona ainda mais essa terrível ação, diferente de outros países que já estão corroborando para abaixar esses índices, o Brasil ainda segue nesta ação ignorante.
Diante desses fatos, podemos concluir que o preconceito nos está enraizado. Portanto, para mudar isso o governo federal deverá proporcionar educação cultural e contra o preconceito através de escolas e propagandas para dentre os próximos anos nós podermos ter uma sociedade mais multiculturalista do que já é.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Doença mental

Deivid16 , Gi69

“A essência dos direitos humanos &eac[…]

vitoriaca , tá bom anjo❤

Iurymed , ei!! Claro! Posso sim. Em breve, ok[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM