• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
Avatar do usuário
Por Tokgh0uls
#68907
Toda profissão é inerente à vida. E julgar quaisquer uma que, em sua opinião, seja fútil, é negar algo inerente a sua, ou a sobrevivência do próximo.

No Brasil, são os formandos em direito Geral, aproximadamente 860 mil ao ano. Comparando com os formandos em economia, que são 88 mil ao ano, essa diferença é mais do que perceptiva.
Para entender a causa disso e, solucionar este problema social que desrespeita não só as outras profissões mas como os atuantes dela que sofrem pressão social por se sentirem inferiores., é preciso voltar ao ensino paternal, em que, em casa desde quando a criança aprende a ler e escrever, se é ensinando que para ter uma boa qualidade de vida é preciso uma faculdade que demore, uma faculdade que seja cara, porque apenas o que tem alto custo é bom e justo.

Muitos estudantes tiveram esse tipo de ensino em suas residências, e por isso, hoje em dia cursam, ou em algum momento cursaram faculdades que não atingiam os seus sonhos e desejos do que querem ser., causando outro problema para a sociedade, que seria a depressão.
Até onde muitos estudantes conseguem chegar antes mesmo de cursar o que seus pais ou responsáveis o impõem.

Este tema pode ser visto e lido em diversos filmes e livros. Infelizmente, é algo muito comum desde muito tempo, e algo que ainda persiste, por exatamente não ser discutido um tema tão inerente a nossa vida e a dos futuros cidadões: sua profissão.

E, algo tão importante na vida dos jovens sendo desfeita por um simples motivo interpessoal, que não deveria nunca ter os atingido: o ego e ignorância.

Entretanto, esses são assuntos que devem ser tratados na ala de psicológia, que para a alegria do povo vem crescendo mais de 200 mil estudantes ao ano desde 2014.


Outrossim, é muito necessário que seja feita a educação devida para as crianças, valorizando todas as profissões e fazendo-as enxergar o ponto bom de todas, logo assim, valorizando o amor ao próximo e aos direito humano de ir e vir de acordo com seus quereres.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Avatar do usuário
Por Willa
Quantidade de postagens
#68929
@Tokgh0uls, OI anjo, tudo bom? Espero demais que sim!!!

Como prometido ontem, aqui estou eu para corrigir sua redação. Apenas ressalto que, como você, também estou em constante aprendizagem, sendo que, portanto, sou passível de erros ;D

// INTRODUÇÃO 💡

"[2] Toda profissão é inerente à vida. E julgar quaisquer uma que, em sua opinião, seja fútil, é negar algo inerente a sua, ou a sobrevivência do próximo.

[3] No Brasil, são os formandos em direito Geral, aproximadamente 860 mil ao ano. Comparando com os formandos em economia, que são 88 mil ao ano, essa diferença é mais do que perceptiva.
Para entender a causa disso e, solucionar este problema social que desrespeita não só as outras profissões mas como os atuantes dela que sofrem pressão social por se sentirem inferiores., é preciso voltar ao ensino paternal, em que, em casa desde quando a criança aprende a ler e escrever, se é ensinando que para ter uma boa qualidade de vida é preciso uma faculdade que demore, uma faculdade que seja cara, porque apenas o que tem alto custo é bom e justo."


[1] Conectivos;
[2] Contextualização
[3] Argumento de autoridade (?);
[4] Tese (não encontrei!)
[Observações] De onde vieram esse dado sobre os cursos de direito e economia? Sempre é necessário colocar algo tipo "Segundo [fonte da pesquisa]" ou "De acordo com [fonte da pesquisa]", pois isso demosntra que os dados não são inventados e que eles são de fontes confiáveis. Outro ponto que gostaria de salientar é que não encontrei sua tese. O tema é preconceito com as profissões, mas não houve uma contextualização clara sobre o assunto nem algum período que dê a entender a ideia central da sua redação. Ademais, senti grande falta de conectivos e de um paragrafo único para a redação.

// PREIMEIRO PARÁGRAFO DE DESENVOLVIMENTO (D1) 📌

"Muitos estudantes tiveram esse tipo de ensino em suas residências, e por isso, hoje em dia cursam, ou em algum momento cursaram faculdades que não atingiam os seus sonhos e desejos do que querem ser., causando outro problema para a sociedade, que seria a depressão.
Até onde muitos estudantes conseguem chegar antes mesmo de cursar o que seus pais ou responsáveis o impõem."


[1] Conectivos (?);
[2] Argumento de autoridade (?);
[3] Desenvolvimento da tese (?);
[4] Oração conclusiva da D1 (?);
[Observações] Aqui no primeiro parágrafo de desenvolvimento não há a presença de conectivos que liguem as ideias, nem argumentos que deem veracidade para a tese (que não foi encontrada na introdução), culimando na falta de desenvolvimento num parágrafo que, bem, foi feito justamente para se desenvolver o que foi explicitado na introdução.

// SEGUNDO PARÁGRAFO DE DESENVOLVIMENTO (D2) 📍

"Este tema pode ser visto e lido em diversos filmes e livros. Infelizmente, é algo muito comum desde muito tempo, e algo que ainda persiste, por exatamente não ser discutido um tema tão inerente a nossa vida e a dos futuros [5] cidadãos: sua profissão.


E, algo tão importante na vida dos jovens sendo desfeita por um simples motivo interpessoal, que não deveria nunca ter os atingido: o ego e ignorância.

Entretanto, esses são assuntos que devem ser tratados na ala de [6] psicologia, que para a alegria do povo vem crescendo mais de 200 mil estudantes ao ano desde 2014."


[1] Conectivos (?);
[2] Argumento de autoridade (?);
[3] Desenvolvimento da tese (?);
[4] Oração conclusiva da D1 (?);
[5] Palavra escrita incorretamente
[6] Palavra comacentuação equivocada
[Observações] Na D2 ocorreu o mesmo que na D1, então não vou repetir o que já foi dito. Minhas únicas observações é que "o curso de Psicologia" não possui acento, mas as "características psicológicas de um indivíduo". Além disso, o plural de "cidadão" é "cidadãos", não "cidadões", tudo bem?

// CONCLUSÃO 🏆

"[1] Outrossim, é muito [3] necessário que seja feita a educação devida para as crianças, valorizando todas as profissões e fazendo-as enxergar o ponto bom de todas, [7] logo assim, valorizando o amor ao próximo e aos direito humano de ir e vir de acordo com seus quereres."

[1] Conectivos;
[2] Agente (?)
[3] Ação
[4] Modo como essa ação será colocada em prática (?)
[5] Objetivo da ação (?)
[6] Detalhamento (?)
[7] Uso incorreto dos conectivos
[Observações] Por fim, na sua conclusão não houve uma proposta de intervenção que solucione os problemas apresentados, apensa a exposição do que deveria ser feito. Vale lembrar que a conclusão vale 200 pontos no ENEM, então vale a pena se atentar a isso. Ademais, vale salietar, que o, nesse caso, ou se usa o conectivo "logo" ou o conectivo "assim", pois não há nenhuma necessidade de usá-los juntos, visto que sozinhos eles já dão a ideia de conclusão do raciocínio.

// OPINIÃO GERAL

Gostei bastante da sua redação, mas creio que ela não está de acordo com o modelo de redação do ENEM. No caso, o modelo utilizado pelo ENEM (e que muita gente na plataforma usa), é um em que consiste em:

1. Introdução: 6 linhas; contextualização; apresentação da tese;
2. Desenvolvimento: 2 parágrafos, cada um contendo cerca de 8 linhas; argumentos de autoridáde; desenvolvimento da tese;
3. Conslusão: pelo menos 6 linhas; apresentação de uma proporta de interveção (que é a apresentação de uma solução para o problema apresentado) com agente, ação, modo, objetivo e detalhamento.

Uma excelente explicação do que estou tentando dizer você pode ver no link a seguir, em que há uma série de vídeos muito bem explicados sobre o modelo de redação utilizado no ENEM: re-videoaula-passo-a-passo-para-a-redac ... t1952.html
Deixo aqui, também, uma lista de conectivos com suas respectivas funções para que, desse modo, você os use com mais frequências nas suas próximas redações: http://canalinteligente.com/wp-content/uploads/2017/04/tabela-de-conectivos-Clube-de-Reda%C3%A7%C3%A3o.pdf

Por fim, agradeço muito por você ter me marcado e espero do fundo do meu coração que eu tenha te ajudado de algum modo e que os links que deixei aqui te ajudem a ter um melhor direcionamento sobre o assunto.
Qualquer dúvida, estarei a disposição!
Beijinhos 🤗🌼

JoaoPedro72 , qual dica você me daria para[…]

Sua redação ficou muito boa, mas pec[…]

Seu texto ficou muito bom, mas busque entender sob[…]

1-poucos erros gramaticais, você escreve b[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM