Avatar do usuário
Por Lucaslhbl
Quantidade de postagens
#126551
Sob a égide da promulgação da Constituição de 1988, o deputado Ulysses Guimarães profetizou que ela seria: “a voz, a letra e a vontade do Brasil rumo à mudança”. Entretanto, ao observar o fenômeno do crime organizado no Brasil atual, percebe-se que tal fantasma não somente não desapareceu, mas é um fenômeno que cresce a cada dia, seja em razão seja em razão da situação econômica do país ou influenciado pela legislação branda em vigor.

Primeiramente, é sabido que na maioria dos países os índices de criminalidade estão correlacionados ao nível de satisfação econômica. Nos países mais pobres, a opção pela criminalidade se dá em razão da própria necessidade de sobrevivência em muitos casos, posto que a falta de oportunidades, seja de emprego ou estudo, empurram os cidadãos comuns à atividade criminal. Neste contexto brasileiro, a realidade periférica do Brasil faz com que o país se concerta num ambiente fértil para o florescimento do grupos organizados e voltados para o crime.

Outrossim, para além da questão econômica, um fator decisivo para o aumento da criminalidade no Brasil é a ausência de legislações duras para combater o crime organizado. O Código Penal Brasileiro, em vigor desde 1942, é desatualizado em demasia, de modo que, mesmo com as inúmeras reformas, não acompanha inteiramente os anseios da sociedade. No ambiente nacional, a passividade da lei é um fator encorajador das organizações criminosas, que, certas da insuficiência legislativa, se sentem confiantes para continuar com as suas atividades.

Portanto, é racional deduzir que o Brasil tem se tornado um país cada vez mais atraente para as organizações criminosas. Para combater essa questão, é necessário não somente uma ampla reforma econômica e educacional, que permita o afastamento dos cidadãos da tentação criminosa, como também o endurecimento da legislação penal, por meio de uma reforma ampla no código criminal. Assim, a satisfação econômica e o aumento das penas se converterão em um piso firme e palpável para um país mais livre do crime organizado.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
367 Exibições
por Trevo
O crime de Drogas no Brasil
por lucasjoserrr    - In: Outros temas
0 Respostas 
69 Exibições
por lucasjoserrr
2 Respostas 
240 Exibições
por Vitao96
Local de Crime
por alynena    - In: Outros temas
0 Respostas 
116 Exibições
por alynena
0 Respostas 
170 Exibições
por NAYYYzinha
Stalker: Quando é considerado um crime?
por sophiagabr    - In: Outros temas
0 Respostas 
119 Exibições
por sophiagabr
7 Respostas 
248 Exibições
por Mateus11111
2 Respostas 
208 Exibições
por Felipe082
0 Respostas 
117 Exibições
por walberwsr
1 Respostas 
84 Exibições
por Lauany25

Crítico. Tolerante. Consciente. Esperan&cce[…]

Desde o período antigo, filósofos co[…]

O trabalho sempre foi alvo de uma suposta valoriza[…]

Como tudo no mundo, os recursos tecnológico[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM