Avatar do usuário
Por Brunoolive
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#112733
Tendo em vista que, a constituição federal de 1988, documento jurídico mais importante do país, prevê em seu artigo 6°, o direito a segurança como inerente a todo cidadão brasileiro. Sem embargo de, tal prerrogativa não tem se reverberado com ênfase na prática quando percebe-se o discurso de ódio e anonimato nas redes sociais no Brasil, estorvando, deste modo, a universalização desse direito social tão importante. Diante dessa perspectiva l, faz-se imperiosa a análise dos fatores que favorecem esse quadro.
Em primeira análise, deve-se salientar a ausência de medidas governamentais para combater a intolerância oculta que se encontram nas mídias sociais. Nesse sentido, tal problema vem permeando entre a sociedade e culminando em uma série de problemas, em um levantamento executado pelo projeto Comunica que Muda, após vasculhar plataformas como Facebook, Twitter e Instagram, foram assinalado 393.284 menções, dentre elas 84% ocorreram com questionamento negativo.
Tendo em vista os aspetos observados, é fundamental apontar a negligência governamental como impulsionador da aversão anônima existente nas redes sociais no Brasil. Segundo o escritor, psicanalista e dramaturgo italiano Contardo Calligaris reforça a disseminação dos discursos de ódio nas redes sociais que "deveríamos ter limites claros ao que é o campo da liberdade de expressão, que é intocável, e o momento em que aquilo se torna uma ameaça." Logo é inadmissível que esse cenário continue a perdurar.
Em virtude dos fatos mencionados, a necessidade de se combater esses obstáculos. Para isso, é imprescindível que o governo elabore uma lei que torna obrigatório a punição desses praticantes de ataques ofensivos nas redes sociais, com pena de cadeia em casos graves e expulsão do individuo por tempo indeterminado e passar informações no ato do cadastro de o que é considerado crime cibernético e como efetuar denúncia, a fim de minimizar os impactos causados.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
O discurso de ódio nas redes sociais
por Raiara18    - In: Outros temas
0 Respostas 
58 Exibições
por Raiara18
Os discursos de ódio nas redes sociais
por Geovanas14    - In: Outros temas
0 Respostas 
130 Exibições
por Geovanas14
0 Respostas 
50 Exibições
por vitoriafink
0 Respostas 
2694 Exibições
por eduardo879
0 Respostas 
1699 Exibições
por gabs0521
Liberdade de expressão e discurso de ódio
por bruhvitoria    - In: Outros temas
0 Respostas 
131 Exibições
por bruhvitoria
0 Respostas 
1114 Exibições
por lipssin
0 Respostas 
716 Exibições
por Ftlouie
0 Respostas 
828 Exibições
por iamtheuzkk
3 Respostas 
364 Exibições
por Mayrita23

Felipe082 Maxy Alunaaaamed Casey12 Ol[…]

Na redação acabei escrevendo uma fra[…]

Originado pela necessidade constitucional de admin[…]

Alimentação Saudável é[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM