Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#60266
No seriado "Modern Family", disponível na Netflix, Mitchell e Cameron são um casal gay, juntos há cinco anos, que decidem adotar um bebê. Na volta para casa, durante o voo, eles percebem certos olhares por parte de alguns passageiros ao descobrirem que o bebê foi adotado por um casal do mesmo sexo. A situação se torna mais desafiadora quando Mitchell tem que dar a notícia a sua família, já que seu pai tem certa dificuldade em aceitar o seu relacionamento. De mesmo modo, fora das telas, essa vicissitude é uma realidade e as dificuldades em relação a pluralidade familiar no Brasil ainda persistem, seja pela influência do patriarcado, ou pela influência da mídia.
Em primeiro lugar, deve-se destacar a influência do patriarcado existente na sociedade como um dos complicadores do problema. Nesse sentido, segundo a Declaração Universal dos Direitos Humanos -promulgada em 1948- todo indivíduo tem direito, sem qualquer restrição, de se casar e construir uma família, independente de serem do mesmo sexo ou não. No entanto, nota-se, no Brasil, que os problemas envolvendo a pluralidade familiar rompem com a defesa da legislação, uma vez que casais LGBT+ com filhos ou não sofrem ataques diariamente, ferindo assim, sua dignidade.
Outrossim, vale ressaltar que a situação é corrobada pela influência da mídia. Conforme Pierre Bourdieu, o que foi criado para ser instrumento de democracia não deve ser convertido em mecanismo de opressão. Nessa perspectiva, pode-se observar que a mídia, em vez de promover debates que a leve o nível de informação da população, influencia na consolidação do problema, disponibilizando diariamente em comerciais de televisão famílias formadas por uma mãe, um pai e seus filhos, excluindo assim os mais variados tipos de famílias existentes na sociedade. Portanto, é fundamental uma reforma na sociedade civil para que assim, a pluralidade familiar deixe de ser uma utopia.
Portanto, medidas precisam ser tomadas para amenizar o problema. Logo, os meios de comunicação em massa, por meio de comerciais, devem dar maior visibilidade aos diversos tipos de famílias, influênciando o pensamento das pessoas acerca das diferenças. Além disso, os pais e a escola, através de conversas, palestras e debates devem levar esse tema para casa e para as salas de aula, ampliando o conhecimento dos filhos e dos alunos, explicando que todos tem o direito a família e a felicidade e que não há nada de errado em fugir do "tradicional". Pois consoante a George B. Shaw, dramaturgo irlandês, "É impossível progredir sem mudança e aqueles que não mudam suas mentes não podem mudar nada".

Obs: Se você leu até aqui, me ajude pontuando. Desde já, obrigada! (◔‿◔)
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Durante a colonização do territ&oacu[…]

Higorrair pode corrigir pra mim?

Vacinação

Grande parte da população age sob in[…]

É de conhecimento geral, que a escola &eacu[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM